-->A Homossexualidade é uma doença - Educar Saúde

A Homossexualidade é uma doença

Publicado em 24/02/2010. Revisado por Equipe Editorial a 24 fevereiro 2010

A Homossexualidade é uma doença? “não, não é uma doença”foto if homosexuality is a diseaseO Conselho Nacional Executivo da Ordem dos Médicos (OM) aprovou na reunião de 29 de Dezembro uma posição oficial sobre o tratamento da homossexualidade, tendo por base um parecer do Colégio de Psiquiatria.

O debate recorrente na sociedade portuguesa sobre se os indivíduos com orientação homossexual devem, ou não, ter acompanhamento por psiquiatras conduziu a OM a uma tomada de posição.

Segundo o órgão máximo da OM, que se baseia no consenso existente entre os médicos psiquiatras, não deve existir qualquer tratamento para a homossexualidade, na medida em que não se trata de uma doença, mas sim de uma variante do comportamento sexual.
Apesar disso, nas últimas décadas, muitos homossexuais têm procurado ajuda médica com o intuito de terem alguma forma de terapêutica sexual, “algumas das quais pretendem interferir na orientação sexual”, são as chamadas “terapias reparadoras ou de conversão”.
Qualquer forma de actuação deve ser “considerada caso a caso, de acordo com a legis artis, sem ferir as convicções e crenças dos pacientes e ajudando-os, sempre que possível, na sua autodeterminação, depois de esclarecimento completo e no âmbito do consentimento informado”, recomendou a referida organização.
O médico deverá “indagar sobre a autenticidade das decisões do paciente”, estabelecer um diagnóstico de situação (quer de natureza médica quer psicológica), antes de propor algum tipo de intervenção ou a ausência desta.
O utente deverá ser “informado de que não existe evidência científica que suporte uma intervenção que resulte na completa mudança da orientação sexual”, aconselhou a OM.

Saiba mais sobre:
A informação foi útil? Sim / Não

O texto contém informações incorretas? Está faltando a informação que você está procurando? Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva-nos para que possamos verificar e melhorar o conteúdo. Não lhe iremos responder diretamente. Se pretende uma resposta use a nossa página de Contato.


Nota: O Educar Saúde não é um prestador de cuidados de saúde. Não podemos responder a perguntas de saúde ou aconselhá-lo nesse sentido.
Autores
Equipe Editorial

A essência da medicina não se restringe apenas ao diagnóstico e prescrição. A verdadeira missão está em informar, acolher, participar, apoiar e confortar as pessoas em suas dores e sofrimentos. Em ser uma referência técnica e humana em momentos de intensa insegurança e medo.

Todos os artigos desenvolvidos pela nossa equipe editorial são revisados por médicos da sua especialidade, esforçando-nos sempre para ser objetivos e apresentar os dois lados do argumento. Pode consultar a nossa equipe de especialistas Aqui

A nossa equipe concentra-se assim em garantir que o conteúdo, os produtos e os serviços fornecidos pela plataforma mantenham os mais elevados padrões de integridade médica, ajudando a garantir que todas as informações que o usuário recebe, sejam precisas, e baseadas em evidências, atuais e confiáveis.

Para além disso, todo o conteúdo é revisado e atualizado continuamente para garantir a sua precisão.

O processo de atualizações é simples.

Sabemos que os padrões de tratamento para algumas condições, como o câncer e a diabetes (por exemplo) mudam e estão em constante evolução, de modo que, existem conteúdos que devem ser revisados com maior frequência, de forma a garantirmos que a informação existente e recém-publicada reflita sempre as informações mais precisas e atuais. Saiba mais sobre nós Aqui

Se encontrou alguma imprecisão ou erro nos nossos conteúdos, informe-nos através da nossa página de Contato.