A Terapia Floral pode ser aplicada

Revisado por Equipe Editorial a 22 outubro 2018

A Terapia Floral pode ser aplicada…

… na Medicina:
Asma; Calculose Renal; Miomas Uterinos; Hipertensão Arterial; Distúrbios Menstruais; Disfunções Sexuais; Doenças Psicossomáticas; Stress; Bronquites; Alergias; Enxaquecas; Gastrites; Insônia; Abscessos.

… na Psicologia:
Depressões; Ansiedades; Medos; Crises Psicóticas; Angústias; Traumas; Inseguranças; Auto-estima.

… na Educação:
Dislexia; Hiperatividade; Dificuldades de compreensão, concentração e expressão.

… nas Organizações:
Motivação de pessoas e equipes; Adaptação a novas situações; Melhora do “espírito de equipe”; Desenvolvimento de lideranças; Cooperação entre funcionários; Aumento da criatividade.

Outras áreas de aplicação da Terapia Floral são a Fonoaudiologia; Fisioterapia; Enfermagem; Direito; Administração; Odontologia; Medicina Veterinária; Acupuntura; Assistência Social; Massagem e a Aromaterapia.

Algumas flores e suas utilizações

Iris – Criatividade

Ibiscos – Aumenta a receptividade sexual

Margarida – Melhora a assimilação de ideias

Rosa – Motivação

Lírio – Estimula os aspectos femininos

Lótus – Equilíbrio geral da pessoa

Camomila – Acalma tensões

Flor do Milho – Para pessoas que não se adaptam a grandes cidades

Ler tambem:

Essências florais