Acamados – Como lhes lavar o cabelo

Publicado em 29/01/2011. Revisado por Reinaldo Rodrigues (Enfermeiro - Coren nº 491692) a 12 dezembro 2018

Acamados – Como lhes lavar o cabelo:

Publicidade

Por que razão é importante manter o cabelo lavado?

Manter o cabelo lavado pode diminuir o número de bactérias (germes causadores de doença) presentes numa pessoa que esteja doente. O cabelo lavado pode, inclusivamente, ajudar a pessoa a sentir-se melhor e a ter uma melhor aparência. Quando o cabelo é lavado, elimina-se a oleosidade e a sujidade, o que ajuda a evitar possíveis irritações da pele.

Com que frequência se deve lavar o cabelo?

O médico dir-lhe-á quando poderá lavar o cabelo. Geralmente, ele pode ser lavado com a mesma frequência com que a pessoa o lavava antes de ficar doente.

Como lavar o cabelo de um acamado:

Lavar o cabelo de um acamado é mais fácil se se usar um tabuleiro ou um suporte de lavagem. Um suporte de lavagem é, geralmente, de plástico e possui uma abertura em forma de U para o pescoço. O suporte possui um tubo por baixo, que conduz a um balde ou a um cesto, para efeitos de drenagem da água. Poderá adquirir este suporte através de um fornecedor de equipamento médico. Também poderá criar um suporte de lavagem em casa. Proceda da seguinte forma. Enrole uma toalha, dando-lhe a forma de um tronco. Dobre-a em U. Coloque a toalha em forma de U dentro do rebordo de um saco grande de plástico. Coloque a extremidade da toalha dentro do saco, debaixo do pescoço e da cabeça da pessoa. Certifique-se de que a extremidade do saco de plástico está fora da cama. Disponha o rebordo do saco de plástico de modo a formar um suporte que permita que a água seja drenada para um balde ou cesto. Reuna os seguintes objectos e coloque-os num local de fácil alcance.

Suporte de lavagem.

Toalhas.

Esponja.

Pente e escova.

Publicidade

Shampoo.

Cesto de plástico, balde ou lata.

Bacia com água morna.

Jarro de plástico.

Luvas.

Algodão.

Como lavar o cabelo utilizando o suporte de lavagem:

Prepare a pessoa e a cama.

Coloque os lençóis aos pés da cama. Cubra a pessoa com uma ou mais toalhas grandes por uma questão de privacidade.

Coloque o cesto no chão ou num banquinho aos pés da cama.

Publicidade

Se lhe for permitido, baixe a cabeceira da cama e coloque-a na posição horizontal. Retire a almofada de debaixo da cabeça da pessoa.

Cubra a cabeceira da cama com um resguardo à prova de água para evitar molhar a cama.

Publicidade

Coloque uma toalha debaixo do pescoço da pessoa para funcionar como ponto de apoio para o pescoço e evitar a pressão contra o suporte de lavagem. Deixe cair as extremidades sobre os ombros para os manter quentes.

Levante delicadamente a cabeça da pessoa e coloque-lhe o suporte de lavagem debaixo da cabeça, com a abertura em U debaixo do pescoço. Se usar um suporte de lavagem, coloque-o debaixo do pescoço.

Lavar o cabelo da pessoa.

Encha o jarro com água morna da bacia. Molhe cuidadosamente o cabelo da pessoa e certifique-se de que a água escorre para o balde ou para o cesto.

Tente impedir que a água vá para os ouvidos da pessoa. Se desejar, introduza um pouco de algodão nos ouvidos.

Coloque uma pequena quantidade de shampoo na cabeça da pessoa e esfregue delicadamente o cabelo e o couro cabeludo.

Enxagúe o cabelo da pessoa com água morna até eliminar o shampoo.

Aplique amaciador no cabelo, se desejar, e enxagúe devidamente.

Publicidade

Secar e pentear o cabelo da pessoa.

Retire o suporte de lavagem.

Enxugue o cabelo e enrole-o numa toalha.

Penteie e escove o cabelo.

Limpar a área.

Mude os lençóis, se necessário.

Certifique-se de que a pessoa está numa posição confortável.

Retire e arrume os objectos utilizados aquando da lavagem.

Limpe e arrume o suporte de lavagem, a bacia, o cesto e o jarro.

Retire a toalha em forma de tronco do suporte de lavagem.

Publicidade
Saiba mais sobre:
Autor
Reinaldo Rodrigues (Enfermeiro - Coren nº 491692)

Enfermeiro - Coren nº 491692

O Reinaldo Rodrigues formou-se em agosto de 2016, pela Universidade Padre Anchieta, em Jundiai. Fez curso de especialização em APH (Atendimento Pré-Hospitalar), pela escola 22Brasil Treinamentos, em Barueri, curso de 200 horas práticas, com foco em acidentes de trânsito.

Trabalha como Cuidador de Idosos há 5 anos, e possui experiência em aspiração de vias aéreas, banho de aspersão, curativos, tratamento e prevenção de Lesão por Pressão, gerenciamento de Equipe de cuidadores com elaboração de escalas. Treinamento e acompanhamento de cuidadores nas casas dos pacientes.

Também pode encontrar o Reinaldo no Linkedin.

Publicidade

Acamados – Como lhes lavar o cabelo