Alergia em Crianças

Revisado por Equipe Editorial a 24 outubro 2018

O seu filho está constantemente a tossir e parece que está sempre constipado?

Ou então, está sempre com coceira e com borbulhas na pele? Se a resposta é sim, então é provável que ele tenha alguma alergia.

Alergia em Crianças

As alergias respiratórias e da pele são das mais habituais, havendo no entanto muitas outras, que causam outros sintomas.

Apesar de a asma, a rinite e os eczemas atópicos serem as manifestações mais comuns, na realidade, existem muitas outras, resultado de alguma reação alérgica do seu filho.

Saiba mais sobre a alergia em crianças, os seus sintomas, como diagnosticar e como tratar.

Alergia em crianças

A alergia é uma reação imunológica exagerada do organismo, que ocorre quando a criança entra em contato com uma determinada substância alergênica.

Este contato pode ser feito através do toque, ingestão ou inalação, consoante o agente alérgico.

Os agentes que podem produzir alergia em crianças incluem pó, gramíneas, pólen, gatos e cães, cremes, produtos de higiene, alimentos, e ainda, agentes irritativos como poluição do ar e outros químicos.

Ao contrário dos adultos, as crianças têm maior facilidade em desenvolver alergias, especialmente as alimentares.

No caso das alergias alimentares, apesar de surgirem frequentemente, nem sempre são permanentes, já que podem desaparecer à medida que o sistema digestivo amadurece.

Por exemplo, as alergias a trigo, ovo ou ao leite podem desaparecer a partir dos seis anos. Pelo contrário, alergias a frutos do mar, peixe ou castanha, geralmente são crónicas.

Sintomas de alergia em crianças

Dependendo do agente responsável, podem surgir diversas manifestações numa reação alérgica em crianças. Se o seu filho tiver um ou mais dos seguintes sintomas, deverá consultar o médico pediatra.

Os sintomas de alergia em crianças incluem:

– olhos lacrimejantes;

– rinite;

– asma;

– dificuldades respiratórias;

– espirros;

– formações inchadas e avermelhadas na pele;

– língua e lábios inchados;

– coceira;

– gases;

– diarreia;

– cólicas.

Como diagnosticar alergia em crianças

Se existir suspeitas de alergias, tem de ser realizado um diagnóstico, de forma a identificar o agente causador.

O teste de alergias é a ferramenta mais eficaz, onde o médico expõe a criança a vários agentes alérgicos, observando de seguida em quais é que ocorre manifestação de sintomas.

Contudo, este teste deve apenas ser feito após os 5 anos de idade. Até aí, os pais e o médico deverão estar atentos a todos os sinais de alergias e tentar relacionar com o agente causador.

Por exemplo, se na primavera e outono o seu filho está constantemente constipado, com espirros e nariz congestionado, o que não acontece com a mesma frequência no resto do ano, então a causa pode ser alguma alergia respiratória.

Ou então, se em determinados dias, após uma refeição, ele fica com diarreia, gases e cólicas, e essas refeições tiverem em comum um determinado alimento, então ele pode ser alérgico a esse alimento.

Como tratar alergia em crianças

Antes de mais, e como a maioria das alergias duram toda a vida, o primeiro passo para o seu tratamento é evitar o agente causador.

Caso não haja possibilidade de evitar, ou então, ocorra uma exposição acidental, pode ser prescrito um anti-histamínico, que irá combater a reação alérgica, reduzindo os seus sintomas.

Em caso de sintomas muito intensos, deverá levar a criança imediatamente a um hospital.

Conheça Os 10 Alimentos Mais Saudáveis para Crianças