Anatomia da Vagina: Tudo o que você precisa saber sobre a Vagina (e um pouco mais)

Quando somos crianças, aprendemos que os meninos têm pênis, e as meninas têm vagina, o que não é bem verdade.

Sem abordar a identidade de gênero, podemos afirmar que as pessoas atribuídas ao sexo feminino desde o nascimento também têm, além da vagina, várias outras partes íntimas.

Portanto, não é totalmente correto correlacionar a “rede” situada entre as pernas somente à “vagina”.

Para chegar ao centro do assunto, nós conversamos com a Dra Melanie Davis (uma educadora sexual certificada e consultora de educação sexual), que nos levou a uma tournê virtual pela vagina e regiões adjacentes.

Em primeiro lugar, Davis recomenda usar um espelho e uma luz antes de dar uma boa olhada entre as pernas — você também pode usar a configuração selfie da câmera do seu celular; talvez resista à tentação de tirar uma foto 🙂

Você não só deve conhecer o seu próprio corpo porque, antes de mais nada, ele é seu, mas também para mantê-lo seguro.

Se você já notou alguma coisa diferente lá (ou seja, vermelhidão, inchaço, etc.), você já sabe qual seria um padrão saudável e pode avisar um médico sobre quaisquer alterações.

Confira tudo o que você precisa saber sobre a anatomia da sua vagina (de fora para dentro), incluindo alguns fatos que certamente te surpreenderá.

Anatomia Vaginal, Tudo O Que Você Precisa Saber Sobre A Vagina E Muito Mais

Clique para ver a Imagem da Anatomia da Vagina

Vulva

Quando as pessoas se referem à “vagina”, elas normalmente estão falando sobre a vulva, que compreende todas as partes externas, incluindo os lábios internos e os externos.

Grandes lábios/lábios externos

Eles são os primeiros a serem vistos, sendo que o pelo os envolve naturalmente. De acordo com Davis, a função dos grandes lábios vaginais é proteger as partes internas mais sensíveis.

Pequenos lábios/lábios internos

Os pequenos lábios vaginais fornecem a segunda camada de proteção para as estruturas e aberturas subjacentes, e também têm glândulas sebáceas, que lubrificação a região para manter você confortável.

Davis também afirma que os pequenos lábios vaginais são a parte anatômica mais suscetível de causar estresse nas mulheres devido ao formato deles.

Saiba que pequenos lábios podem ser assimétricos, ultrapassar os grandes lábios, e que as bordas deles podem não ser totalmente lisas.

“O importante é compreender que os nossos lábios vaginais são tão únicos como as nossas impressões digitais. “Eles são diferentes em todas as mulheres”, explica Davis. “Não há uma anatomia certa ou errada.”

» O Tamanho da sua Vagina é Normal? Saiba Tudo

Clitóris e o prepúcio do clitóris

De acordo com Davis, o clitóris pequeno (o minúsculo nó que você vê na parte superior da área externa, quando espalha os lábios) contém 8.000 terminações nervosas.

Isso significa que ele é muito sensível e, para muitas mulheres, estimulá-lo é a melhor forma de chegar ao orgasmo.

O prepúcio, um retalho de pele que desliza para a frente e para trás, tem as funções de proteger o clitóris e de evitar uma irritação e excitação em momentos indesejáveis.

Quando você estiver excitada, no entanto, o prepúcio desliza para fora e expõe o clitóris.

O clitóris exterior (o qual você pode ver e sentir) fica realmente conectado a um clitóris interno (!) — mais detalhes sobre isso na sequência.

» A Sua Vagina ou Vulva é Muito Grande — ou Muito Pequena? Descubra

Uretra

Essa pequena abertura, que é de onde vem a urina, fica logo abaixo do clitóris.

Ela é de difícil visualização e, realmente, não se sente nada lá.

Davis diz que muitas mulheres jovens confundem o clitóris com a uretra, mas não se engane.

Vestíbulo

Logo abaixo da uretra encontra-se o introitus, também chamado de vestíbulo ou abertura/orifício da vagina.

Pense nele como um hall de entrada.

“Ao entrar em um edifício comercial, passamos por uma pequena área onde há dois conjuntos de portas,” diz a Dra Davis.

Basicamente, o vestíbulo é a entrada que leva à vagina, a qual está dentro do seu corpo.

Também é importante dizer que existem muitas variações de cor em toda a área externa da vulva — as tonalidades dependem do seu tom de pele e do fato de você estar sexualmente excitada.

Clitóris interno

Anatomia De Clitóris Interno

Esse conceito é impressionante e uma descoberta anatômica relativamente recente.

Você tem uma estrutura em forma de osso, estendendo-se da parte externa do clitóris — ponta do ossinho do prazer — à área dos grandes lábios — bem lá no fundo.

“Trata-se do tecido manipulado durante a excitação sexual,” diz Davis.

Então, o nível de excitação sexual feminina é literalmente muito mais amplo do que os olhos podem enxergar.

Vagina

Anatomia Do Interior Da Vagina

Assim, agora você percebe por que chamar toda a região íntima de “vagina” é algo impreciso?

A vagina, também chamada de canal do parto, leva ao útero. (Descubra O que acontece com a vagina depois do parto)

“As pessoas pensam que a vagina é um tubo que está sempre aberto, mas não é. Ela é um músculo que, quando em repouso, permanece fechado”, esclarece Davis. ”

As paredes se tocam, a menos que haja um absorvente interno, um dedo ou qualquer outro acessório lá dentro.

“Então, a mulher não sai andando por aí com um buraco aberto no corpo.”

Além disso, não há como “perder” nada que tenha sido inserido na vagina.

Ela é uma bolsa fechada que não conduz para o resto do corpo.

Por fim, é normal que, ao toque, a vagina fique sulcada e irregular.

Saiba o que é o Câncer de Vagina

Colo do útero

O colo do útero é como um “pescoço”, a parte do útero que se estende até a vagina.

É o lugar onde o ginecologista recolhe uma amostra para um teste de Papanicolau.

Também é a parte que se dilata antes da mulher dar à luz.

Nos demais casos, a região continuará fechada, abrindo apenas o suficiente para liberar sangue e outros fluidos do útero durante o período menstrual.

Se você chegar a tocá-lo, ele se parece com a covinha de um punho fechado.

Útero

O útero é o lugar onde o futuro bebê (caso você queira ter um) viverá durante nove meses.

O útero descama o endométrio a cada 28 dias (quando não houver gravidez), período também conhecido como ciclo menstrual.

Você não pode sentir o útero a partir de área externa do corpo… ele está inserido muito profundamente no abdômen inferior.

Selecionámos para si um artigo sobre Feridas no Colo do Útero e outro sobre Líquidos no Útero.

Trompas de Falópio e ovários

Os ovários liberam um óvulo por mês e o enviam até o útero, onde ele ficará aguardando o encontro com algum esperma, a fim de iniciar a fecundação e a vida do bebê. Descubra Como Desobstruir as Trompas de Falópio Naturalmente.

Continua » Conhece a sua Vagina? Descubra 22 Fatos Vitais sobre Ela!

Referências

http://goaskalice.columbia.edu/
https://www.plannedparenthood.org/