Artrite Séptica

ARTRITE SÉPTICA ( ARTRITE BACTERIANA AGUDA NÃO GONOCÓCICA – CAUSAS SINTOMAS E CARACTERISTICAS DO DIAGNOSTICO
Os principais sintomas são Dor aguda, tumefação, eritema, calor e restrição dos movimentos das articulações.
Tipicamente monoarticular; joelho, anca, pulso, ombro ou tornozelos estão mais freqüentemente acometidos.
Em geral, a infecção ocorre por semeadura hematogênica da membrana sinovial.
Lesão prévia da articulação (p. ex., doença articular degenerativa, artrite erosiva) e o uso abusivo de drogas intravenosas são fatores predisponentes.
Microrganismos mais comuns: Staphylococcus aureus, estreptococos do grupo A, Escherichia coli e pseudomonas aeruginosa;
Haemophilus influenzae em crianças com menos de 5 anos de idade; Staphylococcus epidermidis após artroscopia ou cirurgia
articular.
Contagem de leucócitos do líquido sinovial > 50.000/μl (microlitros); cultura do líquido sinovial positiva em 50 a 75% dos casos, hemocultura em 50%.

DIAGNOSTICO DIFERENCIAL
. Artrite gonococica
. Sinovite microcristalina
. Artrite reumatoide
. Doença de Still
. Endocardite infecciosa (pode estar associada)

ARTRITE SÉPTICA TRATAMENTO
Devem-se administrar antibióticos intravenosos empiricamente.
A articulação presisará de procedimentos de drenagem cirurgica por aspiração com agulha ou no centro cirúrgico, se a articulação acometida for inacessível à beira do leito (p. ex, ombro ou quadril).
Repouso, imobilizaçâo e elevação.
Remoção de protese articular, ou outros implantes de material estranho, para prevenir o desenvolvimento de osteomielite.

Dica
Na ausencia de pneumonia ou endocardite, a artrite pneumocócica indica mieloma multiplo, até prova em contrario.