Artroscopia do joelho: Tempo de recuperação, preço e pós operatório

Revisado por Equipe Editorial a 24 outubro 2018 - Publicado a 21 de abril de 2015

O joelho é uma das articulações mais importantes do corpo humano, sendo também a maior. No joelho convergem músculos, ossos, tendões, ligamentos, meniscos, cartilagens, fazendo desta articulação uma estrutura muito móvel e extremamente complexa. Além disso, é ainda uma articulação muito exposta e que suporta a maior parte do peso corporal, sendo assim uma região onde frequentemente surgem problemas.

artroscopia de joelho

É difícil alguém passar toda a sua vida adulta sem ter sofrido algum tipo de lesão no joelho. Um dos tratamentos mais comuns para debelar problemas nesta articulação é a artroscopia do joelho. Saiba mais sobre este procedimento e confira algumas informações importantes.

O que é artroscopia do joelho?

A artroscopia do joelho é procedimento cirúrgico, pouco invasivo, que pode ser usado para diagnosticar ou corrigir qualquer tipo de alteração sofrida por esta articulação. Através desta operação o médico poderá observar o interior da articulação, conseguindo assim verificar o problema, ou até, tratá-lo.

Em determinadas ocasiões, o médico não consegue ter uma confirmação exata do problema que assola o joelho do paciente. A artroscopia do joelho torna-se assim um meio de diagnóstico preciso. No entanto, este procedimento é apenas utilizado em último caso, apenas depois de terem sido analisados todos os meios de diagnóstico possíveis.

Estes incluem um exame físico, a história clínica, radiografias e ressonâncias magnéticas. Só depois é que se avança para uma artroscopia de joelho.

A artroscopia do joelho é acima de tudo um procedimento de tratamento e correção de alterações na zona do joelho. Assim, através desta cirurgia é possível remover fragmentos de cartilagem e de ossos no interior do tecido sinovial inflamado ou de uma articulação, remover, reconstruir ou reparar ligamentos e meniscos, entre outras alterações. Na maior parte das vezes, a artroscopia de joelho é utilizada para reparar ligamentos ou para corrigir uma rutura do menisco.

Como se realiza uma artroscopia do joelho

De uma forma geral, a artroscopia do joelho é realizada no regime de hospital de dia. Ou seja, o paciente recebe alta no próprio dia da operação. O procedimento cirúrgico dura em média entre 45 minutos a 1 hora. Esta cirurgia pode ser realizada com anestesia peridural, local ou raqui, podendo o paciente estar acordado e lúcido durante o procedimento, dependendo do tipo de anestesia escolhida.

A artroscopia do joelho inicia-se fazendo-se dois furos na articulação, sendo um deles para inserir o artroscópio e o outro para introduzir os instrumentos necessários para corrigir o problema. O artroscópio é um aparelho composto por um tubo cilíndrico, fino e rígido, com uma microcâmera na ponta.

Esta microcâmera, com fibras óticas, transmite para um monitor de televisão o que se passa dentro da articulação, permitindo assim ao médico-cirurgião observar o seu interior e orientar os seus movimentos de correção durante o procedimento. Este é assim um procedimento minimamente invasivo e de recuperação rápida, visto não existirem cortes e as cicatrizes serem de pequena dimensão.

Tempo de recuperação da cirurgia

Sendo um procedimento rápido, simples e pouco invasivo, uma artroscopia do joelho tem uma recuperação relativamente rápida. Geralmente, o paciente sai do hospital no próprio dia, apenas como o curativo no joelho, que pode ser retirado logo no dia seguinte. Nalguns casos, pode ser necessária a toma de anti-inflamatórios depois da cirurgia, durante 7 dias.

De uma forma geral, o paciente pode tomar banho nos dias seguintes à cirurgia, devendo apenas ter o cuidado de evitar direcionar o jato de água para o local das incisões. Durante os primeiros dias após o procedimento, há alguns cuidados importantes, que incluem elevar ao máximo a perna, de modo a reduzir o edema, e aplicar gelo na zona da articulação, protegendo a pele com um tecido fino.

Apesar de ser uma recuperação rápida, o tempo necessário até atingir a recuperação total pode variar entre os 4 e os 6 meses. Depois de uma cirurgia desta natureza, a capacidade de dobrar o joelho fica prejudicada e a força muscular reduzida, sendo por isso essencial fazer fisioterapia durante este período de tempo.

As sessões de fisioterapia terão assim a função de exercitar o joelho, promovendo o fortalecimento da articulação e dos músculos da perna. Por essa razão, nalguns casos podem ser necessárias muletas ou bengalas durante algum tempo.

Evolução da artroscopia de joelho

Apesar de na maioria das vezes uma artroscopia de joelho ter uma recuperação total, a sua evolução depende sempre da gravidade da lesão que motivou o procedimento. Em certos casos pode manter-se durante um período prolongado algum tipo de limitação, ou ainda, de forma permanente.

No entanto, a maior parte dos casos evolui de forma totalmente satisfatória, e ao fim de 6 a 8 semanas o paciente não sentirá qualquer limitação nas suas atividades físicas habituais, devendo no entanto evitar ainda exercícios com impacto forte.

Preço da artroscopia de joelho

O preço de uma artroscopia de joelho depende muito de região para região, e de clínica para clínica. Em média, o preço de uma artroscopia de joelho como forma de diagnóstico tem um custo de 200 reais, e o preço de uma artroscopia cirúrgica do joelho ronda os 500 reais.