Beber Vinho Melhora a Digestão

Revisado por Drª Raquel Pires (Nutricionista - CRN-6 nº 23653) a 19 novembro 2018

Beber Vinho Melhora a Digestão

Para quem tem problemas de digestão, beber um copo de vinho tinto durante as refeições pode ajudar bastante (provado cientificamente), isto porque o vinho aumenta bastante a produção de suco gástrico, e esta maior produção, é benéfica ao processo digestivo.

O vinho é por isso, para além de uma bebida muito apreciada, um componente muito benéfico à saúde. Mas é necessário que a ingestão de vinho seja feita de forma equilibrada e consistente. Não mais que dois copos por dia, e ingerir esta quantidade recomendada todos os dias, pois o vinho só fará bem ao organismo, se for consumido todos os dias, durante longos períodos de tempo. Beber vinhos de forma pouco consistente, não ajuda o organismo.

O vinho também contém antioxidantes, que ajudam bastante no combate à prevenção de doenças, como por exemplo de úlcera gástrica, pedra nos rins e também esofagite. No entanto o vinho não é recomendável a todas as pessoas, para quem sofre de gastrite é recomendável que não beba vinho enquanto os sintomas da doença estiverem presentes.

Recentemente, alguns pesquisadores e cientistas portugueses, afirmam ter descoberto que a acção antioxidante do vinho ajuda na absorção de nutrientes. Isto porque o vinho, possui alguns elementos que libertam substancias como óxido nítrico, que auxilia a dilatação das artérias da parede do estomagado, e dessa forma relaxa-a que por sua vez facilita a passagem de nutrientes no sangue.

Está provado assim, que o vinho é das bebidas, senão mesmo a bebida que faz mais bem ao corpo humano, desde que seja ingerido de forma equilibrada, como qualquer outra bebida ou alimento, é preciso de ter conta, peso e medida para tudo.