Bebés – Os primeiros cuidados e sinais

Revisado por Equipe Editorial a 13 janeiro 2018

Bebés – Os primeiros cuidados e sinais:

Cuidar do seu bebé: Se é pai (mãe) recente, pode sentir alguma ansiedade sobre como cuidar do seu bebé. Existem muitas formas diferentes, mas “correctas”, de cuidar do seu bebé. Pode estar mais ansioso(a) se não tiver muita experiência a cuidar de bebés. A família, os amigos e o pediatra do bebé, ajudá-lo(a)-ão no seu novo papel de pai(mãe). É muito provável que o seu bebé lhe ensine muitas coisas sobre como deve cuidar dele. A informação a seguir ajudá-lo(a)-á a aprender a cuidar e a apreciar o seu bebé. Com o tempo, poderão decidir juntos o que funciona melhor para ambos.

Sons de respiração

O seu bebé pode não ter padrões de respiração regulares. Isto significa que pode fazer inspirações curtas e, de seguida, suster a respiração durante alguns segundos. Então, o bebé pode inspirar com força. Esta respiração irregular é comum durante as primeiras semanas de vida. A respiração irregular também é mais comum nos bebés prematuros. Por volta do final do primeiro mês a respiração do bebé deverá estar mais regular.

Os bebés também fazem vários ruídos diferentes quando respiram, como por exemplo os gorgolejos ou os sons de bufar. Muitos dos ruídos são provocados pela passagem do ar através das vias respiratórias pequenas. Estes sons são normais e desaparecerão durante o processo de crescimento do bebé.

Arrotar: Os bebés engolem ar à medida que mamam ou bebem por um biberão. Este ar pode fazer com que o seu bebé tenha dores de gases. Os arrotos extraem o ar extra que o seu bebé engoliu. Faça o seu bebé arrotar após cada 56g, se o estiver a alimentar por um biberão. Os bebés que mamam deverão arrotar de 5 em 5 minutos, ou depois de mudar de seio. Pode utilizar qualquer um dos seguintes métodos para ajudar o seu bebé a arrotar.

Encoste o bebé ao seu ombro. Seguro o rabo do bebé com uma mão. Utilize a outra mão para dar pancadas leves, ou esfregar, as costas do bebé. Aguarde até o seu bebé arrotar.

Coloque, com cuidado, o seu bebé ao longo do seu colo, com a face para baixo. Segurando nele com uma mão, com segurança, se utilize a outra mão para esfregar ou bater levemente nas costas do bebé. Aguarde até o seu bebé arrotar.

Sente o seu bebé no seu colo. Incline-lhe a cabeça para a frente. Coloque uma mão na parte superior do peito do bebé, para o apoiar. Utilize a outra mão para bater levemente ou esfregar as costas do bebé. Não deixe que a cabeça do bebé caia para trás. Aguarde até o seu bebé arrotar.

Segurança no automóvel: Transporte sempre o seu bebé numa cadeira de segurança no automóvel. Esta é uma das coisas mais importantes que pode fazer para manter o seu bebé em segurança. Certifique-se de que tem uma cadeira de segurança que cumpra as normas legais para a segurança. Também é muito importante que coloque correctamente a cadeira de segurança no seu automóvel, e que a utilize da forma adequada. Consulte o tema sobre as cadeiras de segurança, para obter mais informações.

Queixo a tremer: Pode reparar que o queixo do seu bebé treme quando ele chora. Isto acontece porque o sistema nervoso do seu bebé ainda não está totalmente desenvolvido. O tremor desaparece dentro de 3 meses.

Tratamento à circuncisão

Se o seu filho tiver sido circuncidado, é provável que no fim tapem a ponta do pénis com um penso de gaze com vaselina. Normalmente, este penso sai da primeira vez que o seu filho urina. Pergunte ao médico se deve retirar o penso e colocar um novo. É importante manter o pénis o mais limpo possível. Cuide, com cuidado, quaisquer vestígios de fezes que possam ter passado para o pénis.

A ponta do pénis do seu filho pode ficar vermelha durante 7 dias, depois de ser circuncidado. Também poderá observar a descarga de um corrimento amarelo proveniente do pénis. Esta situação é normal e deverá desaparecer em 7 dias. Consulte o tema sobre “Tratamento à circuncisão” para obter mais informações.

Choro

O choro é a única forma que o seu bebé tem de “comunicar” consigo. Os bebés choram de formas diferentes por razões diferentes. O choro é uma forma do seu bebé lhe dizer que pode estar com fome, desconfortável ou solitário. Através da forma como ele chora aprenderá a saber quando é que ele quer ir para o colo, quando é que quer comer ou receber cuidados. Por vezes, o choro do bebé pode significar que apenas quer estar sozinho.

A melhor forma de lidar com o choro do bebé durante os primeiros meses é respondendo ao choro. Não pode mimar o seu bebé dando-lhe atenção. Ele também aprende que quando chora você virá ter com ele. Isto ajuda o seu bebé a aprender a confiar em si.

A maioria dos bebés tem uma hora do dia em que chora sem qualquer motivo. Estas crises de choro podem demorar entre 15 minutos a 1 hora, e normalmente ocorrem à noite. Alguns bebés apenas precisam de dormir, pois estão cansados. Não se deverá preocupar se o bebé chorar durante 5 a 10 minutos antes de adormecer. Com o tempo, o seu bebé ultrapassa esta fase de choro. À medida que vai crescendo o conhecimento e compreensão entre si e o seu bebé, vai diminuindo a frequência do choro.

Alguns bebés não conseguem adormecer sem chorar. Se o seu bebé estiver a chorar mas não estiver com as fraldas molhadas nem com fome, tente fazer algumas das coisas descritas a seguir para o confortar.

Pegue no seu bebé e embale-o numa cadeira de baloiço ou nos seus braços.

Envolva o seu bebé, de forma confortável, com um cobertor macio.

Dê pancadas leves nas costas ou no peito do bebé e fale com ele.

Faça festas na cabeça do bebé e fale com ele.

Cante baixinho para o seu bebé.

Coloque música suave no rádio, ou em qualquer outro equipamento sonoro.

Leve o seu bebé a dar uma volta de carro.

Leve o seu bebé a dar uma volta sem destino certo.

Faça o seu bebé arrotar para eliminar o gás que tenha a mais.

Dê ao seu bebé um banho quente e calmo.

Por vezes, o seu bebé pode chorar por estar doente, ou por estarem a nascer os dentes. Confirme se o seu bebé tem febre ou outros sinais de doença ou de dentes a nascer.

Estar a ouvir o seu bebé a chorar e não ser capaz de o fazer parar pode provocar-lhe alguma tensão. Peça ao(à) seu(sua) parceiro(a), ou chame um amigo, para tratar do bebé se sentir que precisa de um período de descanso. Se fizer uma pausa durante algum tempo sentir-se-á com mais força para retomar os cuidados ao bebé.

Mudar as fraldas:

Quando mudar as fraldas do bebé precisará de ter os acessórios seguintes perto de si:

Fralda limpa (e alfinetes se estiver a utilizar fraldas de pano).

Roupa lavada, se a fralda tiver deixado escapar alguma coisa.

Creme para as inflamações cutâneas provocadas pelas fraldas (se o bebé tiver inflamações cutâneas).

Toalhita de limpeza.

Sabão suave, esponja macia para lavar, bacia de água quente e uma toalha seca e macia.

Espalhe uma toalha na superfície onde vai mudar a fralda. Esta superfície pode ser no chão, numa mesa ou em qualquer outro local. Nunca deixe o seu bebé sozinho quando lhe estiver a mudar a fralda. Retire os alfinetes ou as presilhas. Feche os alfinetes e coloque-os em segurança, longe do bebé. Utilize a fralda para limpar o máximo possível das fezes. Mantenha o pénis do seu filho coberto com a fralda enquanto estiver a fazer isto, para evitar que ele urine para cima de si. Retire a fralda suja e afaste-a de si e do bebé.

Limpe a frente da área genital do bebé com uma toalhita de limpeza ou com um pano e água quente. Lave entre as dobras das pernas. Levante com cuidado ambas as pernas e lave as nádegas. Seque a pele do bebé, no caso de ter utilizado água. Aplique um óleo adequado se o seu bebé tiver uma erupção cutânea provocada pela fralda.

Levante ambas as pernas do seu bebé e coloque a fralda limpa por baixo das nádegas. Com cuidado, baixe o pénis do bebé à medida que coloca a fralda. Se ainda tiver o cordão umbilical, dobre a extremidade da fralda, para manter o cordão umbilical seco e exposto ao ar. Para evitar picar o seu bebé com os alfinetes das fraldas, coloque os dedos por baixo das camadas da fralda. Atravesse a fralda com os alfinetes. Se utilizar cuecas plásticas por cima das fraldas de pano ajuda a evitar fugas de urina ou de fezes. Mude a roupa do bebé se esta estiver manchada.

Coloque o seu bebé num local seguro (de onde não possa cair) antes de tratar da fralda suja. Deite as fezes, das fraldas de pano, na sanita. Retire a fralda da sanita e coloque-a num cesto com tampa. Se for uma fralda de papel, pode dobrá-la, apertá-la bem com fita adesiva e deitá-la fora num caixote do lixo. Se não estiver em casa no momento de mudar as fraldas, coloque a fralda suja num saco plástico até chegar a casa.

Lave as mãos com sabão e água e seque-as.

Cuidados com os ouvidos: Não coloque nada dentro dos ouvidos do bebé para tirar cera. O interior do ouvido limpa-se por si. Se utilizar uma cotonete para remover a cera pode estar a empurrá-la ainda mais para dentro do ouvido. Lave a parte exterior dos ouvidos do bebé com um pano macio ou com algodão em rama. Fale com o seu médico se pensar que o seu bebé tem demasiada cera nos ouvidos.

 

Cuidados com o prepúcio

A extremidade redonda do pénis chama-se glande. O prepúcio é a pele que cobre a glande. Antes do parto, a glande e o prepúcio crescem como uma pele única. Com o tempo, o prepúcio começa lentamente a separar-se da glande. Por volta dos 10 anos de idade, o prepúcio está totalmente separado. Então, o prepúcio pode ser totalmente afastado da glande, em direcção à barriga. A isto chama-se retracção do prepúcio.

Não é necessário um cuidado especial com o prepúcio se o seu bebé não tiver sido circuncidado. Lave os genitais (orgãos sexuais) do seu filho quando lhe der banho. Não tente puxar o prepúcio do seu filho, excepto se for recomendado pelo médico.

Cortar as unhas: Uma boa altura para cortar as unhas do seu bebé é depois do banho. A água amacia as unhas e torna mais fácil cortá-las. Ao cortar as unhas das mãos evita que o bebé arranhe a face. Pode utilizar as tesouras das unhas para bebés, pois têm as pontas redondas. As pontas redondas evitam que se corte, ou ao bebé, devido a movimento repentinos. Afaste as parte carnudas dos dedos enquanto corta as unhas, para evitar cortar a pele.

Cuidados com o nariz: O interior do nariz do bebé não precisa de uma limpeza especial. Não utilize os dedos nem as unhas dos dedos, cotonetes ou lenços de papel dobrados para limpar o nariz. Limpe o exterior do nariz se este fizer uma descarga. Utilize uma seringa com bolbo de borracha para sugar grandes quantidades de muco se o seu bebé estiver constipado.

Posição para dormir e a cama do seu bebé

O seu bebé deverá dormir de costas até, pelo menos, aos 6 meses de idade. O risco de sufocar é maior se o seu bebé dormir de barriga para baixo. Isto acontece porque ele pode não ser capaz de mexer a cabeça de um lado para o outro. O seu bebé pode estar de barriga enquanto estiver a tomar conta dele.

O seu bebé deverá dormir num berço que cumpra as normas de segurança. Os novos berços têm uma etiqueta. Esta etiqueta informa-o(a) que o berço cumpre as normas de segurança. Se o seu bebé estiver a dormir num berço usado, as barras deverão ter uma distância entre elas de cerca de 6 cm. Este espaço de intervalo entre elas evita que o seu bebé fique preso nas barras.

O colchão do berço deverá ficar bem preso contra os lados do berço. Se existir um espaço superior a 2 dedos, preencha-o com um cobertor enrolado. Não deverá utilizar protectores para o berço. A cabeça do bebé pode ficar presa entre o protector e o colchão. O seu bebé não deverá dormir em superfícies moles, como por exemplo lã de carneiro, almofadas, sacos ou almofadas de espuma. Estas superfícies podem criar bolsas de ar e asfixiar o seu bebé.

Não deixe que o seu bebé durma com a face para baixo num colchão de água. O seu bebé pode ter dificuldades em respirar se o nariz ficar contra o colchão de água. O melhor para si será o seu bebé nem sequer dormir num colchão de água.

Não encha o berço de animais de peluche. Não deverá utilizar cobertores pesados para cobrir o seu bebé. Estes cobertores não deixam que o seu bebé se mexa com facilidade.

Fumar e o seu bebé: Não deverá fumar, nem deixar que as suas visitas fumem perto do bebé. Os bebés que estejam perto de pessoas que fumam adoecem com maior frequência. O seu bebé terá maiores probabilidades de vir a sofrer infecções pulmonares se você fumar, ou receber pessoas que fumam, em sua casa. Se o seu bebé estiver perto e ficar doente, é provável que a doença dure mais tempo.

Cuspir: Durante os primeiros meses muitos bebés cospem o leite materno ou a o leite em pó, mais que uma vez por dia. O seu bebé pode cuspir porque engoliu demasiado ar ou porque comeu demasiado rápido. Se brincar muito com o seu bebé depois das refeições também pode fazer com que ele cuspa. Na maioria dos casos o seu bebé deixa de cuspir até aos 7 meses. Pode tentar alguns dos métodos a seguir para evitar que o seu bebé cuspa.

Tente atrasar a duração das refeições do bebé. Retire a tetina do biberão ou o seio depois do seu bebé ter bebido 28g de leite em pó, ou depois de ter mamado durante 3 a 4 minutos.

Faça o seu bebé arrotar depois de cada 28g de leite em pó. Se amamentar o seu bebé, faça-o arrotar quando ele tiver parado durante um bocadinho, ou antes de mudar de seio.

Certifique-se de que o orifício da tetina não está demasiado grande ou demasiado pequeno, no caso de alimentar o bebé por biberão.

Não abane nem brinque demasiado com o seu bebé durante cerca de 30 minutos após cada refeição.

Segure o seu bebé numa posição mais direita durante as refeições. Coloque-o numa cadeira infantil direita durante cerca de 30 minutos após a refeição.

Dar banho com esponja:

Nunca deixe o seu bebé sozinho enquanto lhe estiver a dar banho com uma esponja. Se tiver de sair do compartimento, cubra o seu bebé com uma toalha e leve-o consigo.

O seu esquentador de água quente não deverá estar regulado para uma temperatura superior a 49 graus C, para evitar queimaduras. A água deverá estar morna (não quente) quando tocar com a parte interna do pulso. Dê banho ao seu bebé com uma esponja até o protector do cordão cair. Se o seu bebé for rapaz e tiver sido circuncidado, dê-lhe banho com esponja até a circuncisão se curar.

A frequência com que dá banho ao seu bebé depende da sua pele, das actividades do bebé e da meteorologia. Com o tempo quente o seu bebé pode sentir-se melhor se tomar banho todos os dias. Mas o seu bebé não precisa de um banho todos os dias, pois pode secar a pele. É suficiente dar-lhe banho 2 a 3 vezes por semana se lavar bem a zona das fraldas quando as mudar. Se der banho ao seu bebé antes de o deitar durante o dia, ou à noite, pode ajudar o seu bebé a relaxar e a dormir melhor.

A hora de tomar banho nem sempre será um acontecimento divertido para o seu bebé durante as primeiras 6 a 10 semanas. O seu bebé aprenderá a ajustar-se à temperatura da água, a estar sem roupa, a ficar molhado, a ser lavado e a ser tocado.

Para iniciar o banho escolha um local quente em casa que seja plano, seguro e confortável. Este local pode ser a mesa onde muda as fraldas, o chão, a cama ou o balcão junto à banca da cozinha. Se der banho ao seu filho numa superfície acima do nível do solo, mantenha sempre uma mão a segurá-lo. Ou utilize um cinto de segurança para evitar que o seu bebé caia da mesa. Coloque um cobertor ou uma toalha macia na superfície, caso esta seja dura. Junte os acessórios seguintes antes de começar a dar banho ao seu bebé.

Bacia da água.

Sabão suave.

Shampoo para bebé.

Luva macia para lavar.

Fraldas.

Roupas limpas.

Toalha macia.

Álcool para esfregar (para limpar o cordão umbilical).

Cotonetes, para limpar o cordão umbilical.

Tesouras das unhas para bebés.

Tire a roupa do bebé, excepto a fralda. Cubra o bebé com uma toalha macia. Lave a face do bebé utilizando uma luva molhada e sem sabão. Não introduza cotonetes nos ouvidos do bebé. Se o fizer poderá estar a empurrar a cera para dentro do ouvido. Utilize um sabão suave no resto do corpo. Pode utilizar um shampoo para bebés na cabeça do bebé.

Comece no topo do corpo do bebé e lave a parte de baixo em último. Com cuidado, lave a área por trás das orelhas e nas zonas de dobras do corpo, como por exemplo no pescoço. Não utilize sabão nas zonas genitais do bebé se for menina, pois pode provocar uma irritação na área. Limpe o rabo da menina da frente para trás, para evitar que os germes de propaguem do recto para outras partes do rabo. Levante o escroto do bebé, se for menino, e lave a área por baixo. Tire bem o sabão e o shampoo com água e seque o bebé. Não precisa de utilizar loções ou pós na pele do bebé. Se quiser utilizar uma loção, coloque o frasco em água morna durante o banho do bebé. A loção estará morna quando a esfregar na pele do bebé. Os pós para bebé contêm talco e podem irritar os pulmões do bebé.

Dar banho na banheira

Nunca deixe o bebé sozinho quando lhe estiver a dar banho na banheira. Se tiver de sair do compartimento, cubra o bebé com uma toalha e leve-o consigo.

Depois do cordão umbilical do bebé ter saído, pode dar-lhe banho numa banheira. A segurança e o conforto do bebé são muito importantes quando lhe der banho na banheira. Pode utilizar a banheira familiar quando o seu bebé tiver 6 meses de idade.

Prepare a área do banho e coloque à mão tudo aquilo de que possa precisar. Leia a secção de dar banho com uma esponja, acima, para ficar a saber quais são os acessórios necessários antes de dar banho ao seu bebé na banheira.

Utilize uma banheira para bebés ou uma bacia plástica limpa. Encha-a até 50 a 75mm de altura de água morna, não quente. A água deverá estar morna para a sua pele. Lentamente, coloque o corpo do bebé na água. Utilize uma das mãos para apoiar a cabeça do bebé. A outra mão pode estar livre para lavar o bebé.

Com cuidado, apoie e incline a cabeça do bebé para junto da água. Depois de ensaboar a cabeça do bebé, utilize uma caneca para retirar o shampoo. Isto evita que a água e o shampoo passem para a cara e os olhos do bebé. O seu bebé pode ficar assustado se deitar água quente sobre a sua cabeça. O shampoo para bebé que entre para os olhos pode provocar ardor nos olhos. Lave, seque e vista o bebé de acordo com a informação fornecida acima na secção sobre lavar com esponja.

Cuidados com o cordão umbilical

Normalmente o coto do cordão umbilical do seu bebé cai do umbigo após 1 a 3 semanas. Deverá ser mantido limpo e seco até cair. Utilize algodão em rama ou uma cotonete com álcool para limpar a protecção. O álcool seca a protecção e evita que fique infectada. Limpe a protecção 2 vezes por dia até cair.

Dobre a parte superior da fralda do seu bebé, por baixo da área do protector. O ar ajuda-o a secar. É normal ver algumas gotas de sangue quando o protector começar a cair. Limpe todos os dias a área do umbigo durante 7 dias depois do protector cair. O umbigo do bebé deverá estar curado em 5 a 10 dias. Não é necessário um cuidado especial após este período.

A área à volta da protecção do bebé pode estar infectada se tiver um aspecto avermelhado ou inchado. O seu bebé pode ter uma infecção se detectar um corrimento verde ou amarelo a sair do protector. Contacte o seu médico se o bebé tiver sinais de infecção.

Quando deve contactar o médico

Contacte o pediatra do seu bebé para marcar uma consulta de acompanhamento. Anote as questões que queira esclarecer sobre como cuidar do bebé. Desta forma, não se esquecerá de fazer as perguntas na consulta seguinte.

Contacte o seu médico se a área à volta do protector do bebé estiver vermelha, inchada ou se tiver um corrimento verde ou amarelo.

Contacte o seu médico se o pénis circuncidado do seu filho estiver vermelho, quente, inchado ou com pus.

Contacte o seu médico se os olhos do bebé estiverem vermelhos, inchados ou se tiverem um corrimento amarelo pegajoso. Isto pode significar que o seu bebé tem uma infecção nos olhos que precisa de ser tratada.

Contacte o seu médico se estiver a ter dificuldades em alimentar o seu bebé.

Contacte o seu médico se o seu bebé estiver muito sonolento e não acordar para as refeições.

Contacte o seu médico se o seu bebé estiver bastante irrequieto, a chorar e não for capaz de o acalmar.

Contacte o seu médico se o bebé tiver uma erupção cutânea que não esteja a melhorar.

Contacte o seu médico se o bebé estiver a respirar mais rápido que o normal. Pergunte aos médicos se essa é uma situação normal para o seu bebé.

Contacte o seu médico se o bebé tiver uma temperatura rectal superior a 38° C.

Contacte o seu médico se se sentir deprimido(a) e não for capaz de cuidar do seu bebé.

Contacte o seu médico (ou amigo ou familiar) imediatamente se sentir vontade de magoar o bebé.