Branquear dentes saudáveis

Revisado por Reinaldo Rodrigues (Enfermeiro - Coren nº 491692). Publicado em 30 de setembro de 2010

Tenho uns dentes saudáveis, sem cáries. O problema é que são muito amarelos. Não sei o que fazer para alterar isso, uma vez que não fumo e não bebo café. Já me falaram no branqueamento dentário, mas não faço ideia do que seja e se acarreta alguns riscos ou efeitos secundários. Também já ouvi falar de próteses tipo capa exterior. Que tratamentos são estes?

Resposta

Em primeiro lugar, parabéns pelos dentes saudáveis. Em relação à cor dos dentes, eles na realidade não são brancos, como a publicidade nos faz acreditar e sonhar. No entanto, entre os tons de pérola dos dentes, é verdade que existem uns mais claros que outros.

Hoje em dia, com os branqueamentos dentários, já se podem clarear os dentes com segurança. Estes tratamentos são seguros e podem ser executados sem problemas. Como efeito secundário, podem trazer alguma hipersensibilidade ao frio, mas é normalmente um sintoma que dura um dia ou dois. Deve ser o médico dentista a decidir se os seus dentes podem ser branqueados ou não. Se tiver “luz verde”, vai ver que não se arrepende. 

Em relação às próteses tipo capa exterior, que se chamam de facetas, são eficazes, mas são muito caras e só se usam em casos graves de manchas ou defeitos de esmalte, onde o branqueamento não é eficaz.

A informação foi útil? Sim / Não

Ajude-nos a melhorar a informação do Educar Saúde.

O texto contém informações incorretas? Está faltando a informação que você está procurando? Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva-nos para que possamos verificar e melhorar o conteúdo. Não lhe iremos responder diretamente. Se pretende uma resposta use a nossa página de Contato.


Nota: O Educar Saúde não é um prestador de cuidados de saúde. Não podemos responder a perguntas de saúde ou aconselhá-lo nesse sentido.
Autores
Reinaldo Rodrigues (Enfermeiro - Coren nº 491692)

Enfermeiro - Coren nº 491692

O Reinaldo Rodrigues formou-se em agosto de 2016, pela Universidade Padre Anchieta, em Jundiai. Fez curso de especialização em APH (Atendimento Pré-Hospitalar), pela escola 22Brasil Treinamentos, em Barueri, curso de 200 horas práticas, com foco em acidentes de trânsito.

Trabalha como Cuidador de Idosos há 5 anos, e possui experiência em aspiração de vias aéreas, banho de aspersão, curativos, tratamento e prevenção de Lesão por Pressão, gerenciamento de Equipe de cuidadores com elaboração de escalas. Treinamento e acompanhamento de cuidadores nas casas dos pacientes.

Também pode encontrar o Reinaldo no Linkedin.

Última atualização da página em 30/10/19