-->Bronquite Aguda - Tratamento, sintomas, contagiosa e causas

Bronquite Aguda

Publicado em 15/03/2011. Revisado por Drª Raquel Pires (Nutricionista - CRN-6 nº 23653) a 8 dezembro 2018

A bronquite aguda é o inchaço e a irritação da traqueia e das vias respiratórias que conduzem aos pulmões. Ocorre quase sempre durante o inverno e começa normalmente sob a forma de uma constipação. A constipação passa posteriormente do nariz e da garganta para a traqueia e para as vias respiratórias inferiores. A bronquite não costuma ser uma doença grave. A grande maioria dos doentes pode ser tratada em casa.

Ler Também: Xarope Natural para Bronquite

Causas da bronquite aguda:

A bronquite crónica é contagiosa. Normalmente é provocada por germes designados por vírus ou bactérias. Os germes espalham-se pelo ar, nomeadamente junto de uma pessoa adoentada. As outras causas poderão ser alergias ou a respiração de ar que contenha vapores químicos, pó ou fumo. Poderá ter maiores probabilidades de contrair uma bronquite se sofrer de doenças pulmonares ou se fumar. O facto de já sofrer de outra doença poderá aumentar as probabilidades de contrair uma bronquite.

Sinais e sintomas bronquite aguda:

O sinal mais comum da bronquite é a tosse seca. A tosse poderá vir acompanhada de expectoração. Poderá ter febre e sentir dores torácicas. Outros sinais poderão ser uma respiração ruidosa (sibilante) ou sentir dificuldades em respirar.

Diagnóstico – Como se Diagnostica:

O diagnóstico da bronquite é fundamentalmente clínico, consistindo num quadro de tosse seca ou com expectoração mucosa ou purulenta, dificuldade respiratória, eventual síndrome febril, rouquidão ou sintomatologia de desconforto ou dor torácica

Cuidados a ter:

A principal preocupação deverá ser a Prevenção, com vacinação antigripal antes do Inverno, manutenção de boa drenagem de secrecções, através de ingestão suficiente de líquidos e de toma atempada de mucolíticos quando a expectoração aumenta. Também, nestas circunstâncias, nomeadamente em doentes com tendência para freqüentes acessos de bronquite, a medicação atempada com antibióticos pode ser necessária. Será também importante a preocupação preventiva relacionada com uma boa higiene de vida, nomeadamente evitar mudanças bruscas de temperatura ou a exposição a ambientes fortemente poluídos.

Riscos e Complicações:

Evolução para pneumonia Dificuldade respiratória a exigir hospitalização

Tratamento da bronquite aguda:

Muitas pessoas com bronquite aguda podem ser tratadas em casa. Poderá necessitar de medicamentos para a tosse para o(a) ajudar a tossir e para tornar menos espessa a expectoração. Também poderão ser necessários antibióticos caso a bronquite seja provocada por uma bactéria. Poderá necessitar de ser hospitalizado(a) para ser submetido(a) a testes e a tratamentos caso não apresente melhorias da bronquite. Ler: Chá para Bronquite

Foto de Exemplo de bronquite aguda:

 

Saiba mais sobre:
A informação foi útil? Sim / Não

O texto contém informações incorretas? Está faltando a informação que você está procurando? Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva-nos para que possamos verificar e melhorar o conteúdo. Não lhe iremos responder diretamente. Se pretende uma resposta use a nossa página de Contato.


Nota: O Educar Saúde não é um prestador de cuidados de saúde. Não podemos responder a perguntas de saúde ou aconselhá-lo nesse sentido.
Autores
Drª Raquel Pires (Nutricionista - CRN-6 nº 23653)

Nutricionista Clínica - CRN-6 nº 23653

A Drª Raquel Pires é Nutricionista, Health Coach e Personal Diet, com grande experiência em atendimento em consultório e Idealizadora do Projeto ESD (Emagrecimento sem Dor).

Formação Acadêmica

- Graduada pela Universidade Santa Úrsula. - Pós Graduada em Nutrição Clínica. - Pós Graduada em Prescrição de Fitoterápicos e suplementação Nutricional Clínica e Esportiva. - Pós Graduada em Nutrição Aplicada ao Emagrecimento e Estética.

Também pode encontrar a Drª Raquel no Linkedin, Facebook e Youtube

Marcação de consultas 88-99685-0858