Câncer de Ovário: Entenda o Prognóstico, Expectativa de Vida e as Taxas de Sobrevivência por Estágio

Revisado por Equipe Editorial a 23 outubro 2018

Se foi diagnosticada com câncer do ovário é provável que tenha interesse em conhecer o prognóstico do seu caso.

No entanto, ainda que ter acesso a esta informação possa revelar-se útil, é importante encará-la apenas como um guia geral.

O prognóstico individual está dependente de diversos fatores, sendo altamente influenciado pela sua idade e estado geral de saúde.

Câncer De Ovário, Prognóstico, Expectativa De Vida E Taxas De Sobrevivência Por Fase

Os estágios do câncer ovariano

O estágio, ou fase, ilustra o grau de desenvolvimento do câncer, servindo assim para determinar a severidade do mesmo.

Ao conhecerem a fase de desenvolvimento do seu tumor, os médicos poderão mais facilmente delinear um tratamento à medida exata do seu caso, em particular, o que resultará em maiores probabilidades de sucesso.

A classificação destes estadiamentos é feita com base no sistema criado pela Federação Internacional de Ginecologia e Obstetrícia (FIGO). Este sistema leva apenas em consideração exames físicos bem como testes que medem:

– o tamanho do tumor

– o quão profunda é a presença do tumor nos tecidos em torno dos ovários

– o grau de disseminação do tumor para outras áreas mais distantes do corpo (metástase)

A realização de cirurgia pode ajudar os médicos a determinar o tamanho do tumor primário. Isto ajudará a entender as probabilidades dos tratamentos virem a exercer o efeito pretendido no tratamento do tumor.

Estágio I

Estágio I 1A 1B 1C

Neste estágio o câncer ainda não se espalhou para além dos ovários. O estágio 1A refere-se à fase em que o câncer se encontra apenas no ovário.

Já no estádio 1B, o câncer encontra-se em ambos os ovários.

No estado 1C, para além de ambos os ovários conterem células cancerígenas, uma das seguintes situações também se verifica: a cápsula externa rebentou antes ou durante a cirurgia; existe a presença de células cancerígenas no exterior dos ovários; é possível encontrar células cancerígenas nos fluídos abdominais.

Estágio II

Estágio II 2A 2B 2C

Durante esta fase, para além de marcar presença em ambos os ovários, o cancro também já se espalhou para outras zonas da pélvis.

O estádio 2A representa a passagem do câncer para as trompas de falópio, útero ou ambos.

O estádio 2B indica que o tumor espalhou-se para outros órgãos das proximidades, como é o caso da bexiga, intestino grosso ou reto.

Estágio III

Estágio III 3A 3B 3C

Neste 3º estadiamento o câncer encontra-se em um ou ambos os ovários, bem como no revestimento do abdómen, podendo também ter-se alastrado para os gânglios linfáticos do abdómen.

No estágio 3A o cancro pode ser encontrado noutros órgãos pélvicos, bem como nos gânglios linfáticos do interior da cavidade abdominal (gânglios linfáticos retroperitoneais), ou ainda no revestimento abdominal.

O estágio 3B representa o alastramento do câncer para órgãos nas proximidades da pélvis. Nesta fase é possível encontra células cancerígenas no exterior do baço, do fígado ou dos gânglios linfáticos.

O estágio 3C, por sua vez, representa a presença de grandes depósitos de células cancerígenas no exterior do baço ou do fígado, bem como o alastramento para os gânglios linfáticos.

Estágio IV

Este representa a fase mais avançada do câncer do ovário, o que significa que o tumor já se alastrou por outras áreas mais distantes do corpo.

No estágio 4A as células cancerígenas encontram-se já presentes no fluído em torno dos pulmões.

No estágio 4B o câncer já se alastrou para dentro do baço ou do fígado, bem como para gânglios linfáticos distantes, pele, pulmões e até cérebro.

Prognóstico de acordo com o estágio da doença

O prognóstico depende muito do estádio e tipo de câncer em questão. Existem três tipos de câncer do ovário:

Epitelial: Este tipo de tumor desenvolve-se na camada de tecido exterior do ovário.

Estromal: Este tipo de tumor desenvolve-se em células responsáveis pela produção de hormonas

Células germinativas: Estes tumores desenvolvem-se nas células responsáveis pela produção dos óvulos.

De acordo com a clínica Mayo, 90% dos cânceres ovarianos envolvem tumores epiteliais. Os tumores estremais, por sua vez, representam apenas 7% do total dos cancros ovarianos, enquanto os das células germinativas são ainda mais raros.

De acordo com a Sociedade Americana contra o Câncer, a taxa de sobrevida de 5 anos para estes três tipos câncer é de 44%.

Quando diagnosticado e tratado ainda no estádio 1, a taxa de sobrevida de 5 anos passa para 92%. No entanto, apenas 15% dos casos são diagnosticados ainda nesta fase.

A tabela abaixo ilustra taxa de sobrevivência relativa a 5 anos para câncer de ovário epitelial:

Estágios De Câncer De Ovário E Taxas De Sobrevivência

Abaixo ilustramos a taxa de sobrevivência relativa a 5 anos, para tumores de células estromais do ovário:

Taxa De Sobrevivência Para Tumores de Células estromais do Ovário

Abaixo mostramos a taxa de sobrevivência relativa a cinco anos para tumores de células germinativas do ovário:

Taxa De Sobrevivência Relativa A Cinco Anos Para Tumores De Células Germinativas Do Ovário

O Instituto Americano do Câncer utiliza um sistema de estadiamento um pouco mais simplificado:

Localizado: O câncer encontra-se limitado ao órgão onde se desenvolveu, não havendo ainda indícios de proliferação. Isto representa um estádio 1 da doença.

Regional: Neste estádio, o tumor já se espalhou para alguns órgãos das proximidades, representando assim a 2ª e 3ª fase da doença.

Distante: O tumor alastrou-se para órgãos mais distantes, o que corresponde ao estádio 4 do câncer do ovário.

No estádio “distante” (estádio 4) da doença, a percentagem de mulheres que sobrevivem 1 ano anda muito perto dos 69%.

O risco de desenvolvimento de câncer ovariano ao longo da vida é de cerca de 1,3%.

Em 2016, estima-se que 22.280 mulheres nos Estados Unidos foram diagnosticadas com cancro do ovário.

Ainda nesse ano, o número de mortes relacionadas com a doença foi de 14,240, o que representa uma percentagem de 2,4% do total de mortes por câncer.

Continua Câncer de Ovário: Dos primeiros Sintomas, ao Tratamento

Referências

https://www.cancer.org/
https://www.mayoclinic.org/
https://seer.cancer.gov/
https://www.cancer.gov/
https://www.cancer.org/

https://seer.cancer.gov/