Cancro Mole

Publicado em 22/02/2010. Revisado por Drª Raquel Pires (Nutricionista - CRN-6 nº 23653) a 8 dezembro 2018

Cancro Mole (haemophilus ducreyi) – Sintomas, causas e Características do diagnósticoDoença sexualmente transmissível, com período de incubação de 3 a 5 dias.
Úlcera genital dolorosa e hipersensível.
Com frequência, observam-se adenite inguinal com eritema ou flutuação e múltiplas úlceras genitais.
As complicações frequentes do Cancro Mole incluem balanite, fimose.
As mulheres não apresentam sinais externos de infecção.

NÃO PARE AGORA… TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE 😉

Diagnóstico diferencial
. Síndrome de Behçet
. Sífilis
. Infecção piogênica dos membros inferiores, com linfadenite regional
. Úlceras genitais de outra etiologia

Tratamento do Cancro Mole
. Antibióticos apropriados (azitromicina, ceftriaxona, eritromicina ou ciprofloxacino)
. Reagina plasmática rápida (RPR) para todos os casos, e teste do HIV quando apropriado.

Dica
Linfadenopatia inguinal dolorosa à palpação, em pacientes obesos, pode não consistir em linfonodos; a resposta pode ser hérnia femoral encarcerada.
Referência
Sehgal VN, Srivastava G: Chancroid: contemporany appraisal.

Saiba mais sobre:
Autores
Drª Raquel Pires (Nutricionista - CRN-6 nº 23653)

Nutricionista Clínica - CRN-6 nº 23653

A Drª Raquel Pires é Nutricionista, Health Coach e Personal Diet, com grande experiência em atendimento em consultório e Idealizadora do Projeto ESD (Emagrecimento sem Dor).

Formação Acadêmica

- Graduada pela Universidade Santa Úrsula. - Pós Graduada em Nutrição Clínica. - Pós Graduada em Prescrição de Fitoterápicos e suplementação Nutricional Clínica e Esportiva. - Pós Graduada em Nutrição Aplicada ao Emagrecimento e Estética.

Também pode encontrar a Drª Raquel no Linkedin, Facebook e Youtube

Marcação de consultas 88-99685-0858

Publicidade

Cancro Mole