-->Ciclosporina - Educar Saúde

Ciclosporina

Publicado em 02/09/2010. Revisado por Reinaldo Rodrigues (Enfermeiro - Coren nº 491692) a 12 dezembro 2018

A Ciclosporina é uma droga imunossupressora que vem sendo amplamente utilizada após transplantes de rins, coração, fígado e medula óssea, quase sempre associada à prednisona. Sua potencial utilização no tratamento de doenças auto-imunes tem sido estudada com resultados promissores.

Possui uma cinética farmacológica complexa, que provoca diferentes respostas individuais, fazendo que não seja possível predizer os níveis sanguíneos pelas doses administradas, especialmente quando por via oral e na fase inicial do tratamento. Outro dado importante na avaliação da dose, são as interações medicamentosas (eritromicina, ketoconazole, fenitoína, fenobarbital e carbamazepina) que podem atuar aumentando ou diminuindo os níveis sanguíneos da droga, ou ainda, aumentando os riscos de toxicidade.

Portanto, a monitorização regular dos níveis sanguíneos de ciclosporina é de fundamental importância para que a dose possa ser individualizada, obtendo-se eficácia clínica sem efeitos colaterais e diminuindo-se os riscos de toxicidade.

Ciclosponina

MATERIAL:
Sangue colhido em EDTA

MÉTODO:
HPLC

CONDIÇÕES DE COLETA:
Coleta deve ser realizada antes da próxima dose ou 12 horas após a última dose administrada.

VALORES DE REFERÊNCIA:
100 a 200 ng/ml.

Saiba mais sobre:
A informação foi útil? Sim / Não

O texto contém informações incorretas? Está faltando a informação que você está procurando? Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva-nos para que possamos verificar e melhorar o conteúdo. Não lhe iremos responder diretamente. Se pretende uma resposta use a nossa página de Contato.


Nota: O Educar Saúde não é um prestador de cuidados de saúde. Não podemos responder a perguntas de saúde ou aconselhá-lo nesse sentido.
Autores
Reinaldo Rodrigues (Enfermeiro - Coren nº 491692)

Enfermeiro - Coren nº 491692

O Reinaldo Rodrigues formou-se em agosto de 2016, pela Universidade Padre Anchieta, em Jundiai. Fez curso de especialização em APH (Atendimento Pré-Hospitalar), pela escola 22Brasil Treinamentos, em Barueri, curso de 200 horas práticas, com foco em acidentes de trânsito.

Trabalha como Cuidador de Idosos há 5 anos, e possui experiência em aspiração de vias aéreas, banho de aspersão, curativos, tratamento e prevenção de Lesão por Pressão, gerenciamento de Equipe de cuidadores com elaboração de escalas. Treinamento e acompanhamento de cuidadores nas casas dos pacientes.

Também pode encontrar o Reinaldo no Linkedin.

Publicidade