Como Saber se o Bebê está com Frio ou Calor

Atualizado e Revisado por Drª Gizele Cunha (Pediatra, Alergologista e Pneumologista Infantil - CRM/SP: 116541) a 12/08/2019. Publicado originalmente em 22 de agosto de 2014

Os bebês, especialmente os recém-nascidos, não têm ainda a capacidade de regular a temperatura do seu corpo.

Como tal, as variações de temperatura podem ocorrer muito rapidamente, que podem resultar em problemas como a desidratação e a hipotermia.

Quando um bebê sente frio ou calor, a sua única forma de o comunicar é através do choro. Assim, ao sentirem-se desconfortáveis com a temperatura, eles choram.

Por isso, quando o bebê chora sem razão aparente, deve verificar se a pele do bebê por baixo da roupa está fria ou quente.

De seguida pode aprender como saber se o bebê está com frio ou calor, e ainda, o que fazer caso ele esteja desconfortável com a temperatura.

Como saber se o bebê está com frio ou calor

De modo a perceber se o seu bebê está com frio ou com calor, deve-se fazer o seguinte:

Frio

Para verificar se o bebê está com frio, deve sentir com a sua mão a temperatura da pele nas costas do bebê, no peito e na barriga.

Já locais como os pés e as mãos não devem ser usados para verificar a temperatura, já que sendo extremidades, é normal estarem mais frias que o resto do corpo.

Se a pele estiver fria, ou com um temperatura menos quente que o normal, então ele está com frio.

Além de sentir a temperatura do bebê, há ainda sinais que podem indicar que o bebê está com frio. Esses sinais incluem apatia, palidez e tremores.

Calor

Para saber se o bebê está com calor, deve sentir a temperatura nas costas do bebê, no peito, no pescoço e na barriga, procurando sinais de humidade e suor.

É importante a hidratação constante durante alturas de maior calor, para evitar que o bebê desidrate.

O que fazer quando o bebê estiver com frio ou calor

Se verificar que o bebê está com frio, então deve procurar vestir mais uma camada de roupa. Pode também ligar um aquecedor durante algum tempo, pelo menos até ele se sentir quente.

Depois, a camada extra é capaz de o deixar com uma temperatura agradável. Em dias mais frescos, de modo a prevenir que o bebê fique com frio, deve vesti-lo sempre com mais uma camada acima do normal. Assim, as probabilidades de o bebê sentir frio são menores.

Se o bebê estiver húmido e suado, isso significa muito provavelmente que ele está com calor. Assim, deve retirar uma camada de roupa, ou então, trocar a roupa que tem por outra mais leve e fresca. Nos dias de maior calor é essencial que hidrate convenientemente o bebê, de modo a não desidratar.

A informação foi útil? Sim / Não

Ajude-nos a melhorar a informação do Educar Saúde.

O texto contém informações incorretas? Está faltando a informação que você está procurando? Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva-nos para que possamos verificar e melhorar o conteúdo. Não lhe iremos responder diretamente. Se pretende uma resposta use a nossa página de Contato.


Nota: O Educar Saúde não é um prestador de cuidados de saúde. Não podemos responder a perguntas de saúde ou aconselhá-lo nesse sentido.
Autores
Drª Gizele Cunha (Pediatra, Alergologista e Pneumologista Infantil - CRM/SP: 116541)

Pediatra, Alergologista e Pneumologista Infantil - CRM/SP: 116541

A Dra Gizele Ferreira Cunha é Graduada em Medicina pela Universidade de Ribeirão Preto - SP - 2004. Além disso possui:

- Especialização em Alergia e Imunologia Infantil pelo Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo (HCRP - FMRP - USP) – 2009.

- Especialização em Pneumologia Infantil pelo Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo (HCRP - FMRP - USP) – 2007.

- Especialização em Pediatria pela Universidade de Ribeirão Preto - 2006 .

Endereço: Avenida Senador César Vergueiro, 571 - Ribeirão Preto - SP - Email: cviver@bol.com.br - Telefone: (16) 33291337

Também pode encontrar a Drª Gizele no Linkedin e Facebook

Última atualização da página em 12/08/19