11 Formas Naturais de aliviar a Ascite

Revisado por Drª Raquel Pires (Nutricionista - CRN-6 nº 23653). Publicado em 8 de setembro de 2016

Os principais sintomas de ascite incluem o acúmulo de líquido no abdômen, distensão abdominal, umbigo saído para fora, hipertensão portal, síndrome nefrótica, falta de ar, perda de apetite, letargia, inchaço dos tornozelos, ganho de peso, entre outros desconfortos.

foto-de-ascite-em-addomen

O tratamento da ascite varia de acordo com a sua causa. As dietas pobres em sal e o repouso são algumas das características do tratamento. Além destes, muitas vezes são também utilizados diuréticos, que desempenham um papel importante na eliminação do excesso de água através dos rins.

Abaixo mostramos alguns alimentos que podem auxiliar no alívio dos sintomas de ascite e complementar o tratamento médico.

Cenoura

cenoura

Beber sucos de vegetais nutritivos ajudam a manter o corpo hidratado, e sem grande volume no abdômen.

O suco de cenoura é antioxidante e uma boa fonte de Beta caroteno. Beber 1 a 2 copos de suco de cenoura por dia mantém o coração em forma, reduz o colesterol, e melhora a imunidade.

Noni (Morinda citrifolia)

noni-morinda-citrifolia

A Morinda citrifolia, amoreira Indiana, popularmente conhecida como Noni, tem sido usada no alívio e prevenção de problemas digestivos, respiratórios, e a melhorar as defesas do sistema imunitário.

De acordo com alguns estudos, o suco de Noni contém uma substância rica em polissacarídeos (noni-ppt), eficaz na prevenção de tumores cancerígenos, uma vez que age na redução da formação dessas células (Ref).

O Noni possui ainda propriedades anti-envelhecimento e laxantes que podem oferecer algum alívio em pacientes com ascite.

Musgão, musgo do Zimbro (Polytrichum juniperinum)

musgao-musgo-do-zimbro-polytrichum-juniperinum

O Juniperinum Polytrichum tem propriedades diuréticas que podem reduzir alguns sintomas de ascite. (Ref).

Beber 2 chávenas de chá de Polytrichum Juniperinum por dia ajuda a expulsar os fluidos corporais em excesso.

Para fazer o chá, ferva a água, coloque 2 a 3 colheres de chá de folhas secas de Juniperinum Polytrichum e deixe em infusão durante 10 a 15 minutos. Coe e beba.

Dente-de-Leão (Taraxacum officinale)

dente-de-leao-taraxacum-officinale

As folhas do Dente-de-Leão são uma fonte rica em potássio reconhecida pelas suas propriedades diuréticas.

O chá da planta pode ser usado para aumentar a frequência urinária e eliminar os fluidos tóxicos. (Ref).

Para fazer o chá, ferva 300 ml de água em uma panela e adicione 100 gramas de raizes de dente-de-leão, frescas e previamente lavadas, na panela. Deixe em infusão durante 30 a 40 minutos, coe e beba.

Salsa

salsa

A salsa possui efeitos diuréticos (Ref). A planta ajuda no funcionamento dos rins e fortalece o sistema imunológico. Pode ser usada em chás, sucos, ou como tempero para pratos e saladas.

Raiz de bardana

raiz-de-bardana

A raiz de bardana ajuda a purificar o sangue e livra o corpo de algumas toxinas. Também funciona como diurético ajudando a eliminar o excesso de água acumulado na barriga (Ref).

Para preparar uma receita crocante, corte as raíze em pequenos pedaços. Leve uma panela ao lume e adicione uma colher de chá de óleo (óleo de coco virgem por exemplo). Em lume brando, adicione as raízes recém-cortadas na panela. Mexa durante 4 a 5 minutos sem deixar queimar e pode consumir.

Outra solução é fazer um chá de bardana.

Saiba como fazer um Chá de Bardana para aliviar Cólicas Renais

O que fazer em caso de ascite

  • Seguir uma dieta equilibrada elaborada por um especialista.
  • Comer bons alimentos, diuréticos e digestivos.
  • Em caso de ascite o leite é melhor que a água para manter o corpo hidratado.
  • Beber sucos de frutas e vegetais em vez de água pode evitar o acúmulo extra de fluidos no abdômen.

Cuidados a ter

  • É importante evitar a ingestão de álcool, pois é a causa da maioria dos casos de ascite.
  • Mantenha o sono regulado e evite dormir durante o dia.
  • Mantenha-se ativo, a realize exercício físico.
  • Evite beber água em excesso.
  • Não ingerir alimentos muito gordos, picantes ou açucarados.
  • Se a ascite piorar é importante consultar o médico imediatamente.
A informação foi útil? Sim / Não

Ajude-nos a melhorar a informação do Educar Saúde.

O texto contém informações incorretas? Está faltando a informação que você está procurando? Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva-nos para que possamos verificar e melhorar o conteúdo. Não lhe iremos responder diretamente. Se pretende uma resposta use a nossa página de Contato.


Nota: O Educar Saúde não é um prestador de cuidados de saúde. Não podemos responder a perguntas de saúde ou aconselhá-lo nesse sentido.
Autores
Drª Raquel Pires (Nutricionista - CRN-6 nº 23653)

Nutricionista Clínica - CRN-6 nº 23653

A Drª Raquel Pires é Nutricionista, Health Coach e Personal Diet, com grande experiência em atendimento em consultório e Idealizadora do Projeto ESD (Emagrecimento sem Dor).

Formação Acadêmica

- Graduada pela Universidade Santa Úrsula. - Pós Graduada em Nutrição Clínica. - Pós Graduada em Prescrição de Fitoterápicos e suplementação Nutricional Clínica e Esportiva. - Pós Graduada em Nutrição Aplicada ao Emagrecimento e Estética.

Também pode encontrar a Drª Raquel no Linkedin, Facebook e Youtube

Marcação de consultas 85-99992-2120

Última atualização da página em 30/10/19