Desenvolvimento do Bebê – 38 Semanas de Gestação

Revisado por Drª Camille Rocha Risegato. Publicado em 22 de agosto de 2014

Quando atingir as 38 semanas de gestação, a gravidez tem agora 9 meses e o parto pode ocorrer a qualquer momento.

O bebê está já totalmente desenvolvido, estando preparado para nascer.

Nesta fase é normal o corpo ter já contrações, que podem ser de treinamento ou de parto. Assim, nesta fase a grávida começa já a sentir a barriga dura e com cólicas intensas.

Enquanto as contrações forem muito espaçadas, elas ainda são de treinamento.

A partir do momento em que comecem a ser mais frequentes, então provavelmente serão as contrações de parto.

Conheça de seguida as várias características do desenvolvimento de um feto com 38 semanas, e confira ainda as alterações sofridas pela gestante.

Desenvolvimento do feto com 38 semanas de gestação

Com 38 semanas, o feto está pronto a nascer. Tem já um peso aproximado de 3 kg, e mede cerca de 49 cm. Por esta altura, a aparência do feto é idêntico à de um bebê recém-nascido.

No entanto, nesta fase ainda tem o corpo revestido pelo vérnix caseoso, uma camada branca e gordurosa que se acumula na pele do feto.

Nesta fase do seu desenvolvimento, todos os órgãos e sistemas estão já completamente formados. Dessa forma, até nascer, o bebê simplesmente irá continuar a crescer, engordando ainda mais.

Enquanto a placenta funcionar corretamente, o bebê irá continuar a crescer e a acumular gordura sob a pele, até ao momento do nascimento.

O bebê acumula massa gorda em várias partes do corpo, e nesta altura, também as bochechas armazenam gordura, tornando o aspeto do bebê mais rechonchudo.

Às 38 semanas de gestação, o bebê está já de cabeça para baixo, encaixado nos ossos da bacia, preparado para nascer.

Além disso, como o bebê está cada maior, e o espaço no útero cada vez menor, os seus movimentos são agora mais limitados e com menor frequência.

Contudo, mesmo assim o bebê deve ainda mexer-se no mínimo 10 vezes por dia. Se tal não acontecer, então deve avisar imediatamente o seu médico obstetra.

Alterações na gestante com 38 semanas de gravidez

Nesta fase da gravidez, a gestante pode já sentir contrações, que podem ser de treinamento ou de parto, e a sua barriga deve já estar mais baixa, devido ao bebê estar agora encaixado nos ossos da bacia.

À medida que o tempo passa, as contrações começarão a ser mais próximas umas das outras, indiciando que o parto está mais perto. Nas contrações a barriga fica mais dura e a grávida sente uma cólica forte.

Quanto as contrações começarem a ser mais frequentes, com intervalos de 30 ou 40 minutos entre cada contração, então está na hora de avisar o seu médico obstetra e dirigir-se à maternidade. O momento do parto está cada vez mais próximo.

Se às 38 semanas ainda não sentiu contrações, isso não é razão para se preocupar, pois o parto pode ocorrer às 40 semanas, podendo mesmo nalguns casos estender-se até às 42.  No entanto, raramente os médicos deixam chegar até às 42 semanas, induzindo o parto.

Ao atingir as 38 semanas de gravidez, a gestante sofre essencialmente com o volume e o peso da barriga, que provocam cansaço e dores de costas e musculares.

Nesta fase é também normal a grávida sofrer de retenção de líquidos, provocando inchaços.

A informação foi útil? Sim / Não

Ajude-nos a melhorar a informação do Educar Saúde.

O texto contém informações incorretas? Está faltando a informação que você está procurando? Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva-nos para que possamos verificar e melhorar o conteúdo. Não lhe iremos responder diretamente. Se pretende uma resposta use a nossa página de Contato.


Nota: O Educar Saúde não é um prestador de cuidados de saúde. Não podemos responder a perguntas de saúde ou aconselhá-lo nesse sentido.
Autores
Drª Camille Rocha Risegato

Ginecologista e Obstetra - CRM SP-119093

Dra Camille Vitoria Rocha Risegato - CRM SP nº 119093 é formada há 14 anos pela Fundação Técnico Educacional Souza Marques, Rio de Janeiro.

> Consultar CRM (Fonte: https://portal.cfm.org.br/index.php?option=com_medicos&Itemid=59)

Dra Camille mudou-se para São Paulo onde realizou e concluiu residência médica em Ginecologia e Obstetrícia (RQE nº 25978) no Centro de Referência de Saúde da Mulher no Hospital Pérola Byington em 2007.

Em 2008 se especializou em Patologia do Trato Genital Inferior nesse mesmo serviço. Ainda fez curso de ultrassonografia em ginecologia e obstetrícia na Escola Cetrus.

Trabalha em setor público e privado, atendendo atualmente em seu consultório médico particular situado na Avenida Leoncio de Magalhães 1192, no bairro do jardim São Paulo, zona norte de São Paulo.

Também pode encontrar a Dra Camille no Linkedin, Facebook e Instagram

.
Última atualização da página em 12/08/19