-->Desenvolvimento do Bebê - 40 Semanas de Gestação - Educar Saúde

Desenvolvimento do Bebê – 40 Semanas de Gestação

Publicado em 01/09/2014. Revisado por Drª Camille Rocha Risegato (Ginecologista e Obstetra - CRM SP-119093) a 16 dezembro 2018

As 40 semanas de gestação marcam o final do desenvolvimento do feto, já que nesta altura o bebê tem os seus órgãos completamente formados e está preparado para nascer.

Quando atinge as 40 semanas de gestação o bebê tem 9 meses de gravidez, e o parto pode ocorrer a qualquer altura.

Se você está com 40 semanas, então deve estar atenta a vários sinais que podem indicar o início do trabalho de parto: se a barriga fica dura ou se sente cólicas com frequência, e ainda, quantas vezes o bebê mexe por dia.

Quando está perto do momento do nascimento, o bebê fica com a cabeça encaixada na zona próximo do colo do útero, mexendo-se por isso muito menos.

Conheça de seguida as várias características do desenvolvimento de um bebê às 40 semanas de gestação, e confira ainda as alterações sofridas pela gestante.

Desenvolvimento do bebê com 40 semanas de gestação

Ao atingir as 40 semanas de gestação, o bebê está pronto para nascer. Assim, o seu peso médio é de 3,5 kg e o seu comprimento é aproximadamente 50 cm, medidos dos pés à cabeça.

Claro que isto são valores médios, já que há muitos bebês que nascem com pesos e comprimentos variados.

Nesta fase, o seu sistema circulatório já funciona em pleno, com o coração a bater entre 110 e 160 batidas por minuto. Quanto ao seu sistema respiratório, ele está pronto e maduro, esperando apenas que o cordão umbilical seja cortado para que o bebê comece a respirar sozinho.

Nesta fase terminal do seu desenvolvimento, o bebê tem os seus ossos, músculos e articulações fortes, prontos para o momento do nascimento e para os primeiros dias de vida.

Quanto à sua pele, ela é lisa, com várias dobras de gordura nos braços e nas pernas. Pode nalguns casos até ainda existir alguma vernix. Na cabeça, o bebê pode nascer com muito ou pouco cabelo, dependendo de criança para criança.

É normal a queda de alguns fios nos primeiros tempos após o seu nascimento.

Relativamente ao funcionamento dos seus ouvidos e olhos, o bebê com 40 semanas de gestação já reage ao som e aos movimentos. Nesta altura já reconhece vários sons familiares, especialmente as vozes dos seus pais.

Os olhos do bebê já conseguem ver a uma distância curta, acostumados ainda a ver apenas dentro do útero. Assim, nos primeiros tempos, o bebê ainda conseguirá enxergar bem até 30 cm, sendo essa a distância ideal para falar com ele.

O sistema nervoso do bebê já está totalmente pronto, e suficientemente desenvolvido para começar a assimilar e a aprender depois do nascimento. No entanto, ao longo dos primeiros meses e anos, o bebê ainda verá a sua massa cerebral aumentar, com as suas células cerebrais e multiplicarem-se.

Alterações na mulher com 40 semanas de gravidez

Às 40 semanas de gestação já a maioria dos bebês nasceu ou está prestes a nascer. Contudo, é natural que o parto possa ocorrer até às 42 semanas.

Hoje em dia, se o trabalho de parto não se iniciar até às 41 semanas, é normal que se induza, administrando ocitocina no sangue da mãe, por forma a estimular o início das contrações.

Com o parto a aproximar-se, também a gestante sofre algumas alterações. Nesta fase, o corpo está mais inchado, especialmente nas pernas e nos pés, e a grávida sente-se mais cansada.

Por essa razão, a gestante deve descansar o mais possível, adotando uma alimentação mais leve. Quando as contrações se iniciam, elas são ainda muito esporádicas. Para ajudar a acelerar o processo, a grávida pode fazer caminhadas diárias, com uma duração de uma hora.

O ideal é evitar as horas mais quentes, caminhando no final na tarde ou no início da manhã.

Saiba mais sobre:
A informação foi útil? Sim / Não

O texto contém informações incorretas? Está faltando a informação que você está procurando? Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva-nos para que possamos verificar e melhorar o conteúdo. Não lhe iremos responder diretamente. Se pretende uma resposta use a nossa página de Contato.


Nota: O Educar Saúde não é um prestador de cuidados de saúde. Não podemos responder a perguntas de saúde ou aconselhá-lo nesse sentido.
Autores
Drª Camille Rocha Risegato (Ginecologista e Obstetra - CRM SP-119093)

Ginecologista e Obstetra - CRM SP-119093

Dra Camille Vitoria Rocha Risegato - CRM SP nº 119093 é formada há 14 anos pela Fundação Técnico Educacional Souza Marques, Rio de Janeiro.

Dra Camille mudou se para São Paulo onde realizou e concluiu residência médica em Ginecologia e Obstetrícia (RQE nº 25978) no Centro de Referência de Saúde da Mulher no Hospital Pérola Byington em 2007.

Em 2008 se especializou em Patologia do Trato Genital Inferior nesse mesmo serviço. Ainda fez curso de ultrassonografia em ginecologia e obstetrícia na Escola Cetrus.

Trabalha em setor público e privado, atendendo atualmente em seu consultório médico particular situado na Avenida Leoncio de Magalhães 1192, no bairro do jardim São Paulo, zona norte de São Paulo.

Também pode encontrar a Dra Camille no Linkedin, Facebook e Instagram

.