Diabetes Insipidus

DIABETES INSIPIDUS – SINTOMAS, CAUSAS E CARACTERISTICAS DO DIAGNOSTICO

Poliúria com volumes de 2 a 20 L/dia; polidipsia, sede intensa.
Osmolalidade sérica maior que urinária.
Densidade urinária geralmente menor que 1,006 durante a ingestão hídrica à escolha.
Incapacidade de concentração urinária com a restrição hídrica, resultando em hipernatremia.
Diabetes insipidus central (com deficiência de vasopressina), causado por doença hipotalâmica ou hipofisária.
Diabetes insipidus nefrogênico (resistente à vasopressina), pode ser familiar ou causado por lítio, doença renal crônica, hipopotasemia, hipercalcemia, demeclociclina.
O teste com vasopressina determina a causa central.

DIAGNOSTICO DIFERENCIAL
. Polidipsia psicogênica
. Diurese osmótica
. Diabetes melitos
. Potomania de cerveja

DIABETES INSIPIDOS TRATAMENTO
Assegurar ingestão hídrica adequada.
Acetato de desmopressina intranasal para o diabetes insipidus central.
Hidroclorotiazida ou indometacina para o diabetes insipidus nefrogênico.

Dica
A demeclociclína e outras tetraciclinas podem causar diabetes insipidos nefrogênico; lembrar de inquirir sobre medicamentos prévios durante a avaliação do diabetes insípidus.

Referência
Robertson GL: Antidiuretic hormone. Normal and disordered function