-->Diabetes - Mitos e Verdades sobre a Diabetes tipo 1 e Tipo 2 - Educar Saúde

Diabetes – Mitos e Verdades sobre a Diabetes tipo 1 e Tipo 2

Publicado em 29/12/2010. Revisado por Reinaldo Rodrigues (Enfermeiro - Coren nº 491692) a 12 dezembro 2018

Mitos e Verdades sobre a Diabetes Tipo 1 e Tipo 2.

Há muito tempo atrás, a palavra diabetes era sinônimo de pânico. Muitos mitos rodam uma doença que está se tornando cada vez mais comuns nos brasileiros. Nossa matéria vai mostrar que, com cuidado, todo diabético pode e deve levar uma vida normal.

CADA TIPO DE DIABETES TEM UM TRATAMENTO.
Muita gente acha que quem é diabético nasce com a doença. Nem sempre é assim. Existem dois tipos de diabetes, a diabetes tipo 1, quando o corpo pára de produzir insulina ou produz em quantidade insuficiente, hormônio que regula os níveis de açúcar no sangue, e a diabetes tipo 2, quando a insulina produzida é incapaz de metabolizar as células adiposas no organismo. Mas as diferenças não param por aí veja o quadro.

 diabetes Tipo 1diabetes Tipo 2
CausasSem origem definidaSedentarismo, obesidade, e hereditariedade
TratamentoUso diário de insulinaDieta e remédios
Idade mais comumPessoas com menos de 35 anosPessoas acima de 40 anos

UMA DOCE VIDA NORMAL.
Infelizmente diabetes não é uma doença que possa ser curada, apesar dos esforços da medicina. Na verdade, quem possui a doença precisa fazer algumas adaptações necessárias no seu dia a dia, independente se você tem o Tipo 1 ou o tipo 2. É o que explica a fisioterapeuta Renata Bichara (que até já nos ajudou em matérias anteriores): “Tenho diabetes tipo 1 desde os 9 anos de idade.

No começo foi difícil, afinal não existia no mercado as inúmeras opções de produtos diet. Imagine explicar para uma criança que ela vai precisar tomar injeções todos os dias e que não pode mais comer doces ou tomar refrigerantes. Minha família inteira teve que se adaptar, mas hoje, já adulta levo uma vida absolutamente normal. Só que ás vezes tenho que parar o que estou fazendo para tomar insulina ou para fazer o teste de glicemia.”

VOCÊ É O QUE VOCÊ COME:
No começo da matéria dissemos que a diabetes é uma doença cada vez mais comum no Brasil, isso porque a mudança de hábitos alimentares e sociais fez com que houvesse um grande aumento de casos da diabetes tipo 2. Hoje os brasileiros estão consumindo muito mais gordura e açúcar e estão cada dia mais sedentários. Para se ter uma ideia, estima-se que 60% a 90% dos doentes sejam obesos. Por isso é fundamental ter uma alimentação balanceada e fazer regulamente exercício físico.

FIQUE DE OLHO.
Muitas vezes a diabetes é uma doença silenciosa, porém ?que atento e procure um médico se você ou alguém da sua família possui esses sintomas:
• Muita sede
• Vontade de urinar diversas vezes
• Aumento ou perda de peso (mesmo sentindo mais fome e comendo mais do que o habitual)
• Fome exagerada
• Visão embaçada
• Infecções repetidas na pele ou mucosas
• Machucados que demoram a cicatrizar
• Fadiga (cansaço inexplicável)
• Dores nas pernas por causa da má circulação.

Os diabéticos ainda podem sofrer de hipoglicemia, baixo nível de açúcar no sangue e Hipergliciemia, quando o açúcar está muito alto. Por isso procure sempre um médico e Não descuide da sua saúde, basta ter alguns cuidados para levar uma vida normal.

Ler Também:

Diabéticos – Cuidados com os Pés

Saiba mais sobre:
A informação foi útil? Sim / Não

O texto contém informações incorretas? Está faltando a informação que você está procurando? Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva-nos para que possamos verificar e melhorar o conteúdo. Não lhe iremos responder diretamente. Se pretende uma resposta use a nossa página de Contato.


Nota: O Educar Saúde não é um prestador de cuidados de saúde. Não podemos responder a perguntas de saúde ou aconselhá-lo nesse sentido.
Autores
Reinaldo Rodrigues (Enfermeiro - Coren nº 491692)

Enfermeiro - Coren nº 491692

O Reinaldo Rodrigues formou-se em agosto de 2016, pela Universidade Padre Anchieta, em Jundiai. Fez curso de especialização em APH (Atendimento Pré-Hospitalar), pela escola 22Brasil Treinamentos, em Barueri, curso de 200 horas práticas, com foco em acidentes de trânsito.

Trabalha como Cuidador de Idosos há 5 anos, e possui experiência em aspiração de vias aéreas, banho de aspersão, curativos, tratamento e prevenção de Lesão por Pressão, gerenciamento de Equipe de cuidadores com elaboração de escalas. Treinamento e acompanhamento de cuidadores nas casas dos pacientes.

Também pode encontrar o Reinaldo no Linkedin.