Espinhas (acne): um dos problemas de pele mais comuns na adolescência

Revisado por Equipe Editorial a 24 outubro 2018

As espinhas são um dos problemas de pele mais comuns na adolescência. Além do desconforto causado pelo aparecimento destas borbulhas, as espinhas são ainda muito inestéticas, deixando o rosto com uma aparência pouco bonita e saudável.

Confira de seguida o que são espinhas, quais as suas causas, e ainda, como tratar este problema.

o que são espinhas acne

O que são espinhas

As espinhas, também chamada de acne, são pequenas lesões cheias de sebo que surgem na pele, de cor avermelhada e com uma borda bem marcada, e que inflamam facilmente.

O aparecimento das espinhas é mais comum na adolescência, devido aos níveis hormonais mais elevados. No entanto, devido à combinação de vários fatores, podem também surgir ao longo da vida adulta.

Contudo, com cuidados adequados de limpeza da pele, ou em casos mais graves, com a toma de medicamentos específicos prescritos por um médico dermatologista, é possível controlar ou mesmo tratar o problema.

Causas das espinhas

Existem diversas causas que podem levar ao aparecimento de espinhas e cravos na pele. Uma das causas mais comuns é a elevação dos níveis hormonais, sendo por isso normal o aparecimento de espinhas na adolescência, na gravidez e antes da menstruação.

Há ainda outras causas habituais para este problema, como uma alimentação desequilibrada, o stress, ter pele oleosa e a limpeza inadequada da pele. Nalguns casos, as espinhas podem surgir como sintoma de alguma doença, como por exemplo a Síndrome dos Ovários Policísticos.

Tratamento para espinhas

O tratamento para a acne (espinhas) e cravos irá variar consoante a causa que está por detrás do problema. Confira de seguida os vários tratamentos possíveis para as espinhas:

Adoção de uma alimentação equilibrada e uma hidratação diária correta. Para evitar o aparecimento de espinhas é importante evitar o consumo frequente de doces e alimentos ricos em gorduras. Assim, aposte numa alimentação constituída por verduras, frutas, legumes, proteínas magras, gorduras saudáveis e cereais integrais, evitando fritos, fast food, chocolates e outros doces. É também essencial hidratar convenientemente o organismo, de modo a facilitar a eliminação de impurezas, gorduras e toxinas. Beba por isso no mínimo 1,5 litros de água todos os dias.

Aplicação de medicamentos antibacterianos ou anti-inflamatórios. Estes medicamentos podem ser tomados via oral, mas também via tópica, através de pomadas e loções, sendo especialmente indicados para os casos mais graves de acne. Um exemplo de medicamento é o Roacutan.

Toma da pílula anticoncecional, de modo a controlar os níveis das hormonas no sangue. Se a causa das espinhas for o descontrolo hormonal, após iniciar o tratamento com a pílula, os resultados começarão a ser evidentes ao fim de aproximadamente 4 meses.

Utilização de produtos específicos para peles com acne ou oleosa. Estes produtos irão ajudar a manter a pele corretamente limpa, de modo a prevenir o aparecimento das espinhas. Para ajudar a secar ou cicatrizar as espinhas, há também produtos próprios.

Assim, para cicatrizar as espinhas, pode utilizar diariamente uma loção à base de ácido acetilsalicílico. Já para as secar, existem cremes específicos em forma de gel.

Continuação » 9 Tratamentos Naturais para Acne