-->Gangrena - Tratamento, fotos, sintomas, causas

Gangrena

Publicado em 14/04/2011. Revisado por Reinaldo Rodrigues (Enfermeiro - Coren nº 491692) a 14 dezembro 2018

Gangrena é o nome que se dá à morte dos tecidos. Ocorre frequentemente nos dedos dos pés e das mãos, normalmente devido a um problema de circulação do sangue.

Abaixo você tem um índice com todos os pontos que discutiremos neste Guia

Causas da gangrena

A gangrena (necrose gangrenosa) é normalmente causada por uma doença arterial grave, como a ateroesclerose, em que o sangue necessário não pode atravessar as artérias, que estão mais contraídas, para circular na área afectada.

A diabetes também aumenta a possibilidade de contrair gangrena, principalmente pelo seu efeito nos vasos sanguíneos, mas também por reduzir a capacidade do corpo resistir às infecções.

Noutras causas importantes incluem-se a embolia, a coagulação do sangue numa artéria trombose e lesões arteriais graves.

Sinais e sintomas

A pele e os tecidos afectados tornam-se escuros. Os tecidos com grangrena não têm sensibilidade, mas por vezes pode registar-se dor considerável nos bordos que circundam a área afectada.

Tratamento

Inicialmente, o objectivo será melhorar a circulação de sangue nas áreas afetadas.

Serão prescritos antibióticos se a área ficar com infecção.

A amputação dos tecidos mortos pode ser inevitável seguida de antibióticos para prevenir infecção posterior.

Saiba mais sobre:
A informação foi útil? Sim / Não

O texto contém informações incorretas? Está faltando a informação que você está procurando? Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva-nos para que possamos verificar e melhorar o conteúdo. Não lhe iremos responder diretamente. Se pretende uma resposta use a nossa página de Contato.


Nota: O Educar Saúde não é um prestador de cuidados de saúde. Não podemos responder a perguntas de saúde ou aconselhá-lo nesse sentido.
Autores
Reinaldo Rodrigues (Enfermeiro - Coren nº 491692)

Enfermeiro - Coren nº 491692

O Reinaldo Rodrigues formou-se em agosto de 2016, pela Universidade Padre Anchieta, em Jundiai. Fez curso de especialização em APH (Atendimento Pré-Hospitalar), pela escola 22Brasil Treinamentos, em Barueri, curso de 200 horas práticas, com foco em acidentes de trânsito.

Trabalha como Cuidador de Idosos há 5 anos, e possui experiência em aspiração de vias aéreas, banho de aspersão, curativos, tratamento e prevenção de Lesão por Pressão, gerenciamento de Equipe de cuidadores com elaboração de escalas. Treinamento e acompanhamento de cuidadores nas casas dos pacientes.

Também pode encontrar o Reinaldo no Linkedin.