-->Hematoma Subungueal (Unha negra, Unha pisada): Tratamento, como prevenir e menanoma

Hematoma Subungueal (Unha negra, Unha pisada): o que fazer e como prevenir

Publicado em 15/04/2011. Revisado por Dr Daniel Dourado (Dermatologista - CRM: 46.608 / RQE: 32.368) a 21 maio 2019

Subungueal é o termo utilizado para designar a área localizada debaixo das unhas dos pés e das mãos. Um hematoma é uma acumulação de sangue que extravasou dos vasos sanguíneos. Um hematoma subungueal é portanto, uma acumulação de sangue localizada sob uma unha da mão ou do pé. Os atletas que realizam provas de longas distâncias são os mais afetados com o traumatismo, já que os dedos dos pés mantém contato direto com a frente do ténis durante longos períodos, colocando maior pressão sobre a unha.

Os hematomas subungueais de pequenas dimensões e que apresentam dor leve, geralmente não são motivo de preocupação, pois normalmente desaparecem sem a necessidade de tratamento. No entanto, quando ocorrem danos graves no leito ungueal, ou quando as dores são intensas, é importante o indivíduo consultar o podologista para que seja realizado o tratamento médico mais eficaz.

A dor geralmente desaparece em poucos dias. No entanto, a unha vai precisar de algum tempo para recuperar completamente. A unha geralmente acaba por crescer – ou, por vezes, pode cair ou necessitar ser removida – e será substituída por uma nova e completamente saudável.

Hematoma Subungueal (Unha Negra, Unha Pisada), O Que Fazer E Como Prevenir

Principais causas do hematoma subungueal

O hematoma subungueal resulta, geralmente, de uma lesão sofrida numa unha da mão ou do pé. Por exemplo, trilhar um dedo numa porta, ou bater com o martelo no dedo pode provocar a ruptura dos vasos sanguíneos localizados abaixo da unha.

Sinais e sintomas

O sinal mais evidente é a coloração escura da unha. É possível que ocorram dores provocadas pela pressão do sangue localizado debaixo da unha. O local poderá sangrar ou a unha ficar pisada. Posteriormente, poderá cair, crescendo, mais tarde, uma outra no seu lugar. Os principais sintomas visíveis incluem:

  • presença de sangue sob as unhas
  • a unha parece dolorida ou sensível
  • sensação de pressão sob a unha
  • unha está descolorida – que inicia com uma cor púrpura avermelhada, acabando por se tornar castanha-escura e preta à medida que o sangue vai coagulando.

Nota: As pessoas com unhas artificiais podem não conseguir visualizar o hematoma subungueal. Nestes casos, sempre que ocorra dor ou pressão intensa no local, a melhor ação a ser tomada é remover a unha artificial para que o leito ungueal seja examinado.

Como é feito o diagnóstico

Em geral basta a observação médica e uma lesão recente relatada pelo paciente para confirmar o diagnóstico. Contudo, se houver suspeita que o traumatismo possa também ter causado uma fratura de algum osso, pode ser necessária uma radiografia.

Riscos e Complicações

Os traumatismos da unha com formação de hematoma poderão infectar ou mais raramente (se houver lesão do leito) poderão interferir no normal crescimento da unha, causando deformação ou alteração importante do aspecto da unha. É muito importante consultar o podologista.

Tratamento do hematoma subungueal

O hematoma subungueal de pequenas proporções geralmente não origina grandes problemas. Para estes casos, existem alguns remédios caseiros que auxiliam no alívio da dor enquanto a lesão cicatriza.

Quando necessário, os analgésicos de venda livre podem ajudam a reduzir as dores e o inchaço. O método RICE também pode ser útil e eficaz em hematomas de menores dimensões. A sigla RICE (em inglês) significa:

  • Repouso: é importante reduzir o uso do dedo afetado.
  • Gelo: Aplique gelo no local para reduzir o inchaço e a dor (apenas 20 minutos de cada vez). Para o fazer, enrole o cubo de gelo a um pano ou toalha, evitanto sempre a aplicação direta de gelo na pele, para evitar danos.
  • Compressão: aplique uma compressa na lesão imediatamente, para reduzir a quantidade de sangue acumulado na unha.
  • Elevação: Mantenha a mão ou o pé lesado elevado, para reduzir o inchaço no local.

Em lesões mais sérias estas ações podem não ser o suficiente. Sabendo que qualquer lesão significativa na unha pode originar a quebra do osso localizado baixo, é importante o indivíduo procurar atendimento médico se:

  • a dor é muito intensa
  • a lesão aconteceu em um bebê ou criança
  • o sangramento é intenso que não pára
  • existe um corte ou laceração
  • a base da unha ficou danificada
  • sem qualquer lesão, a unha ficou escura ou descolorida

Em lesões ou cortes mais profundos, pode haver a necessidade de remover totalmente a unha ou aplicar pontos. Outras vezes é apenas usada uma compressa para proteger o leito ungueal durante a cicatrização. Nestes casos, a unha danificada pode ser removida posteriormente.

Quando o médico suspeita que o osso está quebrado, geralmente é realizado um raio X. Caso seja confirmada a quebra do osso, as pontas dos dedos quebradas podem necessitar ser cobertas com uma tala durante algumas semanas para acelerar a cicatrização e prevenir novas lesões.

Para remover o sangue localizado debaixo da unha e aliviar a dor e a pressão, o podologista pode realizar um procedimento chamado “trefinação de unhas”. O procedimento realiza um pequeno buraco na unha através de um laser ou agulha e de seguida é aplicado um curativo. Nota: Este procedimento nunca deve ser realizado em casa, pois pode originar infecções ou lesões posteriores no leito ungueal. Os principais indicadores de uma infecção incluem:

  • fluidos ou pus drenando debaixo da unha
  • aumento de inchaço ou dor no local
  • listras vermelhas na pele
  • presença de febre
  • sensação quente no dedo da mão ou dedo do pé
  • vermelhidão em redor da área afetada

É importante consultar o médico sempre que algum destes sintomas ocorrer.

Quanto tempo demora para curar? Com o tempo o sangue preso será reabsorvido e a marca escura desaparecerá. O tempo total de cura pode demorar de 2 a 3 meses para uma unha da mão e até 9 meses para uma unha do pé.

Hematoma subungueal vs. melanoma

O melanoma no leito ungueal (quando o melanoma ocorre sob a unha) é uma condição extremamente rara, afetando apenas cerca de 1 em 1 milhão de pessoas. Entenda que o melanoma é a forma mais mortífera de câncer de pele. O tumor pode ser confundido com um hematoma subungueal, já que também pode causar uma marca escura sob a unha. No entanto, geralmente não causa dor e não está associado a uma lesão.

Em caso de dúvida, consulte sempre o podologista para que sejam avaliavas quaisquer marcas ou cores incomuns na unha que ocorram sem motivo ou ferimentos.

Prevenindo o hematoma subungueal

Alguns hematomas subungueais ocorrem por acidente, e portanto, são difíceis de prevenir. Mas outros, principalmente aqueles que envolvem o uso dos dedos, são mais fáceis de prevenir. Algumas recomendações incluem:

  • Não use calçado muito apertado. Existem muitos problemas associados ao uso de calçado muito justo.
  • Em jogos de futebol ou de tênis, dê preferência a superfícies naturais como a grama ou argila, pois ajudam a reduzir o atrito entre o sapato e o pé.
  • Se tiver um dedo do pé problemático, una-o ao dedo próximo usando um adesivo próprio, de forma a reduzir o atrito.
  • Os trabalhadores da construção ou de armazéns, devem proteger sempre os pés com botas de trabalho próprias ou sapatos de biqueira de aço.

Foto: Hematoma subungueal no dedo grande do pé esquerdo.

Foto: Dedos das mãos

» Unha do Pé Escura? Conheça 4 Causas e Possíveis Tratamentos

Saiba mais sobre:
A informação foi útil? Sim / Não

O texto contém informações incorretas? Está faltando a informação que você está procurando? Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva-nos para que possamos verificar e melhorar o conteúdo. Não lhe iremos responder diretamente. Se pretende uma resposta use a nossa página de Contato.


Nota: O Educar Saúde não é um prestador de cuidados de saúde. Não podemos responder a perguntas de saúde ou aconselhá-lo nesse sentido.

Referências
Autores
Dr Daniel Dourado (Dermatologista - CRM: 46.608 / RQE: 32.368)

Dermatologista - CRM: 46.608 / RQE: 32.368

O Dr. Daniel Seixas Dourado é Graduado em Medicina pela Universidade Severino Sombra – RJ – 2007. Para além disso possui:

- Especialização em Dermatologia: Hospital Eduardo de Meneses (FHEMIG) – 2009.

- Pós-Graduação Lato-Sensu em Medicina e Cirurgia Aplicada a Estética: CEMEPE – Belo Horizonte – 2010.

- Título de especialista em Dermatologia: Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e pela associação médica brasileira – AMB.

- Especialização em cirurgia da restauração capilar: Facultè de médecine Pierre et Marie de Curie de Paris / France – 2014.

- É membro titular da sociedade brasileira de dermatologia – SBD.

- Membro titular da sociedade brasileira de cirurgia Dermatológica (SBCD).

- Membro da associação brasileira de cirurgia e restauração capilar- ABCRC.

Endereço: Rua Bernardo Guimarães, 2717, sala 903 - Santo Agostinho, Belo Horizonte – MG

Email: atendimento@drdanieldourado.com.br

Telefone: (31) 9 9446 2446

Também pode encontrar o Dr. Daniel no Linkedin, Facebook e Instagram. Pode consultar o Currículo Lattes Aqui.