-->A Hérnia de Disco tem Cura: Conheça as opções de Tratamento Disponíveis - Educar Saúde

A Hérnia de Disco tem Cura: Conheça as opções de Tratamento Disponíveis

Publicado em 20/07/2017. Revisado por Dr. Davi Marinho de Araújo (Ortopedista - CREMEC 13177 / TEOT-SBOT 12704) a 18 dezembro 2018

Os discos intervertebrais são estruturas cartilaginosas, em forma de disco ou anel, que se localizam entre as vértebras que compõem a coluna espinhal.

Hérnia De Disco Na Região Cervical

Estes discos têm a função de evitar o atrito entre as vértebras, e ao mesmo tempo, permitir o seu movimento.

A hérnia de disco é um problema de saúde que consiste na saída do um disco intervertebral da sua posição habitual, comprimindo dessa forma as raízes dos nervos que saem da medula espinha e causando dor.

Apesar de este problema poder ocorrer em várias regiões das costas, é mais frequente na zona cervical e lombar, pois são aquelas que mais peso carregam e mais expostas a movimentos.

Neste artigo poderá conhecer um pouco melhor este problema, nomeadamente as suas causas e sintomas, e ainda, perceber se a hérnia de disco tem cura. Confira.

Abaixo você tem um índice com todos os pontos que discutiremos neste Guia

Causas

A hérnia de disco é um problema que tem origem no desgaste destas estruturas, provocado pela sua utilização repetitiva.

Contudo, se o desgaste pelo tempo é a causa mais comum, este problema pode também surgir a partir de um esforço demasiado elevado durante o levantamento de algum peso, ou até, nalguns casos menos frequentes, como consequência de um acidente.

Sintomas

Hérnia De Disco

Como foi mencionado anteriormente, o principal sintoma é a dor na zona afetada, geralmente na região lombar e na região cervical. No entanto, há ainda outros sintomas que surgem com esta doença. Confira:

– dor nas pernas caso a hérnia seja lombar;

– dor nos braços e ombros, caso a hérnica seja cervical;

– prostração;

– perda de movimento;

– alteração de hábitos intestinais e urinários;

– fraqueza (derivado da musculatura afetada pela hérnia);

– dormência e formigamento.

Apesar de na maioria dos casos, as manifestações do problema serem facilmente notadas, especialmente devido à dor quase insuportável sentida, há outros casos em que uma pessoa pode estar a sofrer de hérnia de disco e não se aperceber.

Caso sinta alguns dos sintomas acima descritos, deve consultar um médico, para que este possa identificar a doença e despistar outras possibilidades.

» Saiba O que é abaulamento discal e que sintomas pode causar

Diagnóstico

Inicialmente, o médico irá realizar um exame físico de modo a avaliar a localização da dor e sensibilidade.

Seguidamente, irá também fazer um exame neurológico. Este tem como objetivo avaliar a força muscular, o reflexo, a sensibilidade para vibrações, toques e picadas, e ainda, a capacidade de movimentar-se.

Estes dois exames, juntamente com um diálogo com o paciente suspeito de ter a condição da coluna sobre o seu histórico médico e familiar, são na maior parte das vezes suficientes para se diagnosticar o problema.

Contudo, por vezes existem suspeitas sobre outros problemas de saúde na origem dos sintomas.

Como tal, nesses casos o médico irá pedir mais alguns exames, para ajudar a confirmar a condição e despistar outras doenças.

Estes incluem uma eletromiografia para identificar a raiz do nervo afetado, um mielograma, para avaliar a localização e a dimensão da hérnia, uma tomografia computorizada ou uma ressonância magnética, para perceber a pressão provocada sobre o canal espinhal, e ainda, um teste de velocidade de condução do nervo.

Por fim, como complemento, pode ainda ser realizada uma radiografia, de modo a excluir outras possíveis causas.

A hérnia de disco tem cura

Através de um tratamento composto por repouso, medicação, osteopatia e fisioterapia, é possível alcançar a cura desejada.

Em alguns casos, o tratamento conservador não é suficiente, podendo ser necessária uma cirurgia.

O tratamento tem como objetivo aliviar os sintomas, e ainda, repor o disco intervertebral na sua posição normal. Confira de seguida como tratar o problema.

Tratamento

Hernia De Disco

Numa primeira fase do tratamento, o paciente deverá fazer repouso e a toma de medicação analgésica.

Assim, são usados anti-inflamatórios para ajudar a controlar a dor, e caso não sejam suficientes, podem ser prescritos narcóticos.

Estes medicamentos são especialmente indicados para os pacientes com dores muito intensas e insuportáveis, normalmente quando o evento é causado por acidentes ou por um esforço demasiado elevado no carregamento de pesos.

Nos indivíduos que o problema seja acompanhado por espasmos nas costas, podem ainda ser prescritos relaxantes musculares.

Depois de uma primeira fase marcada pelo repouso e pela toma de medicação, numa segunda fase o paciente será alvo de tratamento fisioterapêutico.

Mais abaixo poderá saber mais em que consiste a fisioterapia.

Geralmente, um período curto de repouso e medicação, seguido da fisioterapia, é o suficiente para curar a hérnia.

Contudo, há casos onde o tratamento conservador não é suficiente, sendo por isso necessário avançar para outras soluções terapêuticas.

Uma dessas terapêuticas consiste na injeção de esteróides.

Esta aplicação pode ajudar a controlar a dor durante um período que pode prolongar-se por alguns meses, mas ainda, a reduzir o inchaço na zona afetada e aliviar outros sintomas.

Estas injeções são realizadas no consultório médico, num ambiente controlado, sendo utilizada uma fluoroscopia ou uma radiografia para localizar o local exato onde a injeção deve ser aplicada.

Por fim, para outros casos onde não exista mais nenhuma opção, a cura está dependente de um procedimento cirúrgico.

A cirurgia é indicada para casos mais graves, onde o deslocamento do disco é demasiado grande, não havendo nenhuma outra técnica que seja capaz de o devolver à sua posição habitual.

Fisioterapia

O tratamento fisioterapêutico irá variar de acordo com os sintomas apresentados pelo indivíduo.

Numa fase inicial, serão utilizados alguns métodos com o objetivo de reduzir a inflamação, e aliviar a dor e o desconforto.

Nesta fase serão usados técnicas como a crioterapia, calor, ultrassom, estimulação elétrica, imobilização, o que aliado à toma de medicação anti-inflamatória, irão ajudar a reduzir os sintomas.

Numa segunda fase, quando os sintomas já desapareceram, o paciente irá realizar RPG (Reeducação Postural Global), podendo ainda ser associadas sessões de osteopatia.

Nesta altura, exercícios como a hidroterapia e Pilates podem ser bastante úteis para ajudar a manter o disco na sua posição devida.

As sessões de fisioterapia devem ser idealmente 5 dias por semana, de segunda a sexta.

O tempo total de tratamento pode variar muito de paciente para paciente, podendo ir desde 1 até vários meses.

(Conheça 5 Possíveis Tratamentos para a Hérnia de Disco).

Saiba mais sobre:
A informação foi útil? Sim / Não

O texto contém informações incorretas? Está faltando a informação que você está procurando? Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva-nos para que possamos verificar e melhorar o conteúdo. Não lhe iremos responder diretamente. Se pretende uma resposta use a nossa página de Contato.


Nota: O Educar Saúde não é um prestador de cuidados de saúde. Não podemos responder a perguntas de saúde ou aconselhá-lo nesse sentido.
Autores
Dr. Davi Marinho de Araújo (Ortopedista - CREMEC 13177 / TEOT-SBOT 12704)

Ortopedista e Traumatologista - CREMEC: 13177 TEOT(SBOT): 12704

O Dr. Davi Marinho de Araújo realizou a sua Graduação na Universidade Federal de Campina Grande, terminando o curso em 26 de abril de 2008. R. Aprigio Veloso, 882-Bodocongó Campina Grande PB (83) 2101 1000

Residência Médica

Ortopedia e Traumatologia : Serviço de Ortopedia e Traumatologia do Hospital Getúlio Vargas (2009,2010,2011) Av.Gen. San Martin-Cordeiro Recife-PE 50630-060.

Membro titular da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia (SBOT) - TEOT: 12704

Membro titular da Associação Brasileira Ortopédica de Osteometabolismo (ABOOM), e do Comitê de Doenças Osteometabólicas da SBOT.

Treinamento em cirurgia de Pé e Tornozelo no serviço de Ortopedia e Traumatologia da Clínica Alemana de Santiago-CH, International intership program at Traumatology Department, ankle and foot Unit with MD Cristian Ortiz as tutor.

Treinamento na Especialidade

CURSO INTERNACIONAL AO-HASTES INTRAMEDULARES, realizado no Windsor Barra Hotel Rio de Janeiro RJ, 20 a 21 de maio de 2009.

AO PRINCIPLES OF FRACTURE TREATMENT COURSE, realizado em Fortaleza CE , de 4 a 6 de agosto de 2011.

CURSO AO TRAUMA PE E TORNOZELO, realizado em INDAIATUBA SP, de 24 a 26 de ABRIL de 2014.

CURSO AO TRAUMA AVANÇADO, realizado em RIBEIRAO PRETO SP , de 19 a 22 de AGOSTO de 2015.

Atividades laborais

Hospital Antonio Prudente, Fortaleza CE, atendimento clínico e procedimentos cirúrgicos, departamento de ortopedia e traumatologia, serviço de pé e tornozelo.

Membro titular do comitê de Ética Médica do Hospital Antonio Prudente, Fortaleza - CE, eleito para o atual biênio por processo eleitoral.

Hospital Gastroclinica, Fortaleza CE, atendimento clínico em emergência e procedimentos cirúrgicos.

Governo do Estado do Ceará , Policlínica Regional de Caucaia, médico ortopedista e traumatologista aprovado em concurso público.

Consultório Vittacura: Av Desembargador Moreira, 760 Meireles - Centurion Business Center - sala 809.

Também pode encontrar o Dr. Davi no Linkedin e no Google.