Implante Capilar – Pós Operatório, Anestesia, Resultados, Idade e Alternativas

Revisado por Equipe Editorial a 13 janeiro 2018

Implante Capilar – Resultados, Idade Aconselhada, Alternativas, Anestesia, Pós Operatório, e as mulheres? Têm elas que ter cuidados especiais.

Não há dúvida de que o implante capilar é, hoje em dia, a forma mais viáveis para combater os estragos causados pela calvície, cujos resultados podem, muitas vezes, revelar-se mesmo 100% satisfatórios.

Sendo considerado como um procedimento bastante seguro nos dias de hoje, tanto o Implante como o transplante capilar (cirurgia realizada com os cabelos do próprio paciente) representa uma intervenção cirúrgica que cada vez mais é recorrida por Homens e Mulheres que se encontrem a sofrer de problemas de queda de cabelo na medida em que, apesar da enorme diversidade de tratamentos existentes no mercado, este é o único que até agora tem vindo a revelar a capacidade de proporcionar aos pacientes os resultados verdadeiramente desejados.

No entanto, apesar de todas as vantagens associadas a este procedimento, é importante referir que, ainda assim, não deverá nunca recorrer a esta intervenção sem antes considerar todas as questões que lhe possam estar associadas.

Isto evitará a que se submeta a um procedimento cirúrgico sem que realmente exista uma verdadeira necessidade para tal. Assim sendo, é da responsabilidade do interessado buscar toda a informação necessária para que possa decidir com bom senso se esta é ou não a alternativa mais indicada para a sua situação pessoal.

Antes e Depois – Os resultados são impressionantes

O que é o implante capilar?

O implante capilar é uma técnica cirúrgica de recolocação capilar, que tem por objectivo transferir os folículos capilar de uma zona da cabeça para outra que se apresente desprovida de cabelos. Os cabelos transplantados são sempre os do próprio paciente, o que ajuda a garantir uma taxa de rejeição praticamente inexistente.

Geralmente, as áreas da cabeça de onde os folículos serão retirados costumam ser a parte de trás e as zonas laterais, por apresentarem uma maior resistência à queda de cabelo, e por isso possuírem folículos mais fortes e saudáveis, que rapidamente voltarão a recrescer após terem sido removidos para o transplante.

Tipo de Anestesia Utilizada

Seja realizado num consultório ou num hospital, esta cirurgia será sempre efectuada sob o efeito de anestesia local, pelo que, não haverá qualquer tipo de sensação mais dolorosa envolvida no procedimento.

Sendo um processo complexo, poderá exigir a presença de uma equipa que irá variar entre os 5 e os 12 profissionais, que se dedicarão à intervenção durante um período que irá variar entre as 5 e as 10 horas.

Quais as condições para que um paciente possa ser submetido à cirurgia?

Idade Ideal e Preparação

Esta cirurgia é indicada para pessoas cuja idade se situe acima dos 25 anos. Na fase que antecede o procedimento, que geralmente terá uma duração média de cerca de 3 meses, o paciente é instruído a cuidar muito bem do seu couro cabeludo, preparando-o diariamente para a intervenção através de boas lavagens, e massagens cuidadosas na região do couro cabeludo. É importante que o couro cabeludo esteja nas melhores condições possíveis, totalmente livre de quaisquer tipos de inflamações.

Em Mulheres

Nas Mulheres, existem cuidados extra a serem adoptados, na medida em que a paciente deverá submeter-se a um tratamento hormonal ou reposição de vitaminas, com o objectivo de deixar os seus cabelos num estado verdadeiramente saudável para a cirurgia.

É importante ter em mente que o Transplante Capilar poderá nem sempre ser indicado para qualquer caso de calvície, sendo por isso extremamente importante informar-se junto de um médico especialista, de modo a determinar se está ou não em condições de se submeter a esta cirurgia.

Em quanto tempo se verificam os resultados?

Os resultados podem ser verificados logo após 6 meses da primeira cirurgia, No entanto, serão necessárias diversas intervenções cirúrgicas para que os resultados finais desejados possam ser totalmente obtidos, processo esse que poderá durar mais do que 1 ano.

Existem alternativas à cirurgia?

As alternativas que poderão ser encontradas irão variar imenso consoante cada caso (Ler: Alopecia Areata). No entanto, muitos dos pacientes que se submetem à cirurgia de implante capilar, fazem-no desnecessariamente, na medida em que é possível, através da utilização de determinados medicamentos, travar o ritmo da queda de cabelo, impedindo assim a sua evolução para a calvície total.

Peça aconselhamento junto de um especialista dermatológico, e nunca avance para a cirurgia a menos que conclua que a mesma é verdadeiramente necessária.