IMPLANTES MAMÁRIOS

Atualizado e Revisado por Drª Raquel Pires (Nutricionista - CRN-6 nº 23653) a 07/08/2019

O cirurgião plástico de serviço diz-lhe tudo o que deve saber sobre a mamoplastia de aumento:

TAMANHO
É uma decisão construída a dois, ou seja, pela paciente e pelo cirurgião, tendo em consideração diversos factores e índices biométricos da paciente, nomeadamente a altura, peso, tamanho da mama existente, qualidade da pele que a cobre, largura da base da mama, projecção e altura da mama, entre outros.

PRÓTESE
Utilizam-se preferencialmente próteses de gel de silicone coesivo, texturadas e de forma estável, vulgarmente denominadas por anatómicas .

PRÉ-OPERATÓRIO
Depois da paciente ser informada sobre todos os aspectos da intervenção, incluindo os riscos que acarreta, realizam-se as chamadas rotinas pré-operatórias: análises de sangue, raio-X de tórax e electrocardiograma. Como se trata de uma cirurgia mamária é também necessária uma ecografia mamária ou uma mamografia.

TÉCNICA
A protese pode ser introduzida com uma incisão na axila, na aréola ou no sulco mamário, sendo que a escolha depende da técnica a utilizar, das dimensões da prótese e do plano onde é colocada (por detrás da glândula mamária ou do músculo).

PÓS-OPERATÓRIO
A paciente (terá que usar um sutiã de desporto durante um mês e não fazer esforços físicos nos primeiros 15 dias, sendo que neste período poderá fazer alguma actividade que não envolva os braços e com pouco impacto).
Geralmente, poderá conduzir três a cinco dias após a operação e serão prescritos medicamentos para não ter dores, sendo que estas são mais intensas nos primeiros dois dias, e Os resultado
são visíveis imediatamente.

EFEITOS SECUNDÁRIOS
lrá existir edema (inchaço), algumas equimoses (nódoas negras) e, essencialmente, uma sensação de peso no peito. Demora algum tempa até integrar o efeito do aumento e a adaptação é gradual. Também podem surgir hematomas e infecçôes, bem como algum atraso cicatricial, embora não seja comum.

As complicaçóes tardias têm a ver com a existência de uma cápsula em torno da protese e que pode apertá-la, causando desconforto dor em situaçoes mais graves e deformação da mama.

O PREÇO Ronda os 5.000 euros.

VOLTAR PARA »
A informação foi útil? Sim / Não

Ajude-nos a melhorar a informação do Educar Saúde.

O texto contém informações incorretas? Está faltando a informação que você está procurando? Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva-nos para que possamos verificar e melhorar o conteúdo. Não lhe iremos responder diretamente. Se pretende uma resposta use a nossa página de Contato.


Nota: O Educar Saúde não é um prestador de cuidados de saúde. Não podemos responder a perguntas de saúde ou aconselhá-lo nesse sentido.

IMPLANTES MAMÁRIOS