-->INFECÇÃO VIH - Plataforma Laboral Contra a Sida - Educar Saúde

INFECÇÃO VIH – Plataforma Laboral Contra a Sida

Publicado em 18/06/2010. Revisado por Drª Raquel Pires (Nutricionista - CRN-6 nº 23653) a 8 dezembro 2018

Em todo o mundo estima-se que 40 milhões de pessoas vivam com a infecção VIH. A infecção atinge particularmente adultos jovens, pelo que o total da população activa terá já perdido 28 milhões de efectivos desde o início da epidemia. Sem acesso a tratamento, a dimensão da epidemia atingirá valores inaceitáveis, medidos em anos de vida perdidos, em destruição das estruturas económicas e das redes sociais. Na última década, em particular nestes anos mais próximos, as novas terapêuticas reduziram significativamente a morbilidade e a mortalidade individuais associadas à infecção VIH, aumentando assim a esperança de vida das pessoas infectadas e melhorando a sua qualidade. Deste modo, assistimos a um crescendo de pessoas infectadas pelo VIH, que se encontram profissionalmente activas ou aptas a serem inseridos no mercado de trabalho.

A infecção VIH/sida traz associados problemas de desinformação, medo e discriminação que podem constituir obstáculos adicionais no local de trabalho. Para os ajudar a remover, surgiu em Portugal a Plataforma Laboral Contra a Sida, como resposta necessária e urgente dos intervenientes no mundo do trabalho aos desafios colocados pela infecção.

A Plataforma desenvolve assim a sua actividade, tendo a infecção VIH como questão laboral prioritária, através de uma rede que propõe a elaboração e contribui para a implementação de políticas de empresa e linhas de orientação dirigidas à resposta à infecção no local de trabalho, visando em particular o combate ao estigma e discriminação das pessoas infectadas pelo VIH. A abrangência e diversidade dos elementos que a constituem, permite à Plataforma Laboral * construir uma intervenção adequada no mundo do trabalho, levando em linha de conta a especificidade de cada sector laboral e, sobretudo, conciliando os interesses de dirigentes e de trabalhadores. Reconhecendo o meio laboral como um meio privilegiado para o desenvolvimento de programas de prevenção, formação e informação sobre o VIH, mas também a falta de informação convenientemente agregada, remetendo para linhas de actuação conjunta, surge este guia Infecção VIH:

Um guia de recursos, que pretende ser um instrumento facilitador na identificação das instituições e equipamentos na área do VIH/sida, disponíveis a nível nacional. Tem como destinatários empresas subscritoras do código de conduta e as empresas interessadas na compreensão da realidade social da infecção VIH e espera-se que facilite tanto o acesso à informação como promova um conhecimento adequado da realidade social da infecção a todos os intervenientes do mundo laboral.

Saiba mais sobre:
A informação foi útil? Sim / Não

O texto contém informações incorretas? Está faltando a informação que você está procurando? Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva-nos para que possamos verificar e melhorar o conteúdo. Não lhe iremos responder diretamente. Se pretende uma resposta use a nossa página de Contato.


Nota: O Educar Saúde não é um prestador de cuidados de saúde. Não podemos responder a perguntas de saúde ou aconselhá-lo nesse sentido.
Autores
Drª Raquel Pires (Nutricionista - CRN-6 nº 23653)

Nutricionista Clínica - CRN-6 nº 23653

A Drª Raquel Pires é Nutricionista, Health Coach e Personal Diet, com grande experiência em atendimento em consultório e Idealizadora do Projeto ESD (Emagrecimento sem Dor).

Formação Acadêmica

- Graduada pela Universidade Santa Úrsula. - Pós Graduada em Nutrição Clínica. - Pós Graduada em Prescrição de Fitoterápicos e suplementação Nutricional Clínica e Esportiva. - Pós Graduada em Nutrição Aplicada ao Emagrecimento e Estética.

Também pode encontrar a Drª Raquel no Linkedin, Facebook e Youtube

Marcação de consultas 88-99685-0858