-->13 Inibidores de Apetite Naturais que Ajudam a Perder Peso - Educar Saúde

13 Inibidores de Apetite Naturais que Ajudam a Perder Peso

Publicado em 09/01/2018. Revisado por Drª Adriely Silva (Nutricionista - CRN-6 Nº 25902) a 14 novembro 2018

Sabia que o uso de inibidores de apetite, seja na dieta ou na forma de suplementos, pode ajudar a reduzir a sua ingestão de calorias, facilitando a perder peso?

13 Inibidores De Apetite Naturais

O Que É um Inibidor De Apetite?

Um inibidor de apetite é algo que reduz a sensação de fome. Este benefício pode ser conseguido através da ingestão de alimentos ricos em fibras que o vão fazer sentir saciado e, portanto, menos propenso a fazer lanches entre refeições ou comer em excesso.

Os supressores de apetite também estão disponíveis em formas mais concentradas, como suplementos em cápsulas, que ajudam a suprimir hormônios específicos do corpo que induzem a fome (por exemplo, a grelina). Alguns suplementos fazem o oposto, estimulam a liberação de leptina, o hormônio da saciedade.

Embora os inibidores de apetite, seja através de alimentos ou suplementos, sejam conhecidos por servirem este propósito, existe algum cepticismo quanto à sua eficácia a longo prazo.

Inibidores De Apetite Natural

Para os que não pretendem tomar inibidores de apetite químicos ou hormonais, as melhores opções naturais incluem: extrato de chá verde, amêndoas, alimentos condimentados, café, gengibre, extrato de açafrão-da-terra e alimentos ricos em fibras, entre outros.

Extrato de chá verde

As catequinas presentes no extrato de chá verde são capazes de retardar a elevação dos níveis de açúcar no sangue, retardando assim a libertação de insulina e reduzindo a fome.

Óleo essencial de toranja

Os extratos desta fruta não só aumentarão o metabolismo, como também impedirão a retenção de água e inchaço no corpo, o que pode ajudar ainda mais na perda de peso .

Amêndoas

Estas nozes maravilhosas são ricas em fibras e gorduras saudáveis, mas também podem ajudar a aumentar a saciedade, estimulando a liberação de leptina no corpo.

Café

Um dos supressores mais conhecidos, a cafeína é capaz de prevenir a explosão normal de fome que as pessoas têm após uma longa noite sem comida.

Gengibre

Existe algum debate sobre se o gengibre pode estimular ou suprimir o apetite, no entanto algumas pessoas relatam efeitos positivos.

Alimentos picantes

Existem evidências de que os alimentos condimentados são capazes de manter-nos satisfeitos por mais tempo, ao mesmo tempo em que aumentam o metabolismo, o que pode ajudar no emagrecimento.

Alimentos ricos em fibra

Quando o alimento é rico em fibras, faz-nos sentir cheios e com menos probabilidade de realizar lanches entre as refeições. Também ajuda a estimular a digestão para normalizar as evacuações.

Extrato de açafrão-da-terra

O extrato de cúrcuma (açafrão-da-terra, açafrão-da-índia) pode ajudar a regular os níveis hormonais naturalmente, incluindo a serotonina, que tira-nos a fome e dá-nos uma sensação mais prolongada de saciedade entre as refeições.

Ameixas

Estes frutos são ricos em fibras e fazem sentir-nos completos, mas também estão ligados ao controle da liberação de glicose no corpo, retardando ainda mais a liberação de hormônios da fome.

Chocolate escuro

Ao acelerar o metabolismo e inibir o açúcar no sangue, alguns estudos verificaram que o chocolate preto pode ser um meio eficaz de reduzir a fome.

Sucos de vegetais

Esta categoria de bebidas ricas em fibra e alta densidade nutricional mantém-nos satisfeitos por metade do dia, apesar de serem relativamente baixos em calorias.

Salmão

As gorduras saudáveis encontrados no salmão ajudam a inibir o apetite, juntamente com a proteína, que é metabolizada mais lentamente, deixando uma sensação de satisfação durante mais tempo.

Água

Beber 8 a 10 copos de água por dia mantém-nos hidratados e a fome sob controle.

Efeitos Colaterais

Usar inibidores de apetite para reduzir a fome e perder peso deve ser visto apenas como uma estratégia temporária. A privação da calorias a longo prazo aumenta o risco de:

  • Deficiências nutricionais
  • Fadiga
  • Perda muscular
  • Metabolismo mais lento
  • Problemas cognitivos

Use estes supressores de forma responsável e apenas com aconselhamento médico. Usar fármacos, em vez de inibidores naturais, também oferece uma longa lista de possíveis efeitos colaterais, que vão desde insônia e dor de estômago, a dores no peito e arritmias cardíacas.

Saiba mais sobre:
A informação foi útil? Sim / Não

O texto contém informações incorretas? Está faltando a informação que você está procurando? Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva-nos para que possamos verificar e melhorar o conteúdo. Não lhe iremos responder diretamente. Se pretende uma resposta use a nossa página de Contato.


Nota: O Educar Saúde não é um prestador de cuidados de saúde. Não podemos responder a perguntas de saúde ou aconselhá-lo nesse sentido.

Autores
Drª Adriely Silva (Nutricionista - CRN-6 Nº 25902)

Nutricionista - CRN-6 Nº 25902

A Drª Adriely da Silva Vicente é Graduada em Nutrição pela Faculdade Estácio do Rio Grande do Norte no ano de 2018. Com registro no Conselho Regional de Nutricionistas CRN-6 Nº 25902.

Atualmente trabalha com Home Care e atende em clínica particular no Brasil.

Contato para marcação de consultas: (84) 99175-5907

Também pode encontrar a Drª Adriely no Linkedin.