Lipoaspiração ou abdominoplastia – qual a melhor cirurgia para ficar com a barriga lisa?

Revisado por Equipe Editorial. Publicado em 16 de janeiro de 2015

Existem diversos procedimentos que permitem eliminar as gorduras existentes em excesso na região abdominal. Conseguir uma barriga lisa e perfeita é um grande objetivo para muitas mulheres, mas nem sempre é possível concretizar este desejo adotando um estilo de vida mais saudável.

foto de Lipoaspiração Tumescente antes e depois  4

Quando a dieta equilibrada e a prática de exercício físico não são suficientes, a solução pode estar em realizar uma cirurgia plástica, a lipoaspiração ou a abdominoplastia.

Estes são os procedimentos estéticos mais utilizados por quem deseja uma barriga lisa. Cada método apresenta vantagens e desvantagens e assim, a questão que se impõe é: lipoaspiração ou abdominoplastia, qual é o melhor procedimento para ficar com a barriga perfeita?

A diferença mais relevante entre estes dois procedimentos estéticos é que a lipoaspiração limita-se a eliminar a gordura localizada, enquanto a abdominoplastia também remove uma parte significativa da pele flácida.

Escolher a melhor cirurgia para o seu objetivo

Apesar de a diferença mais significativa ser esta que acabámos de mencionar, é importante escolher com o máximo cuidado o procedimento a realizar. É fundamental recorrer ao apoio de um cirurgião plástico, o qual deve fazer uma análise cuidada da sua situação e assim determinar qual o melhor caminho a seguir.

De uma forma geral, a lipoaspiração é mais indicada para mulheres jovens que ainda não foram mães e que por isso não apresentam sinais de pele flácida. Nesta situação, a simples remoção de gordura através de cânulas poderá ser suficiente.

Pelo contrário, a abdominoplastia é uma cirurgia estética mais complexa que permite recuperar a firmeza que fora perdida em determinadas áreas do corpo. Este é um procedimento mais adequado a mulheres que já foram mães ou a pacientes que perderam bastante peso e que apresentam evidências de flacidez.

Em termos de cicatrização, é preciso notar que a abdominoplastia deixa uma cicatriz no fundo do abdômen, enquanto a lipoaspiração provoca apenas pequenas marca, bem menos visíveis. Esta é mesmo a principal desvantagem de optar pela abdominoplastia em detrimento da lipoaspiração.

A solução pode estar em ambos os procedimentos

Em algumas circunstâncias, principalmente quando é necessário remover uma grande quantidade de gordura, a melhor opção pode ser a cirurgia combinada, ou seja a lipoabdominoplastia.

Este método une as vantagens de ambos os métodos, por forma a remover a gordura, mas também por forma a melhorar o contorno corporal. A gordura é removida através da lipoaspiração e posteriormente é também retirada a pele flácida através da abdominoplastia, o que resulta num resultado final mais satisfatório.

fotos da abdominoplastia

Cuidados a ter

Qualquer que seja o tratamento escolhido, existem algumas precauções que podem ajudar a garantir que todo o procedimento corre como desejado.

O primeiro passo deve passar obrigatoriamente por consultar um cirurgião plástico com uma boa reputação. Procure recolher informações sobre os melhores profissionais médicos junto de quem já realizou uma cirurgia estética semelhante.

Pode também utilizar a Internet para tentar recolher informações. Em fóruns e blogs, é possível encontrar muitas pessoas que partilham as suas próprias experiências.

Também é essencial que siga todas as recomendações efetuados pelo seu médico. Estas recomendações abrangem sempre o período que antecede e que precede a intervenção. Quando todas as recomendações são seguidas da melhor forma possível, reduz-se de forma significativa a probabilidade de ocorrerem complicações.

A informação foi útil? Sim / Não

Ajude-nos a melhorar a informação do Educar Saúde.

O texto contém informações incorretas? Está faltando a informação que você está procurando? Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva-nos para que possamos verificar e melhorar o conteúdo. Não lhe iremos responder diretamente. Se pretende uma resposta use a nossa página de Contato.


Nota: O Educar Saúde não é um prestador de cuidados de saúde. Não podemos responder a perguntas de saúde ou aconselhá-lo nesse sentido.
Autores
Equipe Editorial

A essência da medicina não se restringe apenas ao diagnóstico e prescrição. A verdadeira missão está em informar, acolher, participar, apoiar e confortar as pessoas em suas dores e sofrimentos. Em ser uma referência técnica e humana em momentos de intensa insegurança e medo.

Todos os artigos desenvolvidos pela nossa equipe editorial são revisados por médicos da sua especialidade, esforçando-nos sempre para ser objetivos e apresentar os dois lados do argumento. Pode consultar a nossa equipe de especialistas Aqui

A nossa equipe concentra-se assim em garantir que o conteúdo, os produtos e os serviços fornecidos pela plataforma mantenham os mais elevados padrões de integridade médica, ajudando a garantir que todas as informações que o usuário recebe, sejam precisas, e baseadas em evidências, atuais e confiáveis.

Para além disso, todo o conteúdo é revisado e atualizado continuamente para garantir a sua precisão.

O processo de atualizações é simples.

Sabemos que os padrões de tratamento para algumas condições, como o câncer e a diabetes (por exemplo) mudam e estão em constante evolução, de modo que, existem conteúdos que devem ser revisados com maior frequência, de forma a garantirmos que a informação existente e recém-publicada reflita sempre as informações mais precisas e atuais. Saiba mais sobre nós Aqui

Se encontrou alguma imprecisão ou erro nos nossos conteúdos, informe-nos através da nossa página de Contato.

Última atualização da página em 30/10/19