-->Mechas Californianas - Fotos e Tipos - Educar Saúde

Mechas Californianas – Fotos e Tipos

Publicado em 26/09/2014. Revisado por Equipe Editorial a 28 outubro 2018

As Mechas californianas podem ser o que procura se deseja mudar o seu visual. Este é um visual que se adapta a qualquer estação do ano, quer no frio do inverno, quer no calor do verão. Estas madeixas são fáceis de manter, e ficam bem em vários tipos de cabelo: curto, médio, longo, liso, encaracolado, etc.

Abaixo você tem um índice com todos os pontos que discutiremos neste Guia

Fotos

fotos de mechas californianas

Estas madeixas surgiram na Califórnia, Estados Unidos, em 2008/09, quando os surfistas utilizavam a parafina para clarear as pontas do cabelo. Isso não só os protegeu do sol, mas também inaugurou um visual novo e diferente.

Estas madeixas consistem na ponta do cabelo ser mais clara do que a raiz do mesmo. Por consequência, como a raiz não recebe tinta, o couro cabeludo não sofre danos.

No entanto, convém combinar a cor das madeixas com o tom da sua pele e com a cor dos seus olhos. É melhor pedir uma opinião ao seu cabeleireiro.

Por exemplo, se pretende um visual mais discreto, então não deve clarear demasiado o cabelo. Por exemplo, se a raiz do seu cabelo for castanha escura, um tom de castanho claro ou dourado nas pontas poderá ficar bem.

Tipos de Mechas californianas

Ombré hair

É um degradé da cor original, ou seja, se o cabelo for originalmente castanho-escuro e se se pretender que as pontas fiquem castanhas claras, o cabelo vai-se transformando gradualmente na cor desejada, passando de castanho-escuro para castanho claro de forma muito suave. Este tipo de Mechas californianas é indicado para quem pretende um visual mais subtil e discreto.

Texanas

É uma adaptação do ombré hair. A única diferença é que as texanas começam a partir da altura da zona do nariz, e são criados vários tons, de maneira muito discreta. O objetivo é criar um sombreado a partir dos ombros, como se fosse por queimadura solar. Para experimentar este visual, há que ter cuidado em manter os tons utilizados próximos uns dos outros, pois corre o risco de criar muito contraste.

Dip-dye

São madeixas muito coloridas. Este estilo significa modernidade e singularidade. Consiste em diferentes cores que são aplicadas em diversas pontas do cabelo. Este estilo ganhou adeptas após ter sido visto em figuras públicas como a Katy Perry e a Rihanna. Este estilo surgiu na década de 60, foi mais tarde reinventado na década de 80 e está atualmente na moda, mais uma vez.

Saiba mais sobre:
A informação foi útil? Sim / Não

O texto contém informações incorretas? Está faltando a informação que você está procurando? Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva-nos para que possamos verificar e melhorar o conteúdo. Não lhe iremos responder diretamente. Se pretende uma resposta use a nossa página de Contato.


Nota: O Educar Saúde não é um prestador de cuidados de saúde. Não podemos responder a perguntas de saúde ou aconselhá-lo nesse sentido.
Autores
Equipe Editorial

A essência da medicina não se restringe apenas ao diagnóstico e prescrição. A verdadeira missão está em informar, acolher, participar, apoiar e confortar as pessoas em suas dores e sofrimentos. Em ser uma referência técnica e humana em momentos de intensa insegurança e medo.

Todos os artigos desenvolvidos pela nossa equipe editorial são revisados por médicos da sua especialidade, esforçando-nos sempre para ser objetivos e apresentar os dois lados do argumento. Pode consultar a nossa equipe de especialistas Aqui

A nossa equipe concentra-se assim em garantir que o conteúdo, os produtos e os serviços fornecidos pela plataforma mantenham os mais elevados padrões de integridade médica, ajudando a garantir que todas as informações que o usuário recebe, sejam precisas, e baseadas em evidências, atuais e confiáveis.

Para além disso, todo o conteúdo é revisado e atualizado continuamente para garantir a sua precisão.

O processo de atualizações é simples.

Sabemos que os padrões de tratamento para algumas condições, como o câncer e a diabetes (por exemplo) mudam e estão em constante evolução, de modo que, existem conteúdos que devem ser revisados com maior frequência, de forma a garantirmos que a informação existente e recém-publicada reflita sempre as informações mais precisas e atuais. Saiba mais sobre nós Aqui

Se encontrou alguma imprecisão ou erro nos nossos conteúdos, informe-nos através da nossa página de Contato.