Neurite óptica

Revisado por Equipe Editorial a 13 janeiro 2018

A neurite óptica é uma inflamação do nervo óptico caracterizada por diminuição progressiva da acuidade visual, bilateral e não dolorosa, cursando com fundo ocular normal, discromatopsia, alteração da sensibilidade ao contraste, escotoma cecocentral e alterações electrofisiológicas.

Neurite óptica a propósito de 3 casos clínicos

M. QUEIRÓZ, A.SOUSA PINA, H. SOUSA-NUNES, M. MONTEIRO, F. FALCÃO DOS REIS
Serviço de Oftalmologia do Hospital de São João / Faculdade de Medicina do Porto

Objectivos: Os autores apresentam a evolução clínica de três casos de nevrite óptica.

Foram observados e seguidos, ao longo de oito meses, três doentes do sexo masculino, com idades compreendidas entre 38 e 53 anos, e com o diagnóstico de neurite óptica.

Realizou-se exame oftalmológico completo, testes de sensibilidade ao contraste, campos visuais e exame electrofisiológicos, quer para o diagnóstico da patologia, quer no follow-up, com duração de oito meses e reavaliação quinzenal. Ao longo deste periodo, instituiu-se suplementação vitamínica com Vitamina B1, vitamina B6 e vitamina B12.

Resultados: Após oito meses de follow-up houve melhoria da situação clínica dos três doentes, em relação à acuidade visual e campimetria, mantendo-se as alterações nos exames electrofisiológicos.

Conclusão: Os resultados obtidos são comparáveis aos descritos em outros centros e estão de acordo com a literatura científica. O prognóstico da nevrite óptica é usualmente favorável com a instituição de abstinência alcoólico-tabágica, dieta equilibrada e suplementos vitamínicos.