NicVax

Revisado por Equipe Editorial a 18 outubro 2018

NicVax é uma vacina que apresenta uma oportunidade viável para ajudar milhões de pessoas a parar de fumar. O objetivo da vacina NicVax é imunizar as pessoas contra a dependência da nicotina.

A evolução na ciência permite ao Homem não só combater as doenças que o enfraquecem como também lhe permite facilitar a desabituação de velhos e antigos vicios. Um desses vicios está com inserido na nossa sociedade à alguns séculos, o tabagismo deixou de ser um hábito social e passou a ser um vicio pertencente a milhões e consequentemente á morte prematura dessas mesmas pessoas.

A Organização Mundial de Saúde estima que existam cerca de 1,3 mil milhões de fumadores actualmente e que este vicio seja a causa de morte de mais de cinco milhões de pessoas, um número que duplicará no ano de 2020 se os padrões actuais se mantiverem. Só nos Estados Unidos existem cerca de 45 milhões de fumadores adultos dos quais cerca de 70% tem a intenção de parar de fumar.

Leia também: Remédio caseiro para deixar de fumar

NicVax

Sempre atentas a novas oportunidades de negócios as farmacêuticas têm desenvolvido vários meios para que os consumidores tabágicos possam ter uma ajuda na libertação do seu hábito, desde os famosos pensos até á mais recente vacina NicVax. Desenvolvida por investigadores na Universidade de Michigan, Califórnia, Estados Unidos da América, a Nic Vax tem vindo a ser desenvolvida pelo grupo farmacêutico Nabi Biopharmaceuticals com vista a ajudar os fumadores a largarem o vicio do tabaco se assim o pretenderem.

Desmestificando o seu nome “Nic “ representa a palavra nicotina e “Vax” é o diminutivo inglês para vacina. Focando o primeiro nome, nicotina, é importante referir que é um pequena molécula que após inalada se insere na corrente sanguínea atingindo desta forma o cérebro, aqui chegada liga-se a receptores de nicotina que libertam estimulantes como a dopamina, uma substância ligada não só ao prazer mas também ao vicio.

É neste campo que a NicVax vai actuar, tendo sido concebida para produzir anticorpos que se ligam directamente à corrente sanguínea estimulando desta forma o sistema imunológico e impedem a que a substância entre no cérebro.

Com esta interrupção no campo sanguíneo e cerebral acaba por tornar a tarefa de deixar de fumar mais facilitada para o consumidor tabágico. Os estudos pré-clinicos divulgados pela empresa Nabi Biopharmaceuticals têm demonstrado que a vacina impede na realidade os efeitos da nicotina no cérebro, incluindo os efeitos que podem levar à manutenção ou reforço do vicio.

Até ao momento a vacina tem vindo a ser testada em animais e os dados indicam que os anticorpos anti-nicotina libertados permanecem no corpo por seis a doze meses após a vacinação do paciente.

Neste estudo foi possível ainda comprovar que com a utilização da NicVax a taxa de recaída diminui de forma significativa quando comparada com outros métodos utilizados pelos fumadores que pretendem deixar de fumar. No ano de 2008 a NicVax obteve acordo da Food EUA & Drug Administration (FDA) para passar para uma avaliação especial do protocolo no qual foi concebida para ensaios clínicos, uma fase em que os patrocinadores da FDA dão o seu avale positivo ao projecto alicercando desta forma a aprovação de uma aplicação prática da nova droga.

Durante o ano de 2009 a NicVax recebeu o parecer positivo da Agência Europeia de Medicamentos (EMEA) quanto aos requisitos para ser introduzida no mercado europeu. A NicVax conta até ao momento com uma doação de dez milhões do National Institute on Drug Abuse (NIDA) para o seu desenvolvimento e realização da sua terceira fase.

Leia também: Medicamentos para deixar de fumar

Efeitos colaterais

A vacina revelou alguns efeitos colaterais nos mais de trezentos sujeitos voluntários submetidos a estudo, efeitos esses que incluem dores de cabeça, constipações, e algumas infecções na parte superior do trato respiratório. No que concerne ao seu licenciamente e distribuição deverão estar a cargo da GlaxoSmithKline. Prevê-se que este tipo de medicamento represente em 2018 um volume de negócio a rondar os 2,1 mil milhões de dólares.

A vacina para parar de fumar que deverá estar à venda em 2012 tem vindo a ser testada em cerca de 25 países, por esta altura será efectuada a sua venda em grande escala com programas de marketing adequados e promoção adequados a mostrar aos médicos de familia e similares as vantagens deste medicamento.

NicVax é uma vacina conjugada destinada a reduzir ou eliminar a dependência física à nicotina desenvolvida pela empresa farmacêutica Nabi Biopharmaceuticals, o que poderá vir a servir como um excelente tratamento para o tabagismo. Depois de seis injeções mensais, os utilizadores da vacina NicVax criam anticorpos contra a nicotina. A vacina NicVax está a ser concebida para estimular o sistema imunológico e produzir anticorpos que se ligam à nicotina na corrente sanguínea de forma a impedir que atravessem a barreira hemato-encefálica e entrar no cérebro. Assim, o cérebro não produz a sensação de falta de nicotina.

Leia também: Deixar de Fumar