Nutrientes e Sistema Digestivo

Os nutrientes são absorvidos através da digestão, que consiste num processo contínuo de simplificação química dos alimentos ingeridos.

Estes dividem-se pela acção das enzimas em fragmentos químicos mais pequenos e simples, que podem ser absorvidos através da parede do trato intestinal, um sistema tubular oco e musculado com mais de nove metros de comprimento, após o que são transportados pelo sangue a todas as partes do nosso corpo.

Nutrientes E Sistema Digestivo

Sistema digestivo

Ao saber como funciona o seu sistema (aparelho) digestivo, poderá esclarecer algumas das confusões mais frequentes acerca de como, quando e onde actuam os nutrientes.

Boca Esófago

A digestão tem início na boca com a mastigação dos alimentos e a adição de saliva.

Uma enzima chamada ptialina, existente na saliva ,começa a divisão dos amidos em açucares simples.

A comida é encaminhada pela faringe até o esófago.

Aqui inicia-se o peristaltismo, que consiste em movimentos de contracção e relaxamento dos músculos que empurram os alimentos através do tudo digestivo.

Para impedir o refluxo dos alimentos e para permitir que as enzimas específicas actuem – uma vez que cada enzima tem a sua função particular que não pode ser realizada por outra -, o tubo digestivo dispõe de válvulas situadas em todas as transições importantes.

Estômago

O Estômago é a maior protuberância do tubo digestivo ,como a maioria das pessoas sabe.

Está localizado mais alto do que de pensa,com a maior parte por trás das costelas inferiores e não por baixo do umbigo,no local vulgarmente designado por (barriga).

É uma bolsa flexível,rodeada de músculos em movimento contínuo que mudam permanentemente de forma.

A única substância que pode ser absorvida através das paredes do estômago é o álcool ,por isso deixe-se de bebidas alcoolicas e beba sumo que também é bom.

Normalmente uma refeição normal é digerida pelo estomago num período de 3 a 5 horas.

As substâncias aquosas, como a sopa, saem do estômago rapidamente. As gorduras permanecem nele durante tempo considerável.

Uma refeição normal de hidratos de carbono, proteínas e gorduras deixa o estômago após três a cinco horas como mencionei acima.

As glândulas do estômago e certas células especializadas produzem uma substancia mucosa, enzimas, ácido clorídrico e um factor que permite à vitamina B12 ser dissolvida através das paredes do intestino e passar para o sistema circulatório.

Um estomago normal tem um meio ácido e o suco gástrico, a secreção digestiva do estomago, é constítuido por muitas substâncias:

Pepsina

É a enzima predominante do suco gástrico e um poderoso digestivo das carnes e outras proteinas. Só atua em meio ácido.

Renina

É a substância que coagula o leite.

Ácido clorídrico

É uma substância produzida pelas células parietais do estômago que cria um meio ácido.

O estômago não é absolutamente indispensável para a digestão. A maior parte dos processos digestivos ocorrem mais abaixi.

Intestino delgado

A absorção de todos os nutrientes ocorre quase integralmente no intestino delgado.

O intestino delgado tem cerca de sete metros de comprimento e é o local onde se completa a digestão e ocorre a absorção de quase todos os nutrientes.

O seu meio interior é básico para o que contribui a bílis, que é altamente alcalina, o suco pancreático e as secreções das paredes intestinais.

Este meio é necessário para o trabalho mais importante da digestão e da absorção.

O duodeno, que começa no orifício de saída do estômago, é a primeira parte do intestino delgado.

Este une-se ao jejuno que tem cerca de três metros, que por sua vez se une ao íleon , este também com pouco mais de 3 metros de comprimento.

O conteúdo semilíquido do intestino é empurrado por meio de movimentos peristálicos,produzindo os ruídos que ás vezes nos levam a dizer que a nossa barriga está a fazer barulho.

Intestino grosso (cólon)

Sabia que são necessárias de 12 a 14 horas para que os alimentos percorram o trajecto completo ao longo do intestino grosso?

O conteúdo que sai do íleon e entra no cego (ponto de união do intestino delgado com o intestino grosso) é bastante aquoso.

O seu refluxo é impedido pela presença de uma válvula muscular.

Através do intestino grosso são absorvidas muito poucas substâncias,com excepção da água.

O cólon é essencialmente um orgão de armazenagem e desidratação.

As substâncias que entram em estado líquido tornam-se semi-sólidas à medida que se vai absorvendo a água .

São necessárias cerca de 12 a 14 horas para que os alimentos percorram o trajecto ao longo do intestino grosso como tinha referido.

O cólon, ao contrário do estômago que não contém microrganismos, está profusamente povoado de bactérias que constituem a flora intestinal normal.

Grande parte das fezes é composta por bactérias, juntamente com substancias não digeríveis ,principalmente celulose,substâncias residuais do sangue e outras resultantes das paredes intestinais.

Fígado

O fígado é o orgão sólido mais volumoso do nosso corpo e pesa cerca de 1,8 kilos. É uma fábrica química incomparável. Pode modificar quase todas as estruturas químicas.

É um poderoso órgão desintoxicante, que pode transformar uma grande quantidade de moléculas tóxicas e convertê-las em substancias inofensivas .

É tambem um órgão com um grande depósito de sangue e um local de armazenagem para as vitaminas A e D e para os hidratos de carbono já digeridos chamado de (glicogénio) como já devem saber, que se libertam para manter constante o açúcar sanguíneo.

Produz enzimas , colesterol, proteínas , vitamina A (a partir do caroteno) e alguns factores de coagulação do sangue.

Uma das principais funções do figado é a produção da bílis.

Esta contém sais que contribuem para uma digestão eficaz das gorduras por meio da acção detergente, convertendo as gorduras numa emulsão.

Vesícula biliar

A vesícula é um orgão de armazenagem em forma de bolsa com cerca de sete centímetros de comprimento.

Produz a bílis ,modificando-a quimicamente e concentrando-a numa proporção 10 vezes maior.

O sabor de uma substancia ,ou mesmo a simples presença de cómoda, podem fazer esvaziar a vesícula biliar.

Os componentes da bílis podem cristalizar e formar cálculos biliares.

Pâncreas

Esta glândula, com cerca de apenas 15 centímetros de largura , situa-se na curvatura do duodeno.

As suas células agrupadas em ilhéus segregam a insulina, que permite a rápida utilização dos açucares pelo organismo.

A insulina é secretada diretamente para o sangue e não para o tubo digestivo.

A maior parte do pâncreas produz e segrega o suco pancreático, que contém algumas das enzimas mais importantes do nosso organismo: as lipases, que dissolvem a gordura; as proteases, que digerem as proteínas e as amilases, que desdobram os amidos.

Por que a digestão é importante?

A digestão é importante porque o nosso corpo precisa de nutrientes de alimentos e bebidas para funcionar adequadamente e permanecer saudável. 

Proteínas , gorduras , carboidratos , vitaminas , minerais e a água são nutrientes.

O sistema digestivo quebra os nutrientes em pequenas partes o suficiente para o corpo absorver e usar como energia, crescimento e reparo celular.

  • Proteínas transformam-se em aminoácidos
  • As gorduras transformam-se em ácidos graxos e glicerol
  • Os carboidratos transformam-se em açúcares simples

O que acontece com a comida digerida?

O intestino delgado absorve a maior parte dos nutrientes dos alimentos e o sistema circulatório os transfere para outras partes do corpo para armazenar ou usar.

Células especiais ajudam os nutrientes absorvidos a atravessar o revestimento intestinal para a corrente sanguínea.

O sangue transporta açúcares simples, aminoácidos, glicerol e algumas vitaminas e sais para o fígado.

O fígado armazena, processa e fornece nutrientes para o resto do corpo sempre que necessário.

O sistema linfático, transporta glóbulos brancos e um fluido chamado linfa por todo o corpo para combater infecções, absorver ácidos graxos e vitaminas.

O nosso corpo usa açúcares, aminoácidos, ácidos gordos e glicerol para construir substâncias que precisamos para ter energia, crescer e reparar as celulas.

» Conheça Os 20 Vegetais e Frutas Mais Ricos em Nutrientes e Pobres em Calorias