Perguntas e Respostas sobre Rinoplastia – Cirurgia Plástica no Nariz

Revisado por Equipe Editorial. Publicado em 17 de dezembro de 2012

Perguntas e Respostas sobre Rinoplastia – Cirurgia Plástica no Nariz: A rinoplastia caracteriza-se por uma intervenção cirúrgica que tem como objectivo efectuar modificações em toda a estrutura nasal de modo a melhorar o aspecto estético da face.

Fotos da rinoplastia antes e depois

antes e depois da rinoplastia fotos

A cirurgia é relativamente simples, e realiza-se através de incisões dentro das narinas, onde se efectua a separação das partes das estruturas subjacentes, e de seguida na cartilagem e no osso responsáveis pelas deformidades.

Que tipo de anestesia é utilizada durante o procedimento?

A Rinoplastia poderá utilizar anestesia geral ou local. Esta escolha ficará ao critério do cirurgião, e será determinada conforme o problema do paciente e o tipo de cirurgia a ser realizada. Quanto mais complexa a cirurgia, maiores as probabilidades de vir a ser necessário recorrer-se a uma anestesia geral.

No entanto, na esmagadora maioria dos casos, uma anestesia local é o suficiente. Uma vez que o paciente se encontrará anestesiado, este procedimento não lhe causará qualquer tipo de dor ou desconforto, sendo facilmente suportável por qualquer pessoa.

Quanto tempo demora uma Rinoplastia?

Não há forma de dar uma resposta exacta para essa questão, mas é seguro afirmar que, na generalidade dos casos, uma Rinoplastia durará entre 2 a 3 horas. Em casos de maior complexidade, poderá durar um pouco mais.

A Rinoplastia deixa cicatrizes visíveis?

Geralmente as cicatrizes formam-se dentro das narinas, não sendo, por isso, visíveis.

É possível moldar livremente o nariz?

Livremente, não, na medida em que existe um equilíbrio entre o nariz e a face que deve sempre ser respeitado. No entanto, muitas são as mudanças que é possível efectuar, caso se revele verdadeiramente necessário.

O resultado é imediato?

No pós-operatório será necessário a utilização de uma tala e de um tamponamento nas narinas.Também haverá um inchaço que terá de ser muito bem tratado, por isso acredita-se que os resultados finais só deverão aparecer após cerca de 3 meses.

O pós-operatório costuma ser doloroso?

Não muito. É possível que o paciente sinta algum incómodo no nariz, mas tal poderá ser facilmente aliviado com analgésicos, e não durará mais do que alguns dias.

Qual a posição mais indicada para se dormir após a cirurgia?

Para evitar comprometer a qualidade dos resultados, aconselha-se que durma sempre com a face virada para cima. É importante ter atenção a este ponto, de modo a não prejudicar a recuperação da região operada.

A informação foi útil? Sim / Não

Ajude-nos a melhorar a informação do Educar Saúde.

O texto contém informações incorretas? Está faltando a informação que você está procurando? Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva-nos para que possamos verificar e melhorar o conteúdo. Não lhe iremos responder diretamente. Se pretende uma resposta use a nossa página de Contato.


Nota: O Educar Saúde não é um prestador de cuidados de saúde. Não podemos responder a perguntas de saúde ou aconselhá-lo nesse sentido.
Autores
Equipe Editorial

A essência da medicina não se restringe apenas ao diagnóstico e prescrição. A verdadeira missão está em informar, acolher, participar, apoiar e confortar as pessoas em suas dores e sofrimentos. Em ser uma referência técnica e humana em momentos de intensa insegurança e medo.

Todos os artigos desenvolvidos pela nossa equipe editorial são revisados por médicos da sua especialidade, esforçando-nos sempre para ser objetivos e apresentar os dois lados do argumento. Pode consultar a nossa equipe de especialistas Aqui

A nossa equipe concentra-se assim em garantir que o conteúdo, os produtos e os serviços fornecidos pela plataforma mantenham os mais elevados padrões de integridade médica, ajudando a garantir que todas as informações que o usuário recebe, sejam precisas, e baseadas em evidências, atuais e confiáveis.

Para além disso, todo o conteúdo é revisado e atualizado continuamente para garantir a sua precisão.

O processo de atualizações é simples.

Sabemos que os padrões de tratamento para algumas condições, como o câncer e a diabetes (por exemplo) mudam e estão em constante evolução, de modo que, existem conteúdos que devem ser revisados com maior frequência, de forma a garantirmos que a informação existente e recém-publicada reflita sempre as informações mais precisas e atuais. Saiba mais sobre nós Aqui

Se encontrou alguma imprecisão ou erro nos nossos conteúdos, informe-nos através da nossa página de Contato.

Última atualização da página em 30/10/19