Períneo: o que é, função e como localizar o órgão

O que é? O períneo é a parte do corpo que dá origem ao assoalho pélvico e onde o ânus e os órgãos genitais externos estão localizados. É formado por músculos e ligamentos que simulam a forma de um losango. No triângulo anterior está localizado o clitóris, a uretra e a vagina. No triângulo posterior localiza-se o núcleo fibroso central e o ânus.

Publicidade

O diagnóstico de doenças sexualmente transmissíveis, assim como a confirmação de possíveis abusos e violações na mulher, podem ser feitos através da análise do períneo.

Períneo, O Que é, Função E Como Localizar O órgão

Funções do períneo feminino

Muitas vezes não estamos cientes do verdadeiro valor de determinado órgão até que ele pare de funcionar. Conheça a importância que o órgão tem na saúde reprodutiva.

Função de continência: o assoalho pélvico controla os esfíncteres para uma micção e defecação adequadas.

Função sexual: Os músculos perineais tonificados melhoram a qualidade das relações sexuais.

Função reprodutiva: o períneo é o último obstáculo que deve salvar a cabeça do bebê, ajuda a cabeça a girar e produz uma contração reflexa no útero (reflexo expulsivo) que dá à gestante o desejo de empurrar e expulsar o feto.

Função de suporte: o órgão suporta a bexiga, o útero, a vagina e o reto.

Manter o órgão saudável e em forma, ajuda a manter as quatro funções vitais em funcionamento, evitando casos de incontinência urinária, fecal, prolapsos e algumas disfunções sexuais.

Como localizar o períneo?

Imagine um balão localizado em seu abdômen. O bocal deste balão olha para os seus pés e senta-se no seu períneo (como se fosse um dos esfíncteres). Os lados do balão são suas paredes abdominais em 360º (seus lados, suas costas, seu abdômen) e, por fim, a parte superior e cúpula do balão é o músculo diafragma.

Publicidade

Este balão aumenta e diminui a sua pressão em diferentes atividades da vida cotidiana: quando você tosse, levanta pesos, chora, corre, canta, faz sexo, pula, urina, faz cocô, etc. Portanto, qualquer uma dessas ações tem um impacto no assoalho pélvico. É importante que a mulher se torne consciente do seu períneo, que aprenda a senti-lo e o integre no seu corpo.

Relação com a gravidez

Segundo a Federação de Associações de Parteiras de Espanha (FAME), massagear o períneo durante a gravidez pode ajudar a reduzir a dor perineal provocada durante o parto e proteger as mães pela primeira vez contra o trauma perineal (possíveis lesões que podem ocorrer nos genitais durante o parto) especialmente no caso de episiotomia, isto é, quando é realizada uma incisão nos tecidos do períneo durante o parto.

O que é a massagem perineal?

A massagem do períneo é uma medida física preventiva realizada durante a gravidez que envolve a estimulação tátil da pele e tecidos do órgão. Para ser eficaz, a gestante deve começar a realizá-la a partir da 32ª semana de gravidez, ou seja, aproximadamente a 7 meses e meio da gestação, e pelo menos duas vezes por semana (embora possa realizá-la diariamente).

A publicação referida acima indica que, as evidências científicas mostraram que a mulher ao realizar a massagem de forma consistente a partir da 32ª semana, melhorará a elasticidade do períneo e reduzirá a necessidade de realizar a episiotomia.

Publicidade

A massagem não está indicada nos casos de cesárea programada, pois nessas situações o períneo não sofre distensão muscular e, embora possa ser realizada pela mulher, com o avançar da gestação pode tornar-se difícil acessar a área, devendo nesta fase ser realizada pelo parceiro.

Os passos para executar a massagem de forma correta são os seguintes:

1. A gestante ou a pessoa que vai realizar a massagem deve colocar os dedos lubrificados a uma profundidade de 3 a 4 cm dentro da vagina. Se for realizada pela mulher, ela deve usar os polegares; se for outra pessoa, devem ser usados os dedos indicador e médio. Na massagem, o períneo deve ser empurrado para baixo, para a zona do reto e para os lados da vagina, realizando alongamentos até que a mulher tenha uma sensação de ardor.

2. No próximo passo deve ser exercida pressão na zona do períneo durante dois minutos ou até que cause desconforto na mulher.

3. Por último, deve ser realizado um movimento oscilante durante 3 a 4 minutos para alongar os músculos, os tecidos da vagina e a pele do períneo.

Durante a massagem é necessário prestar atenção para evitar pressionar a uretra e prevenir a ocorrência de infecções urinárias. Caso a mulher sinta dor, deve parar de realizar a massagem. Além disso, a massagem não está recomendada quando existe a presença de infecções vaginais, urinárias e varizes vulvares.

Publicidade

Vantagens: A técnica permite que o casal se envolva mais na gravidez. Aumenta a elasticidade e melhora a circulação sanguínea na área, e facilita o relaxamento da região durante o trabalho de parto. Além disso, ela permite reduzir a incidência de dores após o parto e a realização de episiotomias. É um método simples e não tem efeitos nocivos na saúde da mulher.

Antes de realizar a massagem, a pessoa que irá realizá-la deve seguir as seguintes recomendações:

Manter a boa higiene das mãos é um aspecto muito importante, sendo necessário lavar, cortar e limpar as unhas. A gestante deve urinar antes de começar. O ideal é procurar um local em casa com um espelho para ver bem o períneo e ficar bem familiarizada com a sua anatomia.

A gestante deve permanecer numa posição semi-sentada. Para preparar e relaxar a região, uma boa dica é tomar um banho quente ou usar um pano quente antes de começar. Por fim, é aconselhável a gestante lubrificar bem os dedos com óleos ou cremes específicos antes de introduzi-los na vagina.

Perineoplastia

A perineoplastia é a solução cirúrgica para restaurar o corte ou incisão realizada durante o parto (episiotomia). O procedimento consiste em costurar o revestimento dérmico e ocasionalmente também os músculos do assoalho pélvico. A intervenção dura entre 20 a 60 minutos e é realizada sob anestesia local. Demora cerca de 6 semanas a cicatrizar.

Geralmente está indicada em mulheres que sentem a vagina larga, quando existe a redução da sensibilidade durante o contato íntimo, ou em casos de incontinência urinária. Para entender como é realizado o procedimento consulte o artigo: O que é a Perineoplastia? preço, fotos, pós operatório e indicações.

Publicidade