-->Rim - A Central de Purificação

Rim

Publicado em 10/05/2010. Revisado por Reinaldo Rodrigues (Enfermeiro - Coren nº 491692) a 12 dezembro 2018

Pelos rins passam diariamente, mais de 1000 litros de sangue. Estes pequenos orgãos são essenciais para a regulação dos liquidos e do equilibrio acido base do organismo. Porem, os rins são susceptiveis de uma grande variedade de doenças e disturbios. O aparelho urinario é formado pelos rins, ureteres, bexiga e uretra.

Os rins têm a forma de feijão e situam-se na parte posterior da cavidade abdominal, exactamente abaixo da cintura, de cada lado da coluna vertebral. O direito localiza-se abaixo do figado, enquanto que o esquerdo encontra-se numa posição ligeiramente, abaixo do pancreas. As arterias que alimentam os rins provêm directamente da aorta. As arterias renais dividem-se, já no interior do orgão, em ramificações cada vez mais pequenas, terminando em glomérulos, capilares especificos que formam as unidades de filtração.

Cada rim contém cerca de 1 milhão de glomérulos que transportam o sangue filtrado atraves de tubos compridos para dentro da medula (região central de recolha do rim). Os glomérulos e os tubos compõem os nefrónios, unidades de funcionamento do rim. Á medida que as pessoas envelhecem, o numero de nefrónios vai-se reduzindo; este processo pode ser acelerado por doença.

FUNÇÕES NECESSARIAS Á VIDA
Os rins desempenham 3 funções necessarias á vida. Em primeiro lugar, são os responsaveis pela eliminação da maioria das toxinas que resultam do metabolismo do corpo humano. A segunda função é manter constante a composição da liquido que rodeia as nossas células, para conseguir o equilibrio necessario entre o interior e o exterior das mesmas e garantir o seu correcto funcionamento. A sua terceira missão é produzir hormonas, incluindo eritropoetina, que regula a produção e a libertação de globulos vermelhos pela medula ossea; vitamina D, necessaria para a absorção do calcio no tubo digestivo e a mineralização do esqueleto; e renina, enzima que ajuda a regular a tensão arterial.

Todas as funções desempenhadas pelos rins são imprescindiveis para a vida, pelo que estes são orgãos com os quais devemos ter um cuidado especial. O aparelho urinario, do qual os rins são o motor, pode sofrer uma serie de afecções de diferente importancia, cujo principal traço são uns sintomas que se confundem muito facilmente. É extremamente importante que, quando os rins sofrem qualquer anomalia – insuficiência, infecções etc. -, recebam tratamento imediato, para que o problema não se agrave irremediavelmente.

CISTITE
A cistite é uma inflamação da bexiga, consequência de uma infecção bacteriana… Ler mais > cistite

CÓLICA RENAL
Quem já sofreu uma cólica renal está bem consciente da dor intensa que provoca. O mais animador é que se trata de uma patologia que com o tratamento adequado e uma boa dose de paciência, se ultrapassa facilmente… Ler mais > colica renal

PIELONEFRITE
Costuma ser mais habitual nas mulheres do que nos homens e a sua origem pode ser uma infecção que ascende pelas vias urinárias até ao rim… Ler mais > pielonefrite

POLIOUISTOSE
A poliquistose é uma doença renal conhecida também como rim poliquístico ou Rim Policístico… Ler mais > rim policistico

INSUFICIÊNCIA RENAL CRÓNICA
Esta produz-se quando os dois rins deixam de funcionar… Ler mais > insuficiencia renal cronica

CANCRO DO RIM – Ler mais > cancro do rim

CANCRO DA BEXIGA
Quando surgem na urina traços de sangue, é imprescindível consultar um especialista… Ler mais > cancro da bexiga

Substitutos do rim…
Quando os rins não funcionam, há que continuar a manter o sangue limpo, porque isto é vital para a nossa sobrevivencia. Há que optar, portanto por um tratamento que substitua a função dos rins.

A insuficiencia renal cronica terminal é uma doença grave e irreversivel, que afecta um numero significativo de portugueses: 800 por cada milhão de habitantes. Pode surgir em qualquer altura da vida e resulta, essencialmente, da incapacidade dos rins em filtrarem o sangue. Nestes casos, apenas a diálise ou o transplante podem substituir essa função tão importante. E será o nefrologista o especialista encarregue de avaliar que tratamento será o mais adequado ao paciente e qual o momento de começar.

HEMODIÁLISE
A hemodiálise actual tem a capacidade de filtração progressivamente mais próxima do rim humano… Ler mais > hemodialise

DIÁLISE PERITONEAL
O objectivo da diálise peritoneal é exactamente o mesmo que o da hemodiálise: filtrar o sangue… Ler mais > dialise peritoneal

TRANSPLANTE RENAL
A maioria de transplantes de órgãos consiste na substituição de um órgão doente por um saudável… Ler mais > transplante renal

Saiba mais sobre:
A informação foi útil? Sim / Não

O texto contém informações incorretas? Está faltando a informação que você está procurando? Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva-nos para que possamos verificar e melhorar o conteúdo. Não lhe iremos responder diretamente. Se pretende uma resposta use a nossa página de Contato.


Nota: O Educar Saúde não é um prestador de cuidados de saúde. Não podemos responder a perguntas de saúde ou aconselhá-lo nesse sentido.
Autores
Reinaldo Rodrigues (Enfermeiro - Coren nº 491692)

Enfermeiro - Coren nº 491692

O Reinaldo Rodrigues formou-se em agosto de 2016, pela Universidade Padre Anchieta, em Jundiai. Fez curso de especialização em APH (Atendimento Pré-Hospitalar), pela escola 22Brasil Treinamentos, em Barueri, curso de 200 horas práticas, com foco em acidentes de trânsito.

Trabalha como Cuidador de Idosos há 5 anos, e possui experiência em aspiração de vias aéreas, banho de aspersão, curativos, tratamento e prevenção de Lesão por Pressão, gerenciamento de Equipe de cuidadores com elaboração de escalas. Treinamento e acompanhamento de cuidadores nas casas dos pacientes.

Também pode encontrar o Reinaldo no Linkedin.