Shantala – Massagem para Bebê Passo a Passo

Revisado por Equipe Editorial a 24 outubro 2018

As massagens de corpo são uma forma conhecida e reconhecida de relaxamento do bebê. Existem vários tipos de massagem, desde as mais simples, para ajudar o bebê a ultrapassar as cólicas ou a fazer cocô, até outras, mais elaboradas.

De seguida poderá conhecer melhor a técnica indiana de massagens para bebês, denominada Shantala.

Shantala

Shantala é uma técnica de massagem indiana, adequada para ser aplicada aos bebês logo após o primeiro mês de vida.

Esta técnica é aplicada pelos pais, sendo composta por massagens e exercícios de alongamento. O método da Shantala foi pela primeira vez descrito por um médico obstetra francês, chamado Frederick Leboyer, ao observar uma mãe indiana a massajar o seu bebê à porta de sua casa.

Vantagens e Benefícios da Massagem Shantala

Esta técnica de massagem shantala tem várias vantagens e benefícios para o bem-estar do bebê. Assim, está comprovado que este método deixa o bebê mais calmo e tranquilo, ajudando-o assim a estar menos ansioso e a dormir melhor.

Esta técnica pode também ser usada para aliviar o incómodo dos primeiros dentinhos e para reduzir as cólicas. Além disso, as sessões de Shantala ajudam a aumentar o vínculo entre pai, mãe e bebê.

Como se realiza a massagem Shantala – Passo a Passo

A Shantala é um método que consiste em massagens simples e alongamentos, em sessões que duram aproximadamente entre 15 a 20 minutos.

Durante estas sessões, pai e mãe realizam os exercícios no bebê, ajudando a que este usufrua dos benefícios descritos em cima. Se pretende aprender usar a técnica Shantala, pode matricular-se num curso próprio para pais, antes ou após o nascimento do bebê.

Neste curso poderá aprender a técnica, para depois colocar em prática em casa, no seu bebê.