Sinais do Envelhecimento da Pele

O tempo não pára e as transformações são constantes, tal como acontece com a nossa pele. Neste órgão visível, nós conseguimos ver as marcas de envelhecimento ao longo do tempo.

Nada em nós se mantém igual e a pele também perde a elasticidade e o brilho e, no seu lugar, ficam as rugas e a flacidez. Nós culpamos a passagem dos anos por estas situações, mas não é a única coisa que causa essas mudanças. O stress diário, os maus hábitos alimentares e a exposição ao sol sem proteção levam também a um rápido envelhecimento da pele.

No dia-a-dia, as pessoas não se preocupam com a pele. Mas, depois quando começam a ver as marcas da falta de cuidado já é tarde, o tempo não volta atrás. O processo de envelhecimento da pele não se pode parar, mas podemos retardar esses mesmos sinais de envelhecimento.

Constituição e o envelhecimento da pele

A pele é constituída por três camadas: a epiderme (camada externa), a derme (camada que sustenta a epiderme ) e a hipoderme ( camada mais interna).

Com o tempo, a camada mais externa começa um processo de descamação e, as células tornam-se mais fracas e a regenerar-se em menor quantidade.

A derme deixa de reter a água e deixa de produzir fibras para manter a pele com elasticidade. A hipoderme tem a tendência a diminuir o seu tamanho, ficando mais vulnerável. Isso faz com que a firmeza da pele reduza.

Sinais do envelhecimento da pele surgem na adolescência

É verdade que os primeiros sinais do envelhecimento da pele surgem na adolescência. Os primeiros sinais aparecem na puberdade de um jovem, quando a acne aparece. Nessa altura deve-se cuidar bem a pele para que não dê lugar a possíveis rugas e a um envelhecimento precoce.

Após essa fase, as marcas de expressão começam a dar ar da sua graça, principalmente em redor dos olhos, da testa e da boca. Este processo de envelhecimento da pele não termina aqui, uma vez que começam a aparecer as primeiras rugas.

Portanto, é fundamental ocorrer uma hidratação da pele todos os dias, seja através de pomadas ou outros métodos convencionais.

Sinais do envelhecimento da pele com a exposição ao sol

O sol começa a surgir e as pessoas correm para a rua. Expõem-se aos raios solares sem qualquer proteção e não pensam nas consequências. Esta exposição ao sol incorretamente pode levar ao envelhecimento da pele.

Quando o sol incide na pele faz com que as células comecem a morrer mais cedo e leva à cura das manchas mais escuras. As células começam também a reproduzir-se, mas de uma forma errada.

Os principais sinais do envelhecimento da pele com a exposição ao sol é a perda de elasticidade, de hidratação, as manchas são mais frequentes e a descamação.

Se não quer que a sua pele envelheça mais depressa deve colocar sempre um protetor antes da exposição ao sol e, após a exposição, hidrate bem com uma boa locução. Só assim, conseguirá manter o seu bronze e manter a sua pele brilhante.