Sinais de Alerta de Doença Cardíaca

Aprenda a estar atento a sinais de alerta como náuseas, tonturas, palpitações e dispneia (sensação de falta de ar). Até uma dor no ombro e no braço, aparentemente não relacionadas, podem ser sinal de uma possível doença cardíaca. (1)

Sintomas De Alerta De Doença Cardíaca

O que é a doença cardíaca?

Quando o coração começa a falhar, significa que deixou de trabalhar no seu máximo e é incapaz de bombear o sangue com a mesma eficácia. Isso pode dever-se a lesões nos músculos do cardíacos, hipertensão arterial crônica, defeito nas válvulas cardíacas, problemas genéticos (doenças cardíacas congênitas), doenças das válvulas cardíacas ou complicações da febre reumática.

Também pode ser causada pela doença arterial coronária que entope as artérias coronárias com colesterol ou placas (ateromas), bloqueando total ou parcialmente o fluxo sanguíneo. (2)

A doença arterial coronária é o tipo mais comum de doença cardíaca. Ela ocorre quando os músculos cardíacos não recebem o oxigênio e o sangue necessários, desencadeando sintomas como dor torácica, arritmia, batimentos cardíacos irregulares e até ataque cardíaco. (3)

Estar atento a alguns sintomas pode ajudar a prevenir situações menos boas. Os principais indicadores de doença cardíaca incluem:

  • Sentir o coração falhar um ou mais batimentos
  • Dor na mandíbula/pescoço/costas
  • Dor no peito
  • Fadiga
  • Dispneia (sensação de falta de ar)

Dor: sinal de alerta de doença cardiovascular

Um dos sintomas mais comuns de doença cardíaca é a angina de peito ou dor torácica. A dor e o desconforto são resultado do fornecimento insuficiente de sangue rico em oxigênio ao músculo cardíaco. (4)

Diferenças dos sintomas entre homens e mulheres

Localização da dor: as mulheres geralmente queixam-se de dor no pescoço, mandíbula, abdômen, garganta ou nas costas, ao contrário dos homens que apresentam dor torácica na maioria dos casos.

Gatilhos da dor: nas mulheres, a dor pode ocorrer durante o descanso (até durante o sono) e não apenas durante a atividade física. O estresse mental é um gatilho mais comum nas mulheres. Nos homens, a atividade física agrava a dor, que normalmente desaparece após repouso.

Como é a dor: dor torácica aguda, semelhante a ardimento, é típica nas mulheres. Os homens costumam sentir uma sensação de aperto ou pressão no peito. Quanto mais placa se acumula nas artérias, maior é a dor.

Sinais aos quais se deve prestar atenção

Além da dor, existem outros sintomas de alarme sobre os quais deve estar atento.

Sinais de arritmia cardíaca

A palpitação no peito por exemplo, ela pode ocorrer devido a um batimento cardíaco irregular ou arritmia. Para entender as principais causas de arritmia consulte o artigo 10 Causas de Arritmia Cardíaca que deve conhecer. Ignorar este sinal pode levar ao desenvolvimento de sintomas mais perigosos. Saiba mais sobre cada um deles.

Enquanto o primeiro sintoma é a palpitação característica, os sintomas seguintes são mais sérios: (5)

  • Sentir o coração falhar um batimento ou uma palpitação no peito
  • Batimento cardíaco rápido, palpitando no peito
  • Tonturas
  • Fadiga
  • Sentir-se fraco, tonto ou mesmo a desmaiar
  • Dispneia (sensação de falta de ar)
  • Dor torácica
  • Paragem cardíaca

Sinais de ataque cardíaco

Abaixo indicamos alguns sinais que poderá usar para identificar um ataque cardíaco antes de ele ocorrer ou no seu início. (6)

Dor na mandíbula/pescoço/costas: qualquer dor na mandíbula, costas ou pescoço (ou desconforto nestas áreas) pode ser sinal de ataque cardíaco iminente.

Dor no peito/angina: o desconforto ou a dor no peito sinalizam o início de um ataque cardíaco.

Dor nos ombros/braços: a dor nos braços ou nos ombros poderá ser resultado de um problema cardíaco. Os homens têm maior probabilidade de sentir dor no braço esquerdo durante um ataque cardíaco que as mulheres.

Vertigem/tontura: se sentir tontura, juntamente com outros sintomas (ou se estiver em risco de desenvolver problemas cardíacos), poderá ser consequência de um ataque cardíaco. As mulheres tendem a experienciar este sintoma mais vezes que os homens.

Dispneia: a dificuldade em respirar poderá ser indicador que o coração estar a lutar para fornecer oxigênio e sangue aos órgãos.

Náuseas: as mulheres poderão sentir náuseas ou necessidade de vomitar, quando a estão a iniciar um ataque cardíaco.

Cansaço/fadiga: o cansaço inexplicável, especialmente acompanhado de outros sinais, poderá ser devido a um ataque cardíaco.

Tremulação no peito: também conhecidas por palpitações, esta tremulação no peito pode ser causada pelo mesmo problema cardíaco. Apesar de existirem outras causas inofensivas para esta sensação tais como a ansiedade ou a desidratação, é importante estar atento.

Sinais precoces da insuficiência cardíaca: “FACES”

A insuficiência cardíaca é uma doença progressiva. Dada a gravidade do problema, quanto mais cedo for identificada, melhor. (7) Abaixo listamos alguns sinais de alarme precoces que indicam que o coração pode não estar bem de saúde:

F – Fadiga: cansaço devido à insuficiência de sangue rico em oxigênio bombeado pelo coração.

A – Atividade limitada: a dificuldade em respirar/fadiga tornam difícil a realização de atividades normais.

C – Congestionamento: o fluído acumula-se nos pulmões, causando dificuldade em respirar/síbilos/tosse.

E – Edema: os tornozelos, as pernas, as coxas e o abdômen, incham, quando o coração não consegue bombear o sangue com força suficiente para ele regressar aos membros inferiores – originando a acumulação de fluidos. O ganho de peso pode ocorrer devido a esse excesso de fluídos.

• S – Falta de ar: dificuldade em respirar, especialmente na posição deitada, devido à acumulação de fluídos nos pulmões.

Alguns indivíduos também podem apresentar perda de memória devido à mudança nos níveis de sódio presentes no sangue. As náuseas e a perda de apetite são outros possíveis sintomas. (8)

Quem está em risco?

Apesar de muitas vezes serem considerados um problema masculino, trata-se de um mito. As mulheres também estão em risco. Na verdade, tomando como exemplo os EUA, a principal causa de morte das mulheres é, na verdade, a doença cardíaca e não o câncer. Infelizmente, é uma doença silenciosa ou desprovida de sintomas, em muitos casos.