16 Sintomas de Hemoglobina Alta a Ficar Atento

Revisado por Reinaldo Rodrigues (Enfermeiro - Coren nº 491692) a 14 dezembro 2018

Você já ouviu, após um exame de sangue, que seus níveis de hemoglobina estão muito altos e gostaria de saber o que isso significa?

Enquanto a anemia ou uma queda acentuada dos níveis de hemoglobina aumenta a pressão, níveis elevados geralmente passam despercebidos.

Mas, como esta condição médica pode ser igualmente prejudicial, você deve saber identificá-la.

Compreendendo a hemoglobina e sua função

A hemoglobina é uma proteína que aparece em solução com as células vermelhas do sangue.

Se um glóbulo vermelho fosse um balão de água de borracha, a hemoglobina seria a água, enquanto a borracha seria a membrana celular.

Essa proteína é rica em ferro e responsável por dar a cor vermelha ao sangue.

Além disso, a hemoglobina executa uma função realmente importante: transportar o oxigênio dos pulmões para outras partes do corpo. (1)

Se o seu nível de hemoglobina estiver baixo, o sangue se torna incapaz de transportar oxigênio suficiente para outras partes do corpo — causando uma condição médica conhecida como anemia.

Porém, a hemoglobina alta também podem ser um problema. Uma alta concentração de glóbulos vermelhos pode tornar o sangue mais espesso, diminuindo o fluxo sanguíneo.

Diante disso, qual é o nível de hemoglobina ideal? Os níveis “normais” de hemoglobina podem variar de uma pessoa para outra.

Mas, geralmente, um homem adulto deve ter níveis de hemoglobina de 13,8 para 17,2 g/dL, enquanto uma mulher adulta saudável deve apresentar um índice de 12,1 a 15,1 g/dL e as mulheres grávidas: 11 g/dL.

Para os recém-nascidos, os níveis normais são de 14 a 24 g/dL.

Já para os bebês com alguns meses de vida uma taxa de 9,5 a 13 g/dL é considerada normal. (2)

Causas da hemoglobina alta

Os níveis de hemoglobina sobem principalmente quando os níveis de oxigênio no sangue ficam muito baixos — causando uma condição médica conhecida como hipóxia — e o corpo tenta compensar essa queda.

Algumas condições médicas, como a doença cardíaca congênita, doença pulmonar obstrutiva crônica e outras doenças relacionadas ao pulmão que afetam os níveis de oxigênio, podem elevar os índices de hemoglobina.

Por isso, viver em altas altitudes, caracterizadas pelos baixos níveis de oxigênio, pode causar desidratação e a policitemia vera, uma doença que atinge a medula óssea.

Testando os níveis de hemoglobina

Testando Os Níveis De Hemoglobina

O nível de hemoglobina no sangue é medido pelo teste de hemoglobina, que é normalmente realizado durante um exame de sangue completo.

Cabe uma observação aqui: não confunda o teste de hemoglobina com o exame de hemoglobina glicada (A1C, ou hemoglobina glicosilada), que avalia o nível de açúcar no sangue. (3)

A maioria das pessoas descobre que está com níveis elevados de hemoglobina por meio do exame mencionado acima.

Mas, há alguns sinais que podem evidenciar uma concentração excessiva. Preste atenção aos sintomas listados abaixo.

Sintomas de hemoglobina alta

Quando há uma maior concentração de células vermelhas e, consequentemente, de hemoglobina no sangue, isso significa que você tem uma condição médica chamada de policitemia.

Uma policitemia branda não causa nenhum sintoma. No entanto, como mencionado anteriormente os altos níveis de glóbulos vermelhos podem engrossar o sangue, comprometendo a fluidez dele.

Essa diminuição do fluxo sanguíneo costuma ser a maior responsável pelos sintomas manifestados pela condição em questão.

Os sintomas podem incluir (4) (5) (6):

Vermelhidão da pele

A pele pode ficar vermelha e corada, principalmente nas mãos, pés e rosto.

Fadiga e tonturas

Fadiga

Você pode se sentir cansado ou fraco devido à elevação da concentração de hemoglobina e de células vermelhas no sangue. Vertigem ou tontura também são comuns.

Dores de cabeça

Dores De Cabeça

Você pode sentir dores de cabeça quando seus níveis de hemoglobina estiverem elevados.

Problemas de visão

Alguns problemas de visão, como visão dupla, vista embaçada ou com pontos cegos, são outros sinais a serem observados.

Desconforto abdominal

Desconforto Abdominal

Uma sensação de desconforto no abdômen é outro sintoma associado à policitemia. Se você experimentar uma sensação de pressão ou inchaço no lado esquerdo do abdômen, isso pode indicar uma expansão do baço, o que pode ser uma complicação.

Problemas cognitivos

Podem ocorrer problemas cognitivos, como dificuldade de concentração, ou confusão.

Problemas relacionados a sangramentos

A policitemia pode fazer com que você apresente alguns problemas, como sangramentos nasais ou gengivais, sangramento excessivo em pequenos cortes, ou hematomas moderados.

Sintomas de condições médicas associadas a níveis elevados de hemoglobina

Muitas condições médicas ocultas podem levar ao aumento dos níveis de hemoglobina.

Confira os sintomas adicionais causados por essas condições para que você tenha uma melhor compreensão sobre o problema a ser enfrentado.

Vale destacar, porém, a importância de se consultar com seu médico para obter um diagnóstico.

Policitemia vera

A policitemia vera é um distúrbio da medula óssea que provoca uma produção excessiva de células vermelhas do sangue.

As contagens de células brancas e de plaquetas do sangue também pode ficar altas devido à referida condição.

As complicações associadas à policitemia vera incluem úlceras estomacais, distensão do baço, gota, leucemia e doença cardíaca.

Sintomas: não há sintomas durante as fases iniciais. Porém, conforme a doença progride algumas pessoas podem sentir dores de cabeça, zumbido no ouvido, tonturas, falta de ar, pele avermelhada, problemas de visão ou coceira na pele. (7)

Desidratação

Desidratação

Se o corpo não têm líquidos suficientes para funcionar corretamente, isso é sinal de que você está desidratado.

Essa insuficiência de água causa uma redução do plasma (a parte fluida do sangue), resultando uma maior concentração de células vermelhas no sangue e, portanto, mais hemoglobina.

Sintomas: alguns sinais de desidratação incluem sede, urina escura e com cheiro muito forte, cansaço, boca seca e sensação de atordoamento. (8)

Insuficiência cardíaca

Uma condição médica conhecida como cor pulmonale, caracterizada por uma falha no lado direito do coração, acarreta a elevação do nível de glóbulos vermelhos.

Sintomas: um dos primeiros sinais dessa condição é uma sensação de atordoamento ou falta de ar durante a prática de alguma atividade.

O batimento cardíaco também pode ficar acelerado.

Ao longo do tempo, outros sintomas, como desmaios, dor ou desconforto no peito, inchaço dos tornozelos ou pés, lábios ou dedos azulados e chiado durante a respiração também podem ser sentidos. (9)

Doença pulmonar

Os pulmões são responsáveis por ingerir o oxigênio do ar e distribui-lo para a corrente sanguínea.

Os distúrbios que afetam o funcionamento dos pulmões, como a doença pulmonar obstrutiva crônica, espessamento ou cicatrizes dos pulmões — uma condição médica conhecida como fibrose pulmonar — podem aumentar os níveis de hemoglobina.

Sintomas: os sinais de uma doença pulmonar podem variar dependendo da tipo de patologia.

No entanto, a falta de energia é um sinal bem comum no início.

Outros sinais incluem falta de ar e dificuldade para respirar, tosse persistente, tosse com catarro ou sangue, desconforto ou dor durante a respiração e uma redução da capacidade de se exercitar. (10)

Problemas renais

Algumas condições médicas, como a estenose da artéria renal (condição caracterizada pelo estreitamento dos vasos sanguíneos que fornecem sangue aos rins) e o câncer renal, podem aumentar a concentração de eritropoietina.

Este hormônio, produzido pelos rins, estimula a produção das células vermelhas do sangue. Portanto, ao manifestar alguma dessas condições seu corpo pode ficar com excesso de células vermelhas no sangue. (11) (12)

Sintomas: geralmente, a estenose da artéria renal é assintomática até o momento em que o problema se torna grave o suficiente para afetar significativamente o funcionamento dos rins.

Neste ponto, você pode manifestar certos sintomas, como aumento ou diminuição da micção; inchaço nos pés, pernas ou tornozelos; cansaço; coceira ou pele seca; escurecimento da pele; e perda de apetite.

Em muitos casos, o câncer renal não produz nenhum sintoma.

Quando os sintomas ocorrem, você pode observar sangue na urina, dor nas laterais ou parte inferior das costas, ou um inchaço lateral. (13)

Cardiopatia congênita

A cardiopatia congênita é uma falha na estrutura e função do coração que está presente desde o nascimento do indivíduo.

Sintomas: geralmente, os problemas cardíacos congênitos podem ser identificados com um ultrassom durante a gravidez.

Os sintomas de falhas cardíacas congênitas em adultos podem incluir batimentos cardíacos desregulados, falta de ar (principalmente durante prática de exercício físico), cansaço, sopro no coração, inchaço nas extremidades e uma coloração azulada nas unhas, lábios ou na pele. (14) (15)

Exposição a níveis elevados de monóxido de carbono

A exposição a altos níveis de monóxido de carbono pode causar falta de oxigênio e, portanto, aumentar os níveis de hemoglobina.

Você pode ficar exposto a esse gás tóxico durante a inalação dos gases gerados pela queima de combustível em carros, fogões, churrasqueiras ou caldeiras. (16)

Sintomas: os sinais comuns que indicam a intoxicação por monóxido de carbono incluem dores de cabeça, fraqueza, tonturas, dor de estômago, dor no peito, vômitos e confusão mental. (17)

Coágulos sanguíneos

Coágulo Sanguíneo No Pé

Um fluxo de sangue com baixa circulação de hemácias também pode levar à formação de coágulos nos vasos sanguíneos.

Sintomas: a presença de um coágulo nas veias do corpo, normalmente nas pernas, significa que você tem uma condição médica conhecida como trombose venosa profunda.

Os sinais incluem inchaço, calor, vermelhidão e doloridas câimbras na área afetada.

Falta de ar, desmaios, dor no peito e tosse com sangue podem ser indicativos da formação de um coágulo em um vaso sanguíneo que leve sangue do coração para os pulmões — uma condição conhecida como embolia pulmonar. (18)

Um coágulo no sangue pode ser perigoso, deixando você vulnerável a certas doenças, como ataques cardíacos e acidentes vasculares cerebrais.

Caso você apresente sintomas vinculados à existência de algum coágulo sanguíneo ou perceba sinais indicativos de um derrame ou ataque cardíaco, procure por atendimento médico imediatamente.

Continuação » As 12 Principais Causas de Hemoglobina Alta