-->Suco de beringela para o colesterol - Educar Saúde

Suco de beringela para o colesterol

Publicado em 17/12/2012. Revisado por Drª Raquel Pires (Nutricionista - CRN-6 nº 23653) a 19 novembro 2018

Suco de beringela para o colesterol: O colesterol é um álcool existente no nosso sangue, muitas vezes considerado como esteroide, e que tem a função de reproduzir células saudáveis e certas hormonas essenciais ao nosso organismo e que não produziríamos de outra forma.

Colesterol LDL e HDL

No entanto, quando presente em excesso, o colesterol pode criar placas acumulando-se nas paredes dos vasos sanguíneos e criando sérios riscos ao normal fluxo sanguíneo, diminuindo-o.

Existindo três tipos de colesterol, nomeadamente o de baixa densidade (LDL), o de muito baixa densidade (VLDL) e o de alta densidade (HDL), onde apenas o de alta densidade (HDL) é considerado benéfico.

O facto de ter o colesterol alto provém, muitas vezes, de fatores genéticos e que, por isso, não podem ser controlados por nós, no entanto existem fatores com muito mais preponderância, tais como a obesidade, o fumo do tabaco, hipertensão arterial, diabetes, alimentação incorreta e uma vida sedentária ou inativa.

Alguns, além de contrariar as tendências referidas acima, aconselham também a integração e ingestão de certos alimentos na sua dieta. Esses alimentos contrariam o mau colesterol e reduzem-no significativamente.

Um desses alimentos é a beringela, da qual falaremos no artigo de hoje.

Com uma enorme quantidade de antioxidantes, este é um dos alimentos que deve incluir das mais diversas formas possíveis, desde cozida ou assada até ingrediente de saladas e sumos.

Se optar pela forma de sumo, prepare metade de uma beringela cortando-a em fatias sem retirar a casca e coloque-a no liquidificador juntamente com o sumo de três laranjas. Deixe bater tudo bem e no final, após coar, coloque açúcar ou mel. Deve beber o sumo mal se encontre preparado para que mantenha todas as suas propriedades.

Apesar de esta ser uma doença silenciosa, pode desconfiar-se dela quando a rotina diária de um indivíduo encaixa nos fatores de risco descritos acima neste mesmo artigo.

Saiba mais sobre:
A informação foi útil? Sim / Não

O texto contém informações incorretas? Está faltando a informação que você está procurando? Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva-nos para que possamos verificar e melhorar o conteúdo. Não lhe iremos responder diretamente. Se pretende uma resposta use a nossa página de Contato.


Nota: O Educar Saúde não é um prestador de cuidados de saúde. Não podemos responder a perguntas de saúde ou aconselhá-lo nesse sentido.
Autores
Drª Raquel Pires (Nutricionista - CRN-6 nº 23653)

Nutricionista Clínica - CRN-6 nº 23653

A Drª Raquel Pires é Nutricionista, Health Coach e Personal Diet, com grande experiência em atendimento em consultório e Idealizadora do Projeto ESD (Emagrecimento sem Dor).

Formação Acadêmica

- Graduada pela Universidade Santa Úrsula. - Pós Graduada em Nutrição Clínica. - Pós Graduada em Prescrição de Fitoterápicos e suplementação Nutricional Clínica e Esportiva. - Pós Graduada em Nutrição Aplicada ao Emagrecimento e Estética.

Também pode encontrar a Drª Raquel no Linkedin, Facebook e Youtube

Marcação de consultas 88-99685-0858