-->Tendinite no Punho - Educar Saúde

Tendinite no Punho

Publicado em 26/01/2015. Revisado por Dr. Davi Marinho de Araújo (Ortopedista - CREMEC 13177 / TEOT-SBOT 12704) a 18 dezembro 2018

Quando a tendinite afeta o punho, ou pulso, ela inflama os tendões que cruzam a massa muscular situada no antebraço.

Isso faz com que o indivíduo sinta dores profundas e localizadas na pequena parte que compreende o pulso.

Teste de Finkelstein para tendinite de punho

A intensidade dessas dores se agrava conforme o punho seja torcido ou execute movimentos giratórios.

Embora a tendinite no punho, também conhecida como tendinite de Quervain, não se configure como um problema emergencial, caso não seja tratada ela pode provocar fortes oscilações de humor devido às constantes dores e atrapalhar a realização de diversas atividades.

O tratamento correto também contribui para que a possibilidade de uma intervenção cirúrgica seja descartada.

Sintomas da tendinite no punho

Esse tipo de tendinite causa uma dor limitada à área do punho e que piora significativamente quando as mãos efetuam quaisquer tipos de movimentos que acionem os tendões, sendo que os deslocamentos circulares são os que mais recrudescem o nível da dor.

Outro indício claro de que o problema existe é a dificuldade em segurar objetos devido a uma fraqueza sentida nas mãos.

Ocasionalmente, este pode ser o primeiro sinal da tendinite no punho.

Diagnóstico da tendinite no punho

A identificação da tendinite no punho é concretizada depois de análise clínica, que é somada aos relatos citados pelo próprio paciente.

Ao ouvir o que o paciente tem a dizer, o médico consegue se certificar de que realmente se trata de uma tendinite.

Além disso, ele realiza testes específicos dentro do consultório visando perceber se as dores reclamadas pelo paciente realmente estão situadas dentro do perímetro compreendido pelo punho.

Eventualmente, o fisioterapeuta também pode solicitar exames que ofereçam imagens, muito úteis para determinar o nível de severidade da doença e um possível processo de calcificação dos tendões.

Causas que provocam tendinite no pulso

Qualquer tipo de tendinite decorre da execução de movimentos repetitivos em demasia, com a tendinite no pulso não é diferente.

O detalhe é que, neste caso, os movimentos excessivos que podem culminar no desenvolvimento do problema estão relacionados aos braços e, principalmente, às mãos.

As mãos são uma das partes mais usadas pelo corpo humano.

Logo, não chega a ser insólito, ou surpreendente, que muitas pessoas apresentem tendinite no punho e nos dedos.

Geralmente, o surgimento da tendinite no pulso está diretamente correlacionado a algumas profissões, já quase todos os músicos, escritores, e costureiras, por exemplo, costumam ter o problema, ou estão fadados a desenvolvê-lo em algum momento de suas vidas, podendo apresentar graus distintos de intensidade.

Entretanto, mesmo quem não realiza tarefas repetitivas cotidianamente pode ter tendinite no punho.

Isso porque ela pode ser consequência de algum ato imprudente associado a uma pressão desproporcional incidida sobre a região.

Suportar um objeto extremamente pesado apenas com uma das mãos é um bom exemplo, pois essa sobrecarga descomunal pode resultar em uma tendinite.

Tratamento indicado para tendinite no punho

A maneira correta de terapia deve surgir após avaliação médica.

No entanto, geralmente o tratamento da tendinite no punho consiste na administração de medicamentos com ação anti-inflamatória, e analgésica, normalmente acompanhada de sessões de fisioterapia.

Os remédios anti-inflamatórios são receitados tanto sob a forma de comprimido como de bálsamo, que deve ser aplicado sobre o punho.

Independentemente da vertente da medicação, é importante que o paciente siga corretamente as orientações repassadas pelo médico, essencialmente no que tange à posologia.

Também é comum que em alguns casos os pacientes realizem fisioterapia com a ajuda de alguns equipamentos, como os utilizados pela termoterapia e pela eletroterapia.

Além disso, o indivíduo deve ser estimulado a executar uma série de exercícios físicos, imprescindíveis para que os músculos afetados sejam enrijecidos, a fim de que o paciente readquira a mobilidade natural dos movimentos.

Tratamento caseiro e alternativo para tendinite no punho

Às vezes, algumas medidas simples e caseiras podem aliviar consideravelmente o estado e grau da tendinite no pulso.

Uma delas consiste em posicionar uma compressa com pedras de gelo, ou um pacote repleto de vegetais congelados, sobre a região afetada, deixando-o agir no local durante 20 minutos, em média.

Esse tratamento caseiro para tendinite no punho deve ser repetido mais uma vez no transcorrer do dia.

Contudo, é preciso cautela para que a pele não venha a sofrer “queimaduras” em decorrência da baixa temperatura.

Para evitar o incômodo, basta recobrir o pacote de vegetais, ou gelo, com um papel razoavelmente espesso.

Dessa forma, é possível amenizar as dores e as inflamações ocasionadas pela tendinite no punho.

Embora os efeitos proporcionados pelo método anterior sejam passageiros, eles servem como um prévio relaxamento do punho, facilitando a realização de alongamentos.

Um destes exercícios de fundamenta-se, por exemplo, em estirar um dos braços à frente, mantendo o dorso da mão virado para baixo.

Depois, basta puxar os dedos para trás, deixando os tendões bem distendidos.

O braço deve permanecer na mesma posição por, ao menos, 60 segundos.

Após um intervalo de descanso de 30 segundos, o paciente deve retomar o exercício.

Apesar de simples, se for executado da maneira correta, ou seja, respeitando-se o tempo mínimo de estiramento dos dedos, e com algumas repetições, o exercício descrito acima produz incríveis resultados.

Assim, os músculos se tornarão mais flexíveis e a região problemática passará a ser mais oxigenada, proporcionando uma satisfatória atenuação dos sintomas da tendinite no pulso.

Saiba mais sobre:
A informação foi útil? Sim / Não

O texto contém informações incorretas? Está faltando a informação que você está procurando? Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva-nos para que possamos verificar e melhorar o conteúdo. Não lhe iremos responder diretamente. Se pretende uma resposta use a nossa página de Contato.


Nota: O Educar Saúde não é um prestador de cuidados de saúde. Não podemos responder a perguntas de saúde ou aconselhá-lo nesse sentido.
Autores
Dr. Davi Marinho de Araújo (Ortopedista - CREMEC 13177 / TEOT-SBOT 12704)

Ortopedista e Traumatologista - CREMEC: 13177 TEOT(SBOT): 12704

O Dr. Davi Marinho de Araújo realizou a sua Graduação na Universidade Federal de Campina Grande, terminando o curso em 26 de abril de 2008. R. Aprigio Veloso, 882-Bodocongó Campina Grande PB (83) 2101 1000

Residência Médica

Ortopedia e Traumatologia : Serviço de Ortopedia e Traumatologia do Hospital Getúlio Vargas (2009,2010,2011) Av.Gen. San Martin-Cordeiro Recife-PE 50630-060.

Membro titular da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia (SBOT) - TEOT: 12704

Membro titular da Associação Brasileira Ortopédica de Osteometabolismo (ABOOM), e do Comitê de Doenças Osteometabólicas da SBOT.

Treinamento em cirurgia de Pé e Tornozelo no serviço de Ortopedia e Traumatologia da Clínica Alemana de Santiago-CH, International intership program at Traumatology Department, ankle and foot Unit with MD Cristian Ortiz as tutor.

Treinamento na Especialidade

CURSO INTERNACIONAL AO-HASTES INTRAMEDULARES, realizado no Windsor Barra Hotel Rio de Janeiro RJ, 20 a 21 de maio de 2009.

AO PRINCIPLES OF FRACTURE TREATMENT COURSE, realizado em Fortaleza CE , de 4 a 6 de agosto de 2011.

CURSO AO TRAUMA PE E TORNOZELO, realizado em INDAIATUBA SP, de 24 a 26 de ABRIL de 2014.

CURSO AO TRAUMA AVANÇADO, realizado em RIBEIRAO PRETO SP , de 19 a 22 de AGOSTO de 2015.

Atividades laborais

Hospital Antonio Prudente, Fortaleza CE, atendimento clínico e procedimentos cirúrgicos, departamento de ortopedia e traumatologia, serviço de pé e tornozelo.

Membro titular do comitê de Ética Médica do Hospital Antonio Prudente, Fortaleza - CE, eleito para o atual biênio por processo eleitoral.

Hospital Gastroclinica, Fortaleza CE, atendimento clínico em emergência e procedimentos cirúrgicos.

Governo do Estado do Ceará , Policlínica Regional de Caucaia, médico ortopedista e traumatologista aprovado em concurso público.

Consultório Vittacura: Av Desembargador Moreira, 760 Meireles - Centurion Business Center - sala 809.

Também pode encontrar o Dr. Davi no Linkedin e no Google.