Tratamento caseiro para mãos ásperas

Revisado por Drª Raquel Pires (Nutricionista - CRN-6 nº 23653) a 19 novembro 2018

Tratamento caseiro para mãos ásperas: Tratar das mãos deve ser um passo obrigatório na rotina de beleza, seja de uma mulher ou de um homem.

As mãos são, talvez, o membro do corpo humano que mais sofre com as adversidades do exterior. Com elas fazemos tudo, pegamos, tocamos, sentimos ou trabalhamos. Se elas não existissem, seríamos muito mais condicionados no contacto com o mundo. Por isso, há que tratar delas e preveni-las de perigos adversos. Como é com as mãos que fazemos tudo, se não existir um cuidado especial, é natural que sintamos que estão a ficar mais fragilizadas, vulneráveis e com a pele mais rígida.

Gretas, calos e um sentimento áspero na pele são algumas das condições que afectam a pele das mãos, se não existir uma hidratação e cuidados diários. O seu toque não será a mesma coisa. Nem para si, nem para alguém que contacte pessoalmente consigo (um aperto de mãos, por exemplo) e que rapidamente perceberá em que estado estão as suas mãos. Para além do toque, as mãos ásperas e gretadas não são bonitas ao olhar. Normalmente, as calosidades e todo o aspecto frágil da mão nota-se, pois a mão enche-se de peles e parece mais inchada.

Para prevenir esta situação, deve apostar diariamente na hidratação, sobretudo, se tiver um trabalho onde use as mãos com maior força. Se já precisa de um tratamento, pode sempre usar produtos naturais, como a consolda, uma planta que é constituída por propriedades responsáveis pela regeneração e nascimento de novas células na pele.

Para fazer este tratamento, precisa apenas de três colheres de sopa de raiz de consolda e 750 ml de água. Ferva a água, com a consolda lá dentro, durante 10 minutos e depois de desligar, deixe repousar no recipiente fechado, para amornar. Coloque as suas mãos na solução durante 15 minutos e passe creme hidratante logo de seguida. Faça este tratamento pelo menos uma vez por dia.