Tratamento Natural para Herpes Genital

Revisado por Drª Raquel Pires (Nutricionista - CRN-6 nº 23653) a 19 novembro 2018

O herpes genital é uma doença que é transmitida através do contacto sexual, e que afeta geralmente a pele que está em redor da zona genital.

chá

Existem duas variantes principais do herpes: o herpes genital e o herpes da boca (que afeta geralmente a zona dos lábios). Em alguns tipos de vírus o herpes pode ser transmissível da boca para o órgão genital, por exemplo, através de contacto oral com a zona genital.

Esta doença é causada por dois vírus principais, nomeadamente o HSV2 e o HSV-1.

O que torna esta doença caracteristicamente mais complicada de prevenir, à semelhança de outro tipo de doenças sexualmente transmissíveis, é que necessitamos logicamente de confiar no nosso parceiro ou recorrer a exames médicos.

Isto é especialmente importante porque o herpes pode ser transmitido por algum indivíduo mesmo que este não tenha a doença ativa no presente momento. Assim é importante garantir que também no passado não há históricos de doenças deste género.

Para além deste tipo de cuidados que devemos ter ao nível do envolvimento sexual, também a utilização do preservativo (se for de latex) ajuda a evitar este problema.

No caso de infecção é importante iniciar de forma rápida algum tipo de tratamento, e existem medicamentos que podem ser prescritos pelo seu médico ou farmacêutico para o efeito.

É importante que se inicie o tratamento da forma mais precoce possível, pois podem haver possíveis complicações que podem agravar ainda mais o problema e evoluir para um estado em que podem surgir ainda outras doenças.

Tratamento Natural para Herpes Genital

Para além dos medicamentos já aqui referidos como forma de combate o herpes genital, existem ainda tratamentos caseiros que podemos preparar em casa e que nos podem ajudar a eliminar ou combater os sintomas mais significativos deste problema.

O remédio natural que aqui iremos abordar baseia-se no chá preto. Este é um ótimo elemento a utilizar nestas situações porque tem propriedades desinfetantes, antivirais e anti-inflamatórias. Deste modo, irão ajudar de forma significativa a eliminar os sintomas da doença e a proteger contra a reincidência da infeção.

No entanto, antes de prosseguirmos, é relevante mencionar que este tipo de tratamento não dispensa o tratamento médico, mas deve ser sim utilizado como um reforço.

Vejamos então os ingredientes, modo de preparo e aplicação deste tratamento natural.

Ingredientes

  • 0,5 L de água;
  • 2 saquetas de chá preto;
  • Compressas (preferencialmente de algodão).

Modo de Preparo

Primeiro que tudo, devemos encontrar um recipiente onde preparar este tratamento. O ideal será utilizarmos uma panela.

Depois, devemos juntar a água com o chá preto dentro desse mesmo recipiente. De seguida ferve-se o recipiente (daí dever ser preferencialmente uma panela) durante alguns minutos.

No final, vamos retirar as saquetas do chá, que serão utilizadas para o tratamento.

Aplicação

Depois de retiradas as saquetas da fervura, devemos aplicá-las diretamente na zona infetada, assim que estiverem a uma temperatura que consigamos suportar. Deixei-os na zona infetada durante pelo menos 5 minutos.

As compressas de algodão são aqui utilizadas para irmos removendo o excesso de água que possa surgir.

Este processo deve ser feito cerca de três vezes ao dia, e é muito mais eficaz quando aplicado logo no início dos primeiros sintomas.

Para além do tratamento aqui indicado e de todas as medidas de prevenção já mencionadas, devemos tentar levar um estilo de vida mais saudável, e evitar o tabaco e o álcool, de fora a termos o nosso sistema imunitário mais reforçado.