Vá ao dentista de manhã

Vá ao dentista de manhã

Ter medo de ir ao dentista é ainda muito comum e pode prejudicar os tratamentos. Chega a ser um problema sério para quem sofre do coração. Saiba como reduzir o stress. Ter medo de ir ao dentista é ainda muito comum. Esse facto prejudica a adesão aos tratamentos e pode também ser um problema sério se o paciente sofrer do coração.

Reduzir o stress pode contribuir para diminuir o risco de um ataque cardíaco, em pessoas com história de problemas cardíacos. Esta deve ser uma preocupação constante, quer do paciente quer do próprio dentista. Consultas curtas e marcadas para as primeiras horas da manhã são a solução para o medo do dentista, este é o resultado de um estudo efectuado em Itália.

Outras conclusões deste estudo referem que os médicos dentistas, perante pacientes com elevados níveis de stress e história de problemas cardíacos, devem usar medicamentos que reduzam essa ansiedade. Outro aspecto relevante, a ter em conta pelo dentista, é o cuidado que deve ter no controlo da dor durante os tratamentos feitos a doentes mais ansiosos.

Segundo estes investigadores, mesmo um aumento mínimo do ritmo cardíaco e da pressão arterial pode resultar num acidente cardíaco em pacientes com problemas de coração.

Os questionários de saúde são fundamentais nos consultórios e os pacientes devem sempre informar o seu dentista no caso de sofrerem de problemas cardíacos.