Valença do Minho

Revisado por Andre a 28 outubro 2018

Com uma superfície de 114 Km2 e uma população de cerca de 15000 habitantes, Valença do Minho situa-se numa pequena elevação na margem esquerda do rio Minho. Fronteira à cidade de Tui na Galiza com a qual comunica por uma ponte ferroviária e rodoviária. Importante centro comercial no Alto Minho, ocupa parte da sua população no comércio e no turismo.

História

Povoada por D. Sancho I que lhe deu foral, confirmado por D. Afonso II, chamava-se então Contrasta por estar oposta a outra (Tui na Galiza). D. Afonso III fortificou-a determinando que passa-se a denominar-se Valença. Durante a guerra da Restauração teve início a remodelação das suas instalações militares que se prolongou até ao reinado de D. Afonso V e fez de Valença uma das mais importantes praças-fortes do país.

Monumentos

Fortaleza de Valença
Edificada no séc. XVII. Dada a proximidade com Espanha, contava no séc. XVIII com uma guarnição fixa para a salvaguarda da fronteira.

Igreja Santo Estêvão (séc. XIII)
Da traça primitiva nada resta. Remodelada em 1792 por ordem de D. Maria I.

Capela do Bom Jesus
Antiga capela militar da Fortaleza.

Ponte Internacional Valença-Tui
Ferroviária e rodoviária, inaugurada a 25 de Março de 1886.

Miradouros

Miradouro do Monte de Faro.

Gastronomia

Sopa seca e bolachinhas de Valença, enguias à valenciana.

Feiras, festas e romarias

Festa do Senhor dos Esquecidos, em Julho.
Festa de Nossa Senhora da Saúde, em Agosto.
Festas do concelho, em Agosto.

Freguesias de Valença do Minho:

Arão
Boivão
Cerdal
Cristelo Covo
Fontoura
Friestas
Gandra
Ganfei
Gondomil
Sanfins
São Julião
São Pedro da Torre
Silva
Taião
Valença
Verdoejo