-->Verruga Plantar (Olho de Peixe): Tratamento, Medicamentos e Cirurgia

Verruga Plantar (Olho de Peixe)

Publicado em 31/05/2011. Revisado por Dr Pedro Secchin (Dermatologista CRM-SP 195965) a 16 dezembro 2018

O que é? A verruga plantar, tradicionalmente conhecida no Brasil como Olho de Peixe é um inchaço achatado, áspero e duro que surge nas plantas dos pés.

As verrugas plantares são mais comuns em jovens dos 12 aos 16 anos.

Poderá ter uma verruga plantar durante muitos anos. Nas crianças ela tende, porém, a desaparecer no período de um mês. A maioria das pessoas já teve uma verruga plantar na idade adulta.

Causas da verruga plantar (Olho de Peixe)

As verrugas plantares também conhecidas como olho-de-peixe, são causadas por um germe designado por vírus.

Este vírus, denominado de vírus do papiloma humano (VPH ou HPV) faz com que algumas células da pele cresçam mais depressa do que outras. O PVH entra, geralmente, na pele através de cortes ou arranhões.

Levantar ou coçar a verruga pode fazer com que o vírus se espalhe.

É transmissível?

Sim, as verrugas plantares transmitem-se geralmente através de banhos em piscinas públicas, ou quando se partilha o mesmo calçado com outras pessoas, etc.

Sinais e sintomas

Camadas de pele acumulam-se na planta do pé em círculos ou em forma oval. As verrugas são, geralmente, da mesma cor da pele, mas também podem ser mais escuras.

Começam, de forma geral, por serem pequenas, mas podem aumentar de tamanho.

Podem ou não causar dores quando está de pé ou caminha, dependendo do tamanho, tempo de evolção, localização e subtipo de vírus do papiloma humano.

» Saiba se Pode Estar com HPV mesmo se Não Tiver Verrugas

Cuidados a ter

Contacte o seu médico para uma consulta de acompanhamento. Anote quaisquer questões que tenha sobre as verrugas plantares. Lembrar-se-á, assim, de as colocar durante a sua próxima consulta.

Siga cuidadosamente as instruções do médico enquanto estiver a receber tratamento para a sua verruga. Mantenha a zona da verruga limpa e seca entre os tratamentos.

Não corte nem faça a barba na zona que está a ser tratada, a menos que o seu médico lho permita. Poderá ganhar uma sensibilidade acrescida nos pés durante 2 a 3 semanas se se tiver submetido a uma cirurgia de remoção da verruga.

Contacte o seu médico se apresentar algum dos seguintes sintomas:

  1. Mais dores ou uma hemorragia que não tenha parado após o tratamento.
  2. Vermelhidão, inchaço ou drenagem da zona tratada. São sinais de uma infecção.
  3. A verruga aumentou de tamanho, alastrou-se ou apareceram-lhe novas verrugas.
  4. Problemas que possam ser causados pelos medicamentos que está a tomar.

Tratamento para verruga plantar (Olho de Peixe)

verruga plantar

Existem diversas opções para eliminar as verrugas plantares. Em farmácias é possível encontrar vários tratamentos baseados em fórmulas de média acidez para eliminar o tecido da verruga, após várias aplicações.

No entanto o recomendado é marcar uma consulta com um especialista (podólogo, dermatologista, etc).

Para tratar verrugas resistentes existem outras opções, que incluem o tratamento por congelação (criocirugia); queimar a verruga através de corrente elétrica (eletrocirugia), recorrer a aplicações de ácidos fortes, cirugia a laser e remoção cirúrgica.

Remoção cirúrgica de verruga plantar

Apresentam-se, de seguida, diversos tratamentos para as verrugas plantares:

Medicamentos para as verrugas: Estes medicamentos podem ser comprados sem receita médica em farmácias.

Crioterapia: Este tratamento congela as verrugas a fim de as remover. A congelação da verruga mata as células da pele a fim de evitar o seu crescimento e multiplicação.

Electrocautério: Este tratamento utiliza o calor da electricidade para eliminar verrugas. A electricidade é utilizada para aquecer uma agulha que, assim aquecida, é colocada sobre a verruga. A electricidade não é transmitida para o corpo. Antes de se submeter a um electrocautério, comunique ao seu médico se possui um pacemaker.

Terapêutica queratolítica: Este tratamento utiliza medicamentos ácidos para fazer com que a camada exterior da pele se solte e se desprenda. Depois de a verruga ser aparada e reduzida por intermédio da terapêutica queratolítica, poder-se-ão utilizar outros tratamentos para a remover.

Terapêutica a laser (laserterapia): Este tratamento consiste na aplicação de um fino feixe de luz sobre a verruga. Normalmente, permanecem cicatrizes mínimas na pele quando se utiliza a terapêutica a laser. Ou cirurgia de remoção da verruga plantar.

Fotos de verrugas plantares

» Conheça 7 Remédios Caseiros para Verrugas Genitais

Referências

E você, já sofreu deste probleminha? Partilhe suas dúvidas e experiências no fórum e ajude muitas pessoas!

Saiba mais sobre:
A informação foi útil? Sim / Não

O texto contém informações incorretas? Está faltando a informação que você está procurando? Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva-nos para que possamos verificar e melhorar o conteúdo. Não lhe iremos responder diretamente. Se pretende uma resposta use a nossa página de Contato.


Nota: O Educar Saúde não é um prestador de cuidados de saúde. Não podemos responder a perguntas de saúde ou aconselhá-lo nesse sentido.
Autores
Dr Pedro Secchin (Dermatologista CRM-SP 195965)

Dermatologista - CRM-SP 195965 / RQE 73850

Consultar > Currículo Lattes.

O Dr. Pedro Secchin é Graduado em Medicina pela Universidade Gama Filho (UGF) – 2011. É Mestrado em Medicina pela Fundação Oswaldo Cruz (IOC/Fiocruz). Além disso o Dr. também possui:

- Especialização em Dermatologia no Hospital Universitário Clementino Fraga Filho da Universidade Federal do Rio de Janeiro (HUCFF/UFRJ) - 2018.

- Título de especialista em Dermatologia pela Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e Associação Médica Brasileira (AMB).

- É membro titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Endereço: Rua Inglês de Sousa, 449. CEP: 01546-010 - Jardim da Glória São Paulo - São Paulo Telefone: ‪(11) ‬4301-9931

Também pode encontrar o Dr. Pedro no Linkedin e Instagram.